Primeiras confirmações: António Zambujo, Raquel Tavares, Simone de Oliveira e Kiko

Bilhetes já à venda.

3 e 4 de junho

www.caixaribeira.pt | www.facebook.com/caixaribeira  

Palco Caixa, Palácio da Bolsa – Pátio das Nações e Salão Árabe, Mercado Ferreira Borges – Hard Club 1 e 2, Igreja de São Francisco, Palco Festival – Escadarias da Igreja de São Francisco, Fado à Janela, Casa do Infante, Cave no Cais da Estiva, Antiga Junta de Freguesia de São Nicolau.

O Festival Caixa Ribeira regressa à Invicta, nos dias 3 e 4 de Junho, com um cartaz de excelência. António Zambujo, Raquel Tavares, Simone de Oliveira e Kiko são os primeiros artistas confirmados.

Durante dois dias, mais de 40 fadistas vão atuar em 10 palcos distintos, situados na Ribeira do Porto, numa iniciativa da Caixa Geral de Depósitos e da Música no Coração, com o apoio da Câmara Municipal do Porto, através da Porto Lazer.

Depois do êxito da primeira edição, que levou à Ribeira, do Porto, alguns dos mais consagrados fadistas e onde se viveram momentos únicos e emocionantes, com enorme adesão do público, era obrigatório, sem dúvida, o regresso desta celebração em 2016. E os primeiros nomes anunciados deixam antever uma segunda edição que não só repetirá o êxito da primeira, como contribuirá para a consolidação do Festival na cidade.

Para além dum cartaz promissor, o Festival Caixa Ribeira voltará apresentar 10 palcos singulares numa das zonas mais icónicas da Cidade, a Ribeira.

A novidade deste ano será a inclusão da Casa do Infante no roteiro do Festival, um espaço que constitui uma referência histórica e cultural da cidade, enriquecendo assim o conjunto de espaços que receberão os mais de 40 concertos nestas duas noites de Fado.

O Festival decorrerá assim no Salão Árabe e no Pátio das Nações do Palácio da Bolsa, no Hard Club 1 e 2 no Mercado Ferreira Borges, na Igreja de São Francisco, na Escadaria da Igreja de São Francisco, no Palco Caixa (palco principal localizado no estacionamento da Alfândega), na Cave no Cais da Estiva, na antiga Junta de Freguesia de São Nicolau, o Fado à Janela no Cais da Estiva, e na Casa do Infante.

O alentejano  António Zambujo  é hoje uma das vozes mais queridas do público português. Antes do reconhecimento musical, representou durante quatro anos em “Amália” de Filipe La Féria. Com uma série de discos editados, onde funde o Jazz, o Fado e o Cante Alentejano foi vencedor, em 2006, do prémio Amália Rodrigues na categoria de "Melhor Intérprete Masculino de Fado". Canta com enorme sucesso dentro e fora de Portugal. Em 2014, lança “Rua da Emenda”, registo que funde numa harmonia imaculada todos os géneros que lhe são paixão e que lhe valeu mais um disco de platina, 2 Globos de Ouro e a aclamação unânime da crítica. Vem ao Caixa Ribeira no dia 3 de junho para um dos concertos mais esperados do Festival.

Raquel Tavares representa de jeito único e cintilante o Fado moderno. Aos 12 anos, em 1997, venceu a Grande Noite do Fado no Coliseu de Lisboa e, desde então, o êxito não mais a largou. Com dois discos editados, “Raquel Tavares” (2006) e “Bairro” (2008), garantiu um lugar na história do Fado, palmilhando palcos pelo mundo inteiro. Em 2016, nove anos depois do último disco, regressa às edições discográficas com um muitíssimo aguardado novo álbum com edição prevista para esta Primavera. No Caixa Ribeira desfilará a dia 4 de Junho as canções do novo disco para privilégio da sua enorme legião de admiradores.

Simone de Oliveira dispensa apresentações. Canta e representa com uma garra inigualável há quase seis décadas, e é um dos nomes mais conhecidos da canção portuguesa, do teatro, do cinema e da televisão. A carreira de Simone de Oliveira teve os seus primeiros momentos quando venceu o Festival RTP da Canção de 1965 com o tema "Sol de Inverno", de Nóbrega e Sousa e Jerónimo Bragança, e em 1969 com o maior êxito da sua carreira, "Desfolhada Portuguesa", da autoria de José Carlos Ary dos Santos e Nuno Nazareth Fernandes. Editou vários LPs e EPs, com a colaboração de nomes como José Cid, Paulo de Carvalho, Carlos do Carmo, entre tantos outros. Condecorada com a Ordem do Infante, é uma das artistas portuguesas mais admiradas e consagradas. Nome imperdível, atuará no dia 4 de Junho no Festival.

Kiko tem apenas 15 anos, mas as suas qualidades já são conhecidas por muitos. Em 2012 venceu, na categoria Infantil, o Grande Prémio do Fado RTP/Rádio Amália. Em 2016 edita disco novo que vai apresentar pela primeira vez, em exclusivo, no dia 3 de Junho no Caixa Ribeira.

O bilhete único para os dois dias já está à venda na Blueticket, no Palácio da Bolsa e nos restantes locais habituais. Tem o preço de 28€, passando a 35€ nos dias do Festival, sendo que os clientes da Caixa têm desconto de 10% nos bilhetes adquiridos com cartão da Caixa no Palácio da Bolsa.
 

Tags:

Subscrever

Media

Media