Legislação e abrandamento da actividade económica são os principais factores de risco para as Instituições Financeiras

A Aon Risk Solutions, o departamento de gestão de risco da Aon plc (NYSE: AON), revelou hoje as conclusões do seu “2014 EMEA Financial Institutions Industry Report” que identifica os principais riscos que as Instituições Financeiras daquela região enfrentam. Os resultados demonstram que as alterações regulatórias e legais, seguidas por um abrandamento da actividade económica, aumento da competitividade e a protecção das marcas, são os quatro principais riscos que as Instituições Financeiras globais e da região EMEA enfrentam hoje e que lhes causaram perdas financeiras nos últimos doze meses.
 
Apesar disso, o Relatório aponta para uma discrepância entre as Instituições Financeiras globais e as da região da EMEA, com estas últimas a demonstrarem maior preocupação com riscos que envolvem tecnologia ou falha de sistemas, cash flow e liquidez, crime, roubo, fraude ou desonestidade por parte dos seus colaboradores.
 
“As conclusões deste Relatório demonstram claramente que a Gestão de Risco é uma área-chave no negócio das empresas, que lhes permite antecipar cenários e responder a eles mais eficazmente para alcançar crescimento e rentabilidade num ambiente cada vez mais desafiante”, refere Enrico Nanni, Chief Commercial Officer, Financial and Professional Services na Aon Global Broking Centre.
 
Alterações legais e regulatórias e abrandamento económico no topo dos riscos
O “2014 EMEA Financial Institutions Industry Report” revela que 67% das Instituições Financeiras da região da EMEA reconheceram perdas financeiras como resultado de alterações legislativas e regulatórias nos últimos doze meses e que 63% destas sofreram consequências financeiras à medida que a economia abrandava.
Para além disto, 57% das Instituições referiu que o aumento da competitividade está na base das suas perdas financeiras e 52% mencionou os danos à sua reputação e imagem como o principal factor que contribuiu para o mesmo desfecho.
Enrico Nanni afirma que “no actual cenário global, as Instituições Financeiras enfrentam desafios complexos que vão desde o controlo regulatório dos riscos aos rácios de capital. Para além disso, as preocupações em torno de potenciais falhas tecnológicas e as ameaças constantes de fugas de informação através de ciber-ataques significam que os riscos para as Instituições Financeiras nunca estiveram tão altos.”
 
“É importante que partilhemos estes dados com os nossos clientes para assegurar que eles recebem a orientação adequada em termos de mitigação dos riscos e possam proactivamente abordar os seus riscos de negócio”, conclui.
Preço é o principal factor para subscrição de seguros
O “2014 EMEA Financial Institutions Industry Report” conclui ainda que para 88% das Instituições Financeiras, o preço é o principal factor na decisão de subscrever uma apólice de seguro. No ano passado, este valor era de 62%.
O Relatório conclui também que, se em 2013, as Instituições Financeiras estavam receptivas em subscrever uma apólice de seguro com base na sua relação de longa data com a companhia seguradora (36%), em 2014 esse valor desce drasticamente para os 10%.
“Esta mudança na atitude de compra apresenta-se como um desafio claro para o mercado segurador. As seguradoras devem, por isso, considerar se devem continuar a competir com base no preço dos produtos ou, em alternativa, propor a transferência dos riscos novos e emergentes através de soluções específicas adequadas”, refere Enrico Nanni.
 
Já os Termos e as Condições são apontados por apenas 2% das Instituições inquiridas como o aspecto essencial para a subscrição de seguros.
 
O “2014 EMEA Financial Institutions Industry Report” pode ser consultado em http://bit.ly/1AezNxW

Sobre a Aon
Aon corporation (NYSE: AON) é o líder mundial em serviços de corretagem e consultoria de seguros, resseguro e gestão de riscos, e em consultoria de recursos humanos e soluções de outsourcing. Através dos seus mais de 61,000 colaboradores em todo o mundo, a Aon une-se com o intuito de criar resultados para clientes em mais de 120 países através de inovadoras e eficientes soluções e também através de recursos e conhecimentos técnicos líderes globais do seu sector. A Aon foi várias vezes nomeada, por múltiplas fontes do sector, como a melhor corretora de seguros, melhor intermediário de seguros, intermediário de resseguros, gestor de cativas e empresa consultora recursos humanos. Visite www.aon.com para mais informações sobre a Aon e www.aon.com/manchesterunited para saber mais sobre a parceria e o patrocínio da camisola do Manchester United.
 

Tags:

Sobre nós

Empresa mundial em servi�os de corretagem e consultoria de seguros, resseguro e gest�o de riscos, e em consultoria de recursos humanos e solu��es de outsourcing.

Subscrever