AVON apoia luta da APAV contra a Violência Doméstica

O apoio da AVON a causas próximas do bem-estar das mulheres sempre fez parte da estrutura da marca, que desde 2009 apoia a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) através da venda de produtos cujas receitas revertem a 100% para esta causa. Este ano, a Campanha Global da AVON contra a Violência Doméstica angariou 9.000 euros, através da venda da Pulseira Empowerment, que teve como embaixadora a conhecida modelo internacional, Irina Shayk.

A entrega do donativo foi feita por Marco Midali, General Manager Ibérico da AVON e por Susana Pereira, Country Sales Leader da AVON Portugal à Drª Carmen Rasquete, Secretária-Geral da APAV.

Entre 2009 e 2013, a AVON conseguiu angariar até à data 73.627€ para a APAV. Esta Campanha Global Contra a Violência Doméstica é levada a cabo pela AVON em todos os países onde se encontra e passa também pelo apoio a programas de consciencialização e educação.

Num total de 8.733 casos acompanhados pela APAV em 2013, 82,8% destes eram pessoas do sexo feminino com idades entre os 25 e os 54 anos de idade, com especial destaque para o intervalo de idades entre os 35 e 44 anos. A categoria dos crimes de violência doméstica representa 84,2% do total de crimes relatados pelas vítimas à APAV em 2013.
“A violência doméstica consiste num padrão de sucessivos abusos com o objetivo de manter controlo sobre a vítima. Pode ocorrer ocasional ou continuamente e tem tendência a agravar-se com os tempos de crise que vivemos. Inclui abusos físicos, sexuais, psicológicos ou financeiros e não distingue género, idade
ou classe social, podendo afetar qualquer um. A AVON como “Companhia para as Mulheres”, tem vindo a reforçar a sua consciência social, em causas como esta, juntando-se uma vez mais à APAV e contribuindo com apoio financeiro para as Casas Abrigo. A finalidade é promover uma vida melhor a estas vítimas.”, explica Susana Pereira, Country Sales Leader da AVON Portugal

João Lázaro, presidente da APAV, comenta: “Este donativo terá como destino as Casas de Abrigo da APAV, que acolhem mulheres e crianças vítimas de crime e de violência. O acolhimento em Casa de Abrigo é um passo fundamental para a mudança e para um projeto de vida sem violência. No ano de 2013 a APAV acolheu 30 mulheres na Casa de Abrigo SOPHIA; no ano de 2014 foram acolhidas no total 86 mulheres (entre o acolhimento prolongado e o acolhimento de emergência). Já na Casa de Abrigo ALCIPE foram acolhidas, no ano de 2013, 64 mulheres e em 2014 foram acolhidas 55 mulheres, até ao momento. A parceria entre a AVON Portugal e a APAV, que teve início no ano de 2009 e que tem sido alicerçada ao longo destes anos, é um grande exemplo de responsabilidade social”.

Tags:

Sobre nós

Comercialização de perfumes e cosméticos.

Subscrever

Media

Media