“I Love Kuduro” distingue-se com Melhor Fotografia no Festival Cineport

Estreou-se com sucesso no Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro, esgotou a sessão em Portugal, no DocLiboa, e voltou ao Brasil para ser exibido no CineSesc em São Paulo, no Cine Santander Cultura na cidade de Porto Alegre e no Festival Internacional de Cinema da Fronteira, em Bagé. Em 2014, “I Love Kuduro” voa até ao México e marca presença no Festival Internacional de Cine en Guadalajara, considerado o festival de cinema de maior prestígio na América Latina e entre os mais importantes festivais de cinema de língua espanhola no mundo. Este mês regressa ao Brasil, para o Cineport - Festival de Cinema de Países de Língua Portuguesa, e acaba de ganhar o prémio de Melhor Fotografia. O galardão - Troféu Andorinha - foi entregue ao diretor de fotografia, Pedro Patrocínio, no passado sábado dia 12.

“I Love Kuduro” é realizado por Mário Patrocínio e resulta de uma coprodução entre a BRO, produtora portuguesa, e a empresa angolana Da Banda.

Relativamente ao prémio Pedro Patrocínio afirma que “quando estamos a filmar pensamos sobretudo em dar o nosso melhor ao projeto e não propriamente nos prémios. Mas é sempre bom receber uma distinção que valoriza o nosso trabalho, é muito gratificante e por isso agradeço ao festival Cineport e a toda a equipa”. O diretor de fotografia defende que “o prémio só foi possível graças à equipa da Bro, ao nosso coprodutor, a Da Banda e sua equipa, e a todos os angolanos que nos possibilitaram concretizar mais este sonho e por isso este troféu, apesar de ter sido recebido por mim, é também de todos eles”.

“I Love Kuduro”, que se encontra a percorrer o circuito de festivais de cinema, foi ainda selecionado para o HotDocs International Documentary Festival, o maior festival de documentários da América do Norte, vai estar presente no Festival Lusophone Film Fest of Nairobi, no Quénia, e ainda no Fist Up Film Festival, na Califórnia. Quanto à estreia nos cinemas, confirma-se que acontecerá em 2014 e que será anunciada em breve.

Recorde-se que este é o mais recente projeto cinematográfico da dupla de irmãos portugueses que assinou o documentário “Complexo: Universo Paralelo” e que em 2011 ganhou o prémio de Melhor Filme Internacional na categoria de Direitos Humanos no Artivist International Film Festival, de Hollywood.

(Comunicado integral em Anexo)

Tags:

Subscrever

Media

Media