Autarquia convida à participação ativa da comunidade

O presidente da Câmara de Oliveira de Azeméis defendeu, na abertura do programa municipal do Ano Europeu dos Cidadãos 2013, o «gozo pleno dos direitos por parte de todos os cidadãos».«Devemos agarrar a comemoração deste Ano para conhecer melhor a Europa e para falar dos nossos direitos», afirmou Hermínio Loureiro, frisando que «o município de Oliveira de Azeméis tem uma particular preocupação, não só em assinalar os anos europeus, mas acima de tudo em melhorar o seu posicionamento e estratégia».«As comemorações vão envolver toda a população e, em especial, a comunidade escolar», concluiu.As ações do Ano Europeu estão concentradas num conjunto de atividades que contribuem para a participação cívica e social dos cidadãos habilitando-os para um melhor exercício dos seus direitos.O programa, que arranca no mês de abril, prolonga-se até dezembro nas 19 freguesias.Para Gracinda Leal, vereadora da ação social, «assinalar o Ano Europeu é criar mecanismos facilitadores do acesso a informação relevante no âmbito da cidadania europeia».«É pelas pessoas que, uma vez mais, a autarquia vai levar a cabo um conjunto de atividades que pretendem promover a participação social da comunidade oliveirense», disse, acrescentando que «o programa municipal pretende constituir-se num veículo de promoção da literacia sobre a União Europeia dando a conhecer os seus princípios e símbolos». O Ano Europeu dos Cidadãos 2013 foi instituído pelo Parlamento Europeu e vai centra-se nos direitos de que todas as pessoas gozam automaticamente em toda a União Europeia pelo facto de serem cidadãos europeus.Na sessão de abertura do programa municipal esteve ainda presente João Pedro Frutuoso, representante do Centro Europe Direct do Porto.

Tags:

Sobre nós

Município de Oliveira de Azeméis.

Subscrever