Protocolo com a ESE quebra o isolamento aos idosos do concelho

A Câmara de Oliveira de Azeméis assinou um protocolo de cooperação com a Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa (ESEnfCVPOA).

O acordo, estabelecido no âmbito do programa municipal do Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade, resulta da política de parceria da autarquia.

«Se trabalharmos em conjunto, no final, conseguiremos atingir os objetivos», afirmou o presidente do município, Hermínio Loureiro.

O protocolo com a ESEnfCVPOA permite o desenvolvimento do projeto «Uma voz por um sorriso» que está a ser dinamizado junto da população sénior do concelho em risco de isolamento social, com recurso ao voluntariado.

O projeto tem como principal objetivo a «implementação de uma rede de contactos telefónicos regulares entre os jovens e os idosos», afirmou o autarca.

Segundo Hermínio Loureiro, «a prestação do serviço pretende estimular as relações afetivas entre os jovens e as pessoas de maior idade ao quebrar o afastamento social destes».

«Felicito a componente associada a este protocolo, uma vez que incorpora a pedagogia e ataca problemas como os da solidão», disse Henrique Pereira, presidente da escola superior.

«Uma voz por um sorriso» vai ser coordenado pelo Banco Local de Voluntariado de Oliveira de Azeméis em cooperação com a Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa.

Tags:

Sobre nós

Município de Oliveira de Azeméis.

Subscrever