Solidariedade da população fez a diferença neste Natal

A campanha de recolha de bens a favor das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) do concelho de Oliveira de Azeméis levada a cabo durante o mês de dezembro apresentou um «balanço muito positivo».A ação, promovida pela Câmara Municipal em parceria com as dez IPSS e a colaboração do hipermercado Continente, resultou num total de 5654 unidades de géneros alimentares, entre outros, arroz, massa, farinha, açúcar, cereais, leite, enlatados diversos, óleo alimentar e azeite, o que equivale a 3,822 quilogramas.«Esta iniciativa teve como objetivo a recolha do maior número possível de alimentos, para conseguir dar resposta aos pedidos de apoio por parte das instituições do concelho e sensibilizar toda a comunidade para a necessidade de congregar esforços no apoio social», afirmou a vereadora da ação social.Segundo Gracinda Leal, «foi graças à forte adesão dos cidadãos, que demonstraram, uma vez mais, possuir um forte espírito de solidariedade, que atingimos resultados que ultrapassaram as nossas expectativas, permitindo, sobretudo neste momento de crise que o país atravessa, apoiar aqueles que mais necessitam».A Câmara Municipal não poderia, por isso, deixar de manifestar público reconhecimento e agradecimento a todos os cidadãos que contribuíram para esta causa solidária, assim como a todos os voluntários envolvidos nesta campanha.«Gestos que marcam... O seu faz a diferença!» foi o slogan da iniciativa que, apesar da crise, manifestou os níveis de disponibilidade e de generosidade da população oliveirense. A campanha contou o Centro Social, Cultural e Recreativo de Carregosa, o Centro Social Dra. Leonilda Aurora da Silva Matos, o Centro Paroquial e Social de Santo André, o Centro Social e Paroquial de Nogueira do Cravo, a Comissão de Melhoramentos de Azeméis e de Ossela, a Cruz Vermelha Portuguesa, a Fundação Manuel Brandão, a Obra Social de S. Martinho da Gândara e a Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis enquanto instituições parceiras.

Tags:

Sobre nós

Município de Oliveira de Azeméis.

Subscrever