‘Tarde Maior’ desvenda os mitos e os factos da migração

A vereadora da ação social da Câmara de Oliveira de Azeméis considerou que «o município tem dado muitos oliveirenses ao mundo».Gracinda Leal falava na 3ª sessão de 2013 do programa «Tardes Maiores» que se realizou no clube sénior de S. Martinho da Gândara sob o tema «Migração – Mitos e factos».«Por razões diversas tem-se verificado um aumento substancial da saída da população para outros países», disse.Cerca de quatro dezenas de seniores das freguesias de Madail e S. Martinho abordaram questões relacionadas com o trabalho, a educação, a qualidade de vida, a cultura, a língua e os problemas relacionados com o processo migratório.Sob a orientação de Filipe Pinho, representante do Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural (ACIDI), os ‘maiores’ esclareceram as suas dúvidas no que respeita ao acolhimento e integração dos imigrantes.O projeto «Tardes Maiores», tem para este ano e durante todos os meses uma temática sobre a cidadania.A iniciativa vai percorrer todo o concelho e inclui a realização de várias ocupacionais, socioeducativas, culturais e recreativas que contribuem para um clima de relacionamento saudável entre os seniores, estimulando a socialização, o reforço dos laços de amizade e combater o isolamento social.A próxima sessão do programa «Tardes Maiores» acontece a 12 de abril, na freguesia de Palmaz, sob o tema «Ambiente e qualidade de vida».

Tags:

Sobre nós

Município de Oliveira de Azeméis.

Subscrever