Aliança Portugal perde nas urnas mas ganha na comunicação social

A Cision, líder global em serviços e software de pesquisa, monitorização e análise de media, realizou um estudo que pretendeu aferir como foi feito o acompanhamento da campanha eleitoral, para as eleições europeias de 2014, por parte dos diversos meios de comunicação social portugueses.

O estudo conclui que os candidatos cabeças-de-lista da Aliança Portugal, coligação PSD/CDS na corrida às eleições europeias, conseguiram, conjuntamente, obter 37% do espaço dedicado, pelos diferentes meios de comunicação social, à cobertura mediática das várias campanhas partidárias.

Segundo este estudo, Paulo Rangel, do PSD, foi o candidato com mais presença na comunicação social, conseguindo 25% do total de notícias analisadas, seguido por Francisco Assis, do PS, com 23% e Nuno Melo, do CDS, com 12%.

Apesar da diferença clara de percentagens, que favoreceu (em termos de presença mediática) a campanha conduzida separadamente pelos partidos que constituem a Aliança Portugal, esta não foi suficiente para evitar a derrota eleitoral registada no dia 25 de Maio passado.

Curiosos são ainda os resultados de Marisa Matias, do BE, e de João Ferreira, do
PCP, com 15% e 14%, respetivamente. Os resultados equilibrados, em termos de cobertura mediática, traduziram-se em resultados completamente díspares em termos eleitorais.

Este estudo torna ainda mais surpreendente o resultado vitorioso do cabeça-de-lista do MPT, Marinho e Pinto, que dispôs de singelos 5% em termos de presença nos media.

O objeto de análise deste estudo foram todas as notícias com referência aos diferentes candidatos cabeças de lista dos diferentes partidos, num total de 10.739 artigos veiculados no espaço editorial português, em mais de 2000 meios de comunicação social (televisão, rádio, online e imprensa). O período temporal sobre o qual incidiu foi o período correspondente à campanha eleitoral, de 12 a 23 de Maio de 2014.

Tags:

Sobre nós

A Cision e lider global no fornecimento de servicos para planeamento, contacto, monitorizacao e analise dos media.

Subscrever

Media

Media