Mourinho e Lopetegui vencem a Liga Mediática

José Mourinho é o treinador português mais mediático, nos media online globais, no ano de 2015.

O número é esmagador. José Mourinho, técnico que recentemente se sagrou campeão da liga inglesa aos comandos do Chelsea F C, registou o impressionante número de 268.070 referências em artigos noticiosos online, em todo o mundo.

Neste campeonato mediático de treinadores lusos ao serviço de emblemas estrangeiros, Leonardo Jardim é a segunda figura a merecer maior destaque nos media online mundiais. O madeirense, atualmente aos comandos do AS Mónaco, obteve 17.132 referências nos meios de informação online globais, um resultado em muito impulsionado pela prestação da equipa monegasca na presente edição da Liga dos Campeões.

Com 8.639 referências seguiu-se Nuno Espírito Santo, treinador do Valência CF, que terminou a Liga espanhola na quarta posição apurando a equipa para a próxima edição da Liga dos Campeões, e ainda André Villas-Boas, com 7.777 referências, técnico que levou o FC Zenit São Petersburgo ao título de campeão russo em 2015.

A fechar a tabela surgem os treinadores Paulo Sousa, que conduziu o F.C. Basel ao título helvético, e ainda Vítor Pereira, que apesar da chegada tardia à Grécia conseguiu levar o emblema do Pireu ao título. Paulo Sousa e Vítor Pereira conseguiram, respetivamente, 5.070 e 2.042 menções em artigos noticiosos online.

Lopetegui supera Jesus nos media nacionais

Se nas provas em que participou o treinador do FC Porto não conseguiu atingir os objetivos a que se propôs, já no campo mediático, entre os cinco treinadores que ficaram nos primeiros 5 lugares da Liga NOS, Julen Lopetegui foi mesmo o que mais se destacou.

O treinador do FC Porto obteve 15.632 referências nos meios de comunicação sociais portugueses contra as 14.933 do “rival” Jorge Jesus, técnico que recentemente levou o S.L. Benfica à conquista do bicampeonato. 

A isto não é indiferente o facto do FC Porto ter chegado aos quartos-de-final da Liga dos Campeões e ainda algumas polémicas em que o treinador do FC Porto viu o seu nome envolvido ao longo da temporada, incidentes que acabaram por centrar a atenção generalizada dos media nacionais. Estes números demonstram ainda que a história do FC Porto, versão 2014/2015, girou, fundamentalmente, em torno da figura do seu treinador.

Na terceira posição surge o treinador do Sporting CP, Marco Silva, com 12.322 referências registadas nos diversos meios de informação. A completar a lista estão Sérgio conceição e Rui Vitória, com 4.807 e 3.604 menções.

O objeto de análise deste estudo realizado pela Cision, líder global em serviços e software de pesquisa, monitorização e análise de media, foram todas as notícias referentes aos diferentes treinadores. A análise incidiu sobre a informação divulgada diariamente em mais de 85.000 sites de informação online em todo o mundo, bem como a veiculada no espaço editorial português, em mais de 2.000 meios de comunicação social (televisão, rádio, online e imprensa). 

Tags:

Sobre nós

A Cision e lider global no fornecimento de servicos para planeamento, contacto, monitorizacao e analise dos media.

Subscrever

Media

Media