V Rastreio Gratuito da Dislexia

Das 9:30 às 19:00

Não compreender o que lê, ler devagar e de forma incorreta, ter dificuldades em memorizar ou não conseguir resolver problemas de matemática são apenas alguns dos sintomas de Dislexia. Na presença de insucesso escolar, a ausência de diagnóstico ou diagnóstico tardio, para além de atrasos e recuos na aprendizagem, podem ainda surgir problemas emocionais graves que comprometem o futuro das crianças e dos jovens disléxicos.

Para evitar este cenário negativo, a Clínica Clipêutica vai realizar, de forma gratuita, o V Rastreio da Dislexia dia 7 de Dezembro, na Rua do Relógio, nº 177, no Porto entre as 9:30 e as 19:00.

As quatro primeiras ações de Rastreio da Dislexia realizadas pela Clínica Clipêutica revelaram uma percentagem preocupante de crianças com perturbações emocionais associadas a dificuldades escolares acentuadas. De facto, 76% dos rastreados que tinham terminado o 1º ano de escolaridade com insucesso escolar já apresentavam vários sinais de perturbação emocional: dores de cabeça, sono agitado, nervosismo, choro fácil e perda de apetite. Os sintomas de perturbações no sono, que nem sempre são percebidos pelos pais, são um dos mais importantes indicadores de ansiedade e de sofrimento.

É possível detetar a presença da dislexia desde cedo, especialmente no início do 2º ano de escolaridade momento em que a leitura de textos é regularmente apresentada às crianças. Um diagnóstico correto permite que a pessoa, de qualquer idade, perceba o porque da ansiedade sentida em momentos cruciais da sua vida e possa determinar novas metas para o futuro.

De acordo com estudos científicos nacionais e internacionais, estima-se que em Portugal 45% da população escolar manifesta dificuldades de aprendizagem e que 75% destes apresentam um quadro de Dislexia. Mais de três quartos das crianças que apresentam dificuldades de aprendizagem sofrem de dislexia.

Ao realizar o V Rastreio Gratuito da Dislexia, a Clínica Clipêutica visa dar resposta social às crescentes preocupações dos pais em relação ao insucesso escolar dos filhos. Através de um diagnóstico precoce e de um tratamento atempado é possível compensar as dificuldades de crianças e jovens portadores de dislexia e contribuir para o sucesso na aprendizagem, pois ter Dislexia não é sinónimo de insucesso escolar.

O rastreio é efetuado por um técnico especializado em desenvolvimento infanto-juvenil e inclui um teste de leitura e um inquérito realizado aos pais. Num máximo de 30 minutos, descubra se o seu filho tem Dislexia e quais as melhores soluções terapêuticas.

Inscreva-se no rastreio enviando o seu nome, telefone e morada para o email: geral@clipeutica.pt ou via telefone: 229 020 987/ 937 452 857

No dia 7 de Dezembro, entre as 09h30 e as 19h, venha à Clínica Clipêutica, na Rua do Relógio, nº 177, no Porto, realizar o Rastreio da Dislexia e encontrar soluções.

Contactos para marcação de rastreio:
Clínica Clipêutica
Rua do Relógio, 177 - Porto
mail: geral@clipeutica.pt
Telf.: 22 902 09 87
Telem.:93 745 28 57

Sobre a Clipêutica:

A Clipêutica – Centro de Terapias de Desenvolvimento, Lda. foi fundada a 13 de Dezembro de 2001.

A Clipêutica é uma clínica de prestação de serviços terapêuticos de saúde, destinada a utentes de diferentes idades: crianças, adolescentes, jovens e adultos.
A promoção do sucesso pessoal é o principal objectivo desta instituição, considerando a pessoa (criança, jovem e adulto) como elemento de um sistema, interligando as diferentes partes através do reforço positivo e do estabelecimento de expectativas realistas e responsáveis. A Clipêutica tem como processos de intervenção a avaliação interdisciplinar das necessidades de cada utente e o consequente plano de intervenção, o qual é estruturado e acordado entre a equipa multidisciplinar e o paciente. Outro dos processos utilizados consiste na investigação e na implementação de novas estratégias e técnicas científicas, adequando a intervenção às necessidades, potencialidades e aspirações individuais.

Tags:

Sobre nós

Prestação de serviços médicos e terapêuticos destinada a utentes de diferentes idades: crianças, adolescentes, jovens e adultos.

Subscrever