Conferência Portugal Saudável conclui:

  • Iniciativa foi promovida pela Missão Continente e discutiu a importância da alimentação e de um estilo de vida saudável

 

A Conferência Portugal Saudável, realizada ontem, dia 28 de março, na Fundação Champalimaud, concluiu que a saúde começa na alimentação. Esta foi a grande conclusão do evento, que também destacou o facto da alimentação saudável ser uma tendência, que está a ser acolhida pelos portugueses nos anos recentes.

O evento deixou bem evidente que a alimentação saudável é um hábito que tem de ser cultivado em casa e desde tenra idade, apesar de nunca ser tarde para o fazer. Ficou também demonstrado que há ainda muito trabalho a fazer em termos de sensibilização e que esse esforço deve ser conjugado entre entidades públicas, privadas e organizações não governamentais.

A iniciativa foi promovida pela Missão Continente e contou com a participação de um painel alargado e diverso de interlocutores, que expuseram as suas posições sobre alimentação e sobre a melhor forma dos portugueses adotarem um estilo de vida saudável.

Na audiência estiveram perto de 200 pessoas, que participaram ativamente na discussão promovida pelos interlocutores em palco. Destacam-se o Diretor-Geral da Saúde, Francisco George, o Secretário de Estado da Agricultura e da Alimentação, Luís Medeiros Vieira, e ainda caras bem conhecidas do grande público, como Fátima Lopes, Adrien Silva e o Chef Hélio Loureiro.

A Conferência contou também com a participação de especialistas em saúde e nutrição, como a Dr.ª Minnie Freudenthal, médica especialista nas áreas da nutrição e neurociência, de investigadores como Helena Abreu, responsável de investigação e desenvolvimento da Algaplus, mas, também, das Vloggers Inês Ribeiro e Sea3po, que, representando as gerações mais jovens de portugueses, deram a conhecer as suas principais preocupações em termos de alimentação.

Declarações:

De acordo com José Fortunato, Presidente da Missão Continente “ A Conferência Portugal Saudável cumpriu em pleno o objetivo de colocar em perspetiva um conjunto de ações, para promover uma alimentação e um estilo de vida saudável, que poderão ser implementadas por todos os agentes da sociedade civil. Começando nos particulares, passando pelas entidades públicas e ONG’s e acabando nas empresas, todos temos algo a fazer para contribuir para um Portugal mais saudável .”

Por sua vez, Francisco George, Diretor-Geral da Saúde, diz que “ é importante que aconteçam iniciativas como esta, pelo interesse público, e que existam alianças entre o Governo e empresas do setor privado, como a SONAE MC, para contribuir nesta temática (da promoção da alimentação saudável) e para que possam dar o exemplo, de modo que sejam ações a serem replicadas.”
 

Imagens disponíveis para download AQUI

Tags:

Sobre nós

Cadeia de supermecados da SONAE.

Subscrever

Media

Media