INSTITUIÇÕES DE LISBOA RECEBEM 101 MIL EUROS EM DOAÇÕES DA MISSÃO SORRISO CONTINENTE

“Quiosque da Saúde” da Associação Conversa Amiga (ACA), “Implementação do Rastreio de Cardiopatias Congénitas Críticas no Recém-Nascido” do Serviço de Neonatologia do Hospital Santa Maria, CHLN, E.P.E, “Compreender para Melhor Cuidar” do Centro Social Paroquial da Nossa Senhora da Luz, “Cozinha para todos” da CEDEMA – Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Mentais Adultos, “Mercearia Social – Rainha Santa Isabel” do Centro Comunitário Paroquial da Ramada, “Olhe pela Segurança das Crianças: Filmes para Famílias” da Associação para a Promoção da Segurança Infantil, “Marcos' Camps – Campo e Capacitação e Autonomia” da Raríssimas – Associação Nacional de Deficiências Mentais e Raras, “Aquisição de equipamento de ginásio/fisioterapia” da Associação de Pais e Amigos de Deficientes Profundo – Anorama, a iniciativa “Sorrir sem dor no Hospital” do Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca, EPE, a ação “Prato Cheio” da CAIS – Associação Solidariedade Social vão receber doações no valor total de 101 mil euros pela Missão Sorriso Continente.
 
A Associação Conversa Amiga (ACA) concorreu ao apoio da Missão Sorriso Continente com a iniciativa “Quiosque da Saúde”, que tem como principal objetivo “prestar apoio a pessoas que se encontrem em situação de solidão e exclusão humana”, tendo em consideração que a falta de acesso facilitado à Saúde em Lisboa afeta milhares de pessoas idosas, com consequente isolamento, sofrimento e inatividade desta população. Este projeto pretende ainda estabelecer uma relação próxima, simples e fácil com os cuidados de Saúde, criando um ambiente de capacitação e interação social pelo que beneficiou de uma doação de 15 mil euros para a aquisição de três quiosques. 
 
O projeto “Implementação do Rastreio de Cardiopatias Congénitas Críticas no Recém-Nascido” apresentado pelo Serviço de Neonatologia do Hospital de Santa Maria, CHLN, E.P.E irá permitir implementar em Portugal um método simples, não evasivo e custo-eficaz, para deteção precoce de cardiopatias, contribuindo para o decréscimo da mortalidade e morbilidade associadas a esta patologia. Desta forma, com o apoio da Missão Sorriso Continente em 5 mil euros, pretende-se adquirir equipamento e formar profissionais para implementar este rastreio.
 
Por sua vez, a iniciativa “Compreender para melhor cuidar”, do Centro Social Paroquial da Nossa Senhora da Luz, foi contemplada com uma doação no valor de 5 mil euros. Esta ação pretende diagnosticar a dimensão das doenças neurológicas, inicialmente numa freguesia e, a partir das aprendizagens e dos resultados colhidos, alargar a área de atuação replicando o modelo. Esta instituição pretende ainda criar gabinetes técnicos pluridisciplinares de apoio à pessoa com demência, formar cuidadores formais e informais através do esclarecimento de dúvidas e adaptação à doença, ajudar na aquisição de bens e serviços e consequentemente, sensibilizar a população das respetivas freguesias.
 
Já o projeto “Cozinha para todos” da CEDEMA – Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Mentais e Adultos foi premiado com uma doação de 15 mil euros e visa administrar formação de cozinha a dez pessoas em idade adulta portadoras de deficiência mental, tornando-as autónomas, para que futuramente possam viver sozinhas ou em comunidade, confecionando as suas refeições diárias.
 
A ação “Mercearia Social – Rainha Santa Isabel” pelo Centro Comunitário da Ramada pretende reduzir as desigualdades no acesso a alimentação saudável e combater o desperdício alimentar de forma a permitir aos indivíduos e famílias em situação de vulnerabilidade socioeconómica o acesso gratuito a bens alimentares e produtos de higiene e limpeza indispensáveis ao quotidiano. Sediada num bairro problemático, esta organização contará com uma doação de 10 mil euros por parte da Missão Sorriso Continente e será um complemento no apoio à população, combatendo a pobreza e exclusão social.
 
A iniciativa “Olhe pela Segurança das Crianças: Filmes para Famílias” apresentada pela Associação para a Promoção da Segurança Infantil visa a criação de três filmes didáticos sobre a prevenção e acidentes com queimaduras, de asfixia, estrangulamento e por intoxicação. A Missão Sorriso Continente irá assim contribuir com uma doação no valor de 10 mil euros que irão permitir ainda a elaboração de cartazes que resumam e reforcem todas as informações que são referidas nos filmes. Estes dois materiais permitirão uma disseminação de informação dedicada à segurança infantil ilimitada no tempo e com um efeito impactante em diferentes meios familiares.
 
O projeto da Raríssimas – Associação Nacional de Deficiências Mentais e Raras denominado de “Marcos' Camps – Campo de Capacitação e Autonomia” é um campo destinado a trinta e quatro jovens/adultos que sofram de uma doença rara, cujos participantes serão acompanhados nas atividades diárias, sendo incentivados à participação e socialização, para que possam desenvolver as competências necessárias para a maximização da autonomia nos autocuidados, cuidados de higiene e alimentação. A Missão Sorriso Continente irá assim doar um valor total de 10 mil euros, o que irá permitir responder de forma inovadora às necessidades manifestadas por doentes portadores desta patologia rara.
 
A Associação de Pais e Amigos de Deficientes Profundos – Amorama recebeu uma doação de 12 mil euros por parte da Missão Sorriso Continente, de forma a implementar o projeto “Aquisição de equipamento de Ginásio/Fisioterapia” e desta forma criar um ginásio e sala de fisioterapia para a reabilitação dos utentes da Amorama.
 
Por outro lado, a iniciativa “Sorrir sem dor no Hospital” desenvolvida pelo Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca, EPE, pretende prevenir e controlar a dor nas crianças, através do conhecimento e envolvimento dos profissionais e com a introdução de medidas inovadoras no tratamento da dor, mas também com a presença dos pais e das crianças no tratamento de situações de dor crónica. A Missão Sorriso Continente irá assim contribuir com um valor total de 9 mil euros e tornar este sonho uma realidade. 
 
E por fim, a ação “Prato Cheio” da CAIS – Associação Solidariedade Social, irá beneficiar de uma doação de 10 mil euros, e tem como grande objetivo a mudança de comportamentos alimentares para a população mais vulnerável e carenciada. Neste sentido, serão trabalhadas temáticas como a gestão doméstica, o reaproveitamento alimentar e hábitos de alimentação saudáveis.
 
Desde 2004, a Missão Sorriso Continente já apoiou trinta instituições pertencentes à região de Lisboa num valor de mais de 2 milhões de euros para a implementação e desenvolvimento dos seus projetos ao longo dos anos. Entre 2004 e 2013 as associações contempladas foram o Hospital Garcia da Orta (entre 2004-2009), Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca (entre 2004-2008 e novamente entre 2010-2012), CADIN – Centro de Apoio ao Desenvolvimento Infantil (em 2011 e 2013), Centro Hospitalar de Cascais (entre 2005-2008), Centro Hospitalar de Lisboa Central – Hospital D. Estefânia (entre 2004-2010), Centro Hospitalar Lisboa Norte (entre 2005-2008 e novamente entre 2010-2012), Hospital S. Francisco Xavier (entre 2005-2008), IPO Lisboa (entre 2006-2008), Maternidade Alfredo da Costa (entre 2006-2009 e novamente em 2011), Alzheimer Portugal – Lisboa (2011), Cruz Vermelha Portuguesa (em 2011 e 2013), Fundação GIL (2011), Hospital Distrital Torres Vedras (2008), Liga dos Amigos do Hospital de Pulido Valente (2012), Fundação São João de Deus (2012), Raríssimas – Associação Nacional de Deficiências Mentais Raras (2012), Associação para a Promoção da Segurança Infantil (2012-2013), Fundação Ernesto Roma (2012), Associação de Cidadãos Auto - Mobilizados (2012), Centro Hospitalar do Oeste – Unidade e Torres Vedras (2013), Associação de Apoio no Domicílio ao Recém-Nascido (AADRN) – Crescer Bem (2013), Fundação LIGA (2013) e a Casa de Sant`Ana - Comunidade de Inserção para Mulheres em Situação de Risco (2013). Este ano foi a vez dos projetos apresentados pela Associação Conversa Amiga (ACA), Serviço de Neonatologia do Hospital de Santa Maria, CHLN - E.P.E, Centro Social Paroquial Nossa Senhora da Luz, CEDEMA – Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Mentais Adultos, Centro Comunitário Paroquial da Ramada, Associação de Pais e Amigos de Deficientes Profundos – Amorama, CAIS – Associação Solidariedade Social, Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca, Raríssimas – Associação Nacional de Deficiências Mentais Raras e a Associação para a Promoção da Segurança Infantil serem contemplados. De notar que as últimas três instituições referidas anteriormente já tinham sido apoiadas pela Missão Sorriso Continente entre 2004 e 2013.
 
Pelo 12º ano consecutivo, com dedicação e profundo compromisso, a Missão Sorriso Continente já angariou cerca de 12 milhões de Euros, através de um conjunto de iniciativas mobilizadoras da sociedade e dos portugueses, em parceria com instituições sem fins lucrativos e entidades públicas prestadoras de cuidados de saúde.

Tags:

Sobre nós

Cadeia de supermecados da SONAE.

Subscrever