CP - Resultados do ano 2015

A CP – Comboios de Portugal atingiu em 2015 um valor recorde de proveitos de tráfego, ultrapassando os 220 milhões de euros, mais 6 milhões de euros que no ano anterior, consolidando assim um ciclo de crescimento sustentado que se prolonga há mais de dois anos.

Os gastos operacionais reduziram-se em 7%, com especial relevo para as poupanças com a energia e com a infraestrutura.

Estes resultados permitiram que o EBITDA se mantivesse positivo em 3,8 milhões de euros, não obstante a ausência, pela primeira vez, de atribuição de Indemnizações Compensatórias.
O Resultado Financeiro registou uma melhoria de 95,8 milhões de euros, em função da redução da dívida financeira da empresa em 15%, consequência do apoio do Estado para o financiamento do serviço da dívida e dos investimentos e da descida generalizada das taxas de juro.

A CP encerrou o exercício de 2015 com um Resultado Líquido de -278,4 milhões de euros. O agravamento deste resultado face ao ano anterior decorre da ausência de Indemnizações Compensatórias (-18 milhões de euros), do reconhecimento de responsabilidades com o pessoal (no designado “processo dos variáveis”) , relativas a anos anteriores, no valor de 27 milhões de euros e da assunção contabilística do acordo de venda direta de referência da CP Carga (-85 milhões de euros), concretizada em janeiro de 2016.

Para 2016, o presidente da transportadora ferroviária nacional perspetiva “a continuação do crescimento real de passageiros e proveitos, sustentados pelo potencial da gestão de uma rede integrada de serviços, pelo crescimento da economia nacional e em particular da atividade turística e também pela inevitável necessidade de desenvolvimento do transporte público, designadamente o reforço do modo ferroviário, consolidando assim a trajetória de sustentabilidade da Empresa.”.

Tags:

Sobre nós

Empresa portuguesa de transporte ferroviário. Sucedeu em 2009 à empresa Caminhos de Ferro Portugueses, esta última tendo já sucedido em 1976 à empresa Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses.

Subscrever