EGEAC: AQUI NÃO HÁ FESTA | 14 Fevereiro, 21h, Voz do Operário

Quando pensavas que já nada te podia surpreender num sábado à noite, eis que chega aquela data: 14 de Fevereiro, Dia dos Namorados, que este ano se apresenta com o brinde do Carnaval.
 
Se achas que o Santo António bate aos pontos o São Valentim nesta coisa dos arranjinhos;
Se dançar Samba semi-nú, com 0º grau na rua, é uma ideia que não faz sentido;
Se acreditas que o Dia dos Namorados é uma invenção para aumentar as vendas de chocolates a encalhados;
Se as bombinhas de mau cheiro são coisas que largaste no ciclo preparatório;
Se te parece que as televisões já não têm mais filmes pirosos para passar no dia 14;
Se não fazes ideia por que razão existe um dia para as pessoas se mascararem;
Talvez esta noite seja a tua.
 
No dia 14 de Fevereiro, às 21 horas, n’A Voz do Operário (não) há festa com a Orquestra Ideal, da Rádio Royale, os convidados Marta Hugon e Samuel Úria e ainda, a dupla feminina de DJ Fina & Segura, e algumas surpresas.
 
O cenário é um salão de baile à antiga, d’A Voz do Operário e a envolvência transporta-nos para um outro tempo enquanto ouvimos a Orquestra Ideal da Rádio Royale que para este espectáculo convidou Marta Hugon e Samuel Úria . Cheias de humor e glamour , a Orquestra Ideal e as Royalettes, prometem arrasar a plateia com as coreografias dos filmes a preto e branco, os clichés dos anúncios e das rádios antigas e o burlesco, num espectáculo com um repertório original.

A Orquestra Ideal é composta pelo director musical e mestre de cerimónias Gimba , Vicente Valentim no piano, António Quintino no contrabaixo, Mário Santos na bateria, entre outros.
A noite continua com a dupla de DJ Fina & Segura , duas mulheres divertidas, uma loira e uma morena, vão girar discos de rock'n'roll , swing twist , garage , indie , pop e electrónica, desde os anos 50 até aos dias de hoje.

Às 15 horas, a tarde é dedicada às crianças com animação de Radio Show, Oly & Mary, e Manas Toca Toca, Marietta & Olivetti, também com entrada livre e sujeita à lotação da sala.
 
Das várias surpresas reservadas, desvendamos apenas que será uma noite cheia de brilho, música, e um cheirinho dos anos loucos. Para namorados, solteiros, mascarados e não-mascarados, ou para aqueles que procuram apenas uma noite diferente.
 
A entrada é livre e sujeita à lotação da sala.
 
Agradecemos a divulgação desta iniciativa e enviamos em anexo duas fotografias. Dossiê de imprensa com mais informação, áudio e fotografias.
 
Morada: Rua da Voz do Operário 13, 1100 Lisboa

Tags:

Sobre nós

Empresa de gestão de equipamentos e animação cultural.

Subscrever

Media

Media