Integral das sinfonias de Beethoven pela primeira vez em Lisboa ao ar livre

Para encerrar o festival Lisboa na Rua, a EGEAC apresenta algo que a cidade nunca viu antes ao ar livre: a Integral das Sinfonias de Beethoven , pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, em quatro dias sucessivos, de hoje, 28 de setembro a sábado, 1 de outubro, sempre às 21h30, no Terreiro do Paço. “Trata-se de um grande evento que marca a agenda cultural da cidade e que é simultaneamente um desafio para os músicos e para o público”, afirma a presidente do conselho de administração da EGEAC, Joana Gomes Cardoso.
 
“Depois de um mês de propostas culturais que cruzaram públicos e promoveram novas centralidades, dando a descobrir zonas e espaços menos conhecidos da cidade, o Festival Lisboa na Rua termina com uma homenagem inédita à música clássica e a um dos seus maiores compositores” acrescenta. 
 
Sábado, dia 1 de outubro,  o último dia do festival, está recheado de muitos outros eventos musicais, a assinalar o Dia Mundial da Música . Desde o início da tarde até ao serão, desde as Ruínas do Carmo ao Largo de São Carlos, passando pelo Museu do Chiado e culminando no Terreiro do Paço, este é um dia em que “convidamos os munícipes a sair à rua e a participar numa grande festa sonora, com concertos para públicos de todas as idades, da música clássica ao jazz , coros e ateliês instrumentais”, conclui a presidente da EGEAC.
 
Ler e Ver Lisboa: passeio com o escritor e ilustrador Afonso Cruz
Entre concertos, o Lisboa na Rua promove ainda no dia 1 de outubro um último passeio durante o festival, inspirado no Ler e Ver Lisboa , guia literário que comemora os 20 anos da EGEAC . A oportunidade de redescobrir recantos e ouvir contar histórias da cidade, pela viva voz do escritor e ilustrador Afonso Cruz. O encontro está marcado para as 17h, no Palácio Marquês de Pombal, na Rua de O Século.
Ao longo de mais de um mês o festival estendeu-se por diferentes zonas de Lisboa. Esta semana é a vez de São Domingos de Benfica, que abre a Quinta da Alfarrobeira ao público durante quatro dias, com concertos de vários estilos musicais, do jazz, com o pianista Mário Laginha, ao flamenco, com Sentir Flamenco.
 
O festival Lisboa na Rua é organizado pela EGEAC (Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural, E.M), com apoio do Turismo de Portugal.
Lisboa na Rua, parece um sonho.
 
Programa AQUI ou em www.lisboanarua.com

Tags:

Sobre nós

Empresa de gestão de equipamentos e animação cultural.

Subscrever

Media

Media