Como Pode Um Jogador de Futebol Americano e Uma Mulher de Baixa Estatura Garantir Que Os Bancos Do Novo S-MAX Vignale Passam Os Testes Mais Exigentes?

  • A Ford conta com a colaboração de mais de 1.000 voluntários no desenvolvimentos do programa mundial dos novos bancos que vão ser estreados na Europa no novo sports activity vehicle S-MAX Vignale
     
  • O programa de desenvolvimento de dois anos e meio envolveu todo o tipo de indivíduos, desde um jogador de futebol americano com 135 kg a uma mulher de baixa estatura com apenas 50 kg, ajudando os designers a identificar o “ponto mágico” em termos de apoio lombar

  • Os bancos de desenho avançado – internamente designados por bancos F-Gen 2 – também definem novos padrões em termos do espaço interior do S-MAX Vignale, surgindo posteriormente no SUV Edge Vignale. Em ambos os modelos, estes novos bancos de contornos múltiplos e cuidadosamente elaborados, vêm equipados com nada menos de 10 regulações de comando eléctrico e apresentam detalhes de costura semelhantes aos utilizados na confecção de um smoking
 
 
  • Esta nova arquitectura de bancos global é revelada na ‘ Casa Decor 2016 ‘, um evento de arquitectura e design que decorre em Madrid, Espanha, que marca também a apresentação da ‘Vignale Collection’ para o ano de 2016
 
COLÓNIA, Alemanha, 1 de Junho de 2016 Está confortavelmente sentado? Esta foi a pergunta que os designers da Ford colocaram a mais de 1.000 voluntários que, durante mais de dois anos e meio, participaram no desenvolvimento dos novos bancos dianteiros da marca.
 
O novo conceito de bancos vai ser estreado na Europa no S-MAX Vignale, um dos primeiros modelos inseridos na nova gama de versões de luxo Ford Vignale, revelando elevados critérios de qualidade de construção, requinte e personalização.
 
A equipa de voluntários abrangeu indivíduos de todas as estaturas e envergaduras, desde um jogador de futebol americano com 135 kg a uma mulher de apenas 50 kg, cuja tarefa foi sentar-se nos bancos e operar os respectivos comandos e regulações. As impressões recolhidas destes clientes de todo o mundo (de mais de 20 nacionalidades) foram analisadas pelos engenheiros com recurso a um robô com tecnologia de última geração, programado para quantificar os graus de suavidade, aspereza, temperatura, firmeza e conforto.
 
Depois de mais de 10.000 horas a tocar e pressionar o revestimento e a manusear os comandos dos bancos, o robô interage com o banco da mesma maneira que um humano. Os testes permitiram também à equipa de desenvolvimento definir o “ponto mágico” do apoio lombar, que se situa precisamente 130 mm acima da zona pélvica.
 
Construídos com base em mais de 100 medições, os internamente designados por bancos F-Gen 2 farão parte do equipamento de série em todos os modelos globais da Ford, sendo igualmente introduzidos na Europa no novo SUV topo-de-gama da Ford, o Edge Vignale, disponível no final deste ano.
 
Como refere Daniel Ferretti, Director de Engenharia de Sistemas de Bancos da Ford Motor Company, “de todos os dispositivos existentes num automóvel, aquele que mais interessa às pessoas e com o qual elas têm mais ligação é o seu banco.” Ferretti destaca ainda que “cada cliente dá mais importância a esta ou aquela parte específica do banco, mas, no seu conjunto, os bancos de um automóvel proporcionam que todos se sentem à sua maneira, oferecendo também apoio corporal e conforto onde cada ocupante mais precisa.”
 
O recurso a um único sistema de bancos a ser utilizado a nível global, um processo integralmente desenvolvido internamente pela Ford, e que constitui uma estreia na indústria automóvel, permitiu aos engenheiros melhorar o espaço para as pernas nos lugares traseiros, bem como conceber regulações e características que estarão disponíveis para consumidores de todo o mundo.
 
S-MAX Vignale e Edge Vignale
No caso do S-MAX Vignale e do Edge Vignale, o design dos bancos F-Gen 2 define novos padrões em termos de espaço interior. O sistema de contornos múltiplos dos novos bancos inclui nada menos de 10 regulações eléctricas e um trabalho de costura de elevada qualidade, exclusivos da assinatura Vignale, como se de um smoking se tratasse. 
 
Dotados da função de massagem ‘Active Motion’ para reduzir o cansaço muscular em viagens longas, os bancos recorrem a 11 almofadas insufláveis para um efeito de massagem não obstrutivo nas coxas, nádegas e fundo das costas. Também possuem outras funções de requinte, como aquecimento (ideal para os dias frios de Inverno) e ventilação (um alívio nos quentes dias de Verão). O sistema de ventilação utiliza o ar fresco da climatização e distribui esse mesmo ar fresco através das perfurações meticulosamente feitas na pele do revestimento.
 
Apresentados e demonstrados na ‘Casa Decor’ de Madrid, os novos bancos foram desenhados após exaustivas pesquisas dos engenheiros da Ford, que analisaram detalhadamente a construção dos exemplares utilizados em jactos privados, bem como os materiais utilizados na confecção manual de objectos e malas de couro.   
 
Nos modelos Vignale, cada pedaço de couro é sujeito a um rigoroso processo de selecção destinado a minimizar marcas e rugosidades naturais. Com apenas 0,5 mm de espessura, o couro Windsor de flor integral é, depois, cuidadosamente esticado e aparado para que a aplicação final seja perfeita. As peças acabadas são expostas ao sol de forma a garantir que, mesmo com o passar do tempo, a aparência da superfície não sofra alterações.
 
Depois de passar por processos exclusivos de coloração e envelhecimento, durante os quais é criado o contraste cromático entre o Preto Carvão Vignale ( Vignale Charcoal Black ) e o Creme Cachemira ( Cashmere Cream ), entra em acção uma equipa de experientes estofadores. Com acabamentos manuais a cargo dos artesãos do Centro Vignale da Ford em Valência (Espanha), cada banco Vignale é constituído por 40 peças individuais, cortadas com a precisão de um sistema a laser, com 130 retalhos hexagonais Vignale meticulosamente costurados em cada uma das peças. Para garantir um revestimento impecável, cada banco tem mais 110 por cento de couro e requer mais 50 por cento de tempo de costura.
 
Segundo Ferreti “investimos milhares de horas no aperfeiçoamento de cada detalhe, desde os processos de costura e materiais, até à localização dos comandos e regulações, para que qualquer pessoa, independentemente da sua estatura e morfologia, beneficie de uma experiência de viagem verdadeiramente à sua medida.” 
 
Uma colecção de assinatura
Os artigos exclusivos da ‘2016 Ford Vignale Collection’, criada pela mesma Equipa de Design da Ford que esteve na origem da gama de modelos Ford Vignale, são também apresentados na ‘Casa Decor’, dando a conhecer tanto os seus produtos finais como um conjunto de peças e componentes individuais para demonstração do elevado nível de qualidade e de atenção ao detalhe. Esta mostra inclui a nova gama ‘Vignale Smart Traveller’, um porta-fatos estreito e extensível inspirado no arrojado estilo exterior do Ford Edge, bem como diversos gadgets de viagem.
 
Recorrendo a um tipo de requintado couro mas muito robusto, um grupo de artesãos de Dusseldorf (Alemanha) pegou no tema gráfico hexagonal dos bancos Vignale e adaptou-o ao estilo do porta-fatos. O ‘Vignale Smart Traveller’ possui bolsas interiores de grandes dimensões, para acomodar quatro peças de vestuário, e dispõe de fechos de correr e de aperto requintadamente disfarçados pelas costuras tipo smoking .
 
Disponível para exposição e encomenda nos Vignale Lounges e através de uma loja online exclusiva, a ‘Vignale Collection’ inclui, também, o ‘Vignale Weekender’ , uma luxuosa mala fim-de-semana que já foi distinguida pelo prestigiado prémio iF Design. Na ‘Casa Decor’ de Madrid também são apresentados outros artigos de viagem, como malas de senhora fabricadas à mão em pele de alta qualidade, carteiras, porta-notas, capas para iPhone, porta-cartões de visita e lenços de senhora e gravatas em seda, igualmente produzidos à mão.
 
Nas palavras de Erika Tsubaki, criadora da ‘Vignalle Collection’ e supervisora de design da Ford Europa, “a ‘Vignalle Collection’ espelha a natureza dinâmica do Ford Edge e do S-MAX, explorando simultaneamente diferentes conceitos de design dentro do mesmo tema, combinando couro natural e tecidos inovadores.” Tsubaki salienta ainda que “o ‘Vignale Smart Traveller’ é inspirado no estilo de vida dinâmico dos proprietários de SUVs de luxo e dos apaixonados por viagens.”
 
A história da Vignale
Alfredo Vignale foi um dos primeiros carroçadores a ver o automóvel como algo que podia ser personalizado através de conceitos exclusivos e feitos à medida. Vignale aprendeu a sua arte graças aos ensinamentos de mestre carroçador Pinin Farina, e só depois se lançou na criação de modelos que vieram a tornar-se icónicos, construindo versões de sua autoria e com o seu nome para as grandes marcas de automóveis italianas. Nessa época, Vignale utilizou novos métodos de produção oriundos da indústria aeronáutica. Entre 1948 e 1969, a Carrozzeria Vignale, na zona de Turim, atraía clientes de todo o mundo.

Sobre a Ford Motor Company
A Ford Motor Company é uma empresa global da indústria automóvel e de mobilidade, com sede em Dearborn, Michigan, EUA. Com aproximadamente 201.000 empregados e 67 fábricas em todo o mundo , o negócio principal da empresa inclui a concepção, produção, marketing, financiamento e assistência a uma gama completa de veículos Ford de passageiros, comerciais, SUV e veículos eléctricos, bem como aos veículos de luxo Lincoln. Ao mesmo tempo, a Ford investe agressivamente em oportunidades emergentes através da ‘Ford Smart Mobility’, o plano da empresa para se tornar líder em conectividade, mobilidade, veículos autónomos, experiência do cliente, dados e análise. Para mais informação sobre a Ford, os seus produtos em todo o mundo, ou sobre a Ford Motor Credit Company, visite a página www.corporate.ford.com . ?
 
A Ford Europa é responsável por produzir, comercializar e assistir os veículos da marca Ford em 50 mercados e emprega aproximadamente 53.000 trabalhadores nas suas instalações e aproximadamente 68.000 incluindo as ‘joint-ventures’. Em conjunto com a Ford Motor Credit Company, as operações da Ford Europa incluem a Divisão de Serviço ao Cliente e 24 instalações fabris (16 detidas integralmente ou instalações em ‘joint-ventures’ consolidadas e 8 em 'joint-ventures' não consolidadas). Foi em 1903 que os primeiros veículos Ford foram transportados para a Europa, no mesmo ano em que a Ford Motor Company foi fundada. A produção europeia iniciou-se em 1911.

Tags:

Sobre nós

Representante da Marca Ford em Portugal.

Subscrever

Media

Media