Novos Furgões Híbridos Plug-in Realizam Testes em Londres Em Prol da Melhoria da Qualidade do Ar e Sublinha o Esforço da Ford em Nome da Liderança em Veículos Eléctricos

·         A Ford e a cidade de Londres uniram forças num projecto concebido para contribuir para a melhoria da qualidade do ar desta metrópole, numa altura em que a Ford acelera os planos para assumir a liderança em termos de veículos eléctricos, com 13 novas propostas a apresentar a nível global nos próximos cinco anos
 
·         Um conjunto de empresas londrinas selecionadas testa um lote de furgões experimentais dotados da tecnologia híbrida plug-in , modelos que recorrem apenas à energia eléctrica na maioria dos seus percursos citadinos, mostram-se perfeitos para entregas na envolvente urbana, contribuindo para uma maior produtividade
 
·         Em Londres, os veículos comerciais fazem 280.000 trajectos diários, percorrendo cerca de 13 milhões de quilómetros, acrescendo que 75 por cento desse tráfego é feito por furgões de mercadorias nos chamados picos de trânsito
 
·         A Ford irá lançar este projecto de vários milhões de libras no outono do presente ano, tendo como parceiros a Transport for London, com o suporte do Centro de Propulsão Avançada, a qual conta com financiamento do Governo do Reino Unido
 
·         A Ford foi a marca nº 1 em vendas de veículos comerciais na Europa em 2016, posição que alcançou pelo segundo ano consecutivo. A produção da Transit Custom plug-in hybrid está agendada para 2019
 
 
lonDRES , Reino Unido, 20 de Janeiro de 2017 – A Ford está a lançar um projecto de vários milhões de libras cujo objectivo é ajudar a melhorar a qualidade do ar de Londres, processo integrado no crescente dossier de electrificação que prevê o lançamento de 13 novas propostas a nível global ao longo dos próximos cinco anos.
 
O projecto, que conta com o apoio da Transport for London, integra um período de testes de 12 meses com 20 novos furgões Transit Custom plug-in hybrid (PHEV) que, ao recorrerem em exclusivo à propulsão eléctrica para a maioria das suas deslocações na cidade, em operações de entrega ou trabalhos de manutenção, reduzem os níveis de emissões locais.
 
Em Londres, os veículos comerciais fazem, em conjunto, mais de 280.000 de trajectos ao longo de um típico dia de semana, percorrendo uma distância total de 13 milhões de quilómetros. Os furgões representam 75 por cento do tráfego de mercadorias da cidade, envolvendo mais de 7.000 veículos por hora, muitos deles circulando no Centro de Londres nas chamadas horas de pico.
 
A Ford irá disponibilizar 20 Transit PHEV a um conjunto de clientes frotistas de veículos comerciais em Londres, incluindo a própria frota da Transport for London, explorando o modo como esses furgões podem contribuir para um ar mais limpo, ao mesmo tempo que contribuem para o crescimento da produtividade dos operadores em cidade, naquele que é o ambiente mais difícil para estes veículos. O projecto é financeiramente suportado pelo Centro de Propulsão Avançada, entidade que conta com fundos do Governo do Reino Unido.
 
A Ford é a marca mais vendida de veículos comerciais na Europa e agora evoluirá para a electrificação. Juntando-nos aos nossos parceiros londrinos, teremos também a possibilidade de testar software e telemáticas com enorme potencial na redução de emissões e custos na cidade,” comentou Jim Farley, Chairman e CEO da Ford Europa. “Este novo tipo de parceria demonstra a nossa evolução quer como uma empresa automóvel, quer como uma empresa de mobilidade. Temos imenso trabalho a fazer, mas estamos todos muito entusiasmados com esta oportunidade inovadora.”
 
A Ford está a concentrar o seu dossier VE nas suas áreas mais fortes, sendo a electrificação a mais popular, abrangendo veículos comerciais, pesados e SUVs de elevado volume de produção, bem como modelos de performance, de modo a torná-los ainda mais capazes, produtivos e divertidos de conduzir, acrescendo um claro contributo em termos de eficiência nos consumos.
 
Agendado para lançamento no próximo Outono, a frota experimental integra-se no compromisso da Ford em colaborar com as grandes urbes de todo o mundo, enfrentando os seus desafios de transporte a nível local, contribuindo para uma mais fácil mobilidade de pessoas e bens.
 
“A transição do sector de mercadorias para veículos de ultra baixas emissões é crucial para a limpeza da tóxica atmosfera londrina,” comentou Sadiq Khan, Mayor de Londres. “A Transport for London continua a liderar pelo exemplo, aumentando o volume dos seus próprios veículos eléctricos e irá aproveitar os dados obtidos a partir destes testes como um recurso inestimável para o programa LoCITY, que estimula a integração de soluções de transporte comercial de baixas emissões.”
 
As Transit Custom PHEV destinadas ao teste londrino fazem parte de um avançado projecto que, por um lado lhes garante carga eléctrica para a realização de viagens com emissões zero, ao mesmo tempo que contam também com um eficiente motor de combustão que lhes permite alargar a sua abrangência, nomeadamente quando se deparam com viagens mais longas. A Ford é o primeiro fabricante de volume a disponibilizar a tecnologia PHEV neste segmento do mercado dos furgões.
 
A frota experimental irá operar numa utilização diária num cruzamento entre as necessidades dos negócios de diferentes empresas sediadas na cidade, recorrendo a um sistema de telemática Ford que irá recolher dados sobre a performance financeira, operacional e ambiental dos veículos, ajudando a compreender como se podem maximizar os benefícios inerentes aos veículos electrificados.
 
O desenvolvimento dos 20 veículos experimentais Transit Custom PHEV foi suportado por um fundo no valor de 4,7 milhões de Libras Esterlinas (cerca de 5,4 milhões de Euros), proveniente do Centro de Propulsão Avançada. Os furgões estão a ser desenhados e construídos no Centro Técnico da Ford em Dunton e na Prodrive Advanced Technology, em Banbury (ambos no Reino Unido), contando com um programa de apoio da Revolve Technologies.
 
“O Reino Unido é líder global em tecnologias de motores de baixas emissões. Este novo projecto, com um investimento governamental de quase cinco milhões de libras, assegura postos de trabalho aqui no Reino Unido e demonstra, não só o nosso compromisso de redução das emissões de carbono, como no trabalho conjunto com as empresas no desenvolvimento de tecnologias de última geração que irão fazer uma diferença real na vida das pessoas,” comentou Nick Hurd, Ministro britânico para as Alterações Climáticas e Indústria. “Este governo vai continuar a trabalhar com o sector automóvel desenvolvendo uma abrangente Estratégia Industrial que irá aumentar a produtividade, criar postos de trabalho de elevada qualificação e garantir um crescimento económico sustentável.”
 
Em 2016 e pelo segundo ano consecutivo, a Ford foi a marca de veículos comerciais mais vendida na Europa. O arranque da comercialização da Transit Custom PHEV Van está agendado para 2019, fazendo parte do investimento de 4,5 milhões de dólares (cerca de 4.210 milhões de euros) que o construtor irá aplicar até 2010 no domínio dos veículos eléctricos, numa altura em que também expande a sua área de intervenção, tornando-se numa empresa automóvel e de mobilidade, apontando à liderança em matéria de veículos autónomos e electrificados, ao mesmo tempo que providencia novas soluções de mobilidade.
 
A Transit Custom PHEV é apenas um exemplar entre os 13 novos veículos electrificados à escala global que a Ford irá lançar ao longo dos próximos cinco anos. O projecto inclui um SUV totalmente eléctrico, com uma autonomia estimada de pelo menos 480 km, um veículo autónomo híbrido de grande volume, projectado para utilização comercial de viagens po chamada ou em regime de autopartilha, a estrear em 2021 na América do Norte, e também uma versão híbrida do icónico desportivo Mustang. A Ford conta ainda com um memorando de entendimento com diversos outros construtores automóveis, com vista à criação na Europa da mais potente rede de carregament o para veículos eléctricos.

Nota aos editores:
 
•       A LoCITY é uma iniciativa liderada pela indústria, desenvolvida pela Transport for London, que tem como objectivo melhorar a qualidade do ar e reduzir as emissões de carbono, através da diminuição do impacto de veículos de carga e frotas sobre o meio ambiente. Informações adicionais em www.LoCITY.org.uk
 
Sobre a Ford Motor Company
A Ford Motor Company é uma empresa global da indústria automóvel e de mobilidade, com sede em Dearborn, Michigan, EUA. Com aproximadamente 203.000 empregados e 62 fábricas em todo o mundo , o negócio principal da empresa inclui a concepção, produção, marketing, financiamento e assistência a uma gama completa de veículos Ford de passageiros, comerciais, SUV e veículos eléctricos, bem como aos veículos de luxo Lincoln. De modo a expandir o seu modelo de negócio, a Ford está a perseguir agressivamente oportunidades emergentes, investindo nos domínios da electrificação, autonomia e mobilidade. A Ford disponibiliza serviços financeiros através da a Ford Motor Credit Company. Para mais informação sobre a Ford e os seus produtos e serviços visite a página www.corporate.ford.com . ?
 
A Ford Europa é responsável por produzir, comercializar e assistir os veículos da marca Ford em 50 mercados e emprega aproximadamente 53.000 trabalhadores nas suas instalações e aproximadamente 68.000 incluindo as ‘joint-ventures’. Em conjunto com a Ford Motor Credit Company, as operações da Ford Europa incluem a Divisão de Serviço ao Cliente e 24 instalações fabris (16 detidas integralmente ou instalações em ‘joint-ventures’ consolidadas e 8 em 'joint-ventures' não consolidadas). Foi em 1903 que os primeiros veículos Ford foram transportados para a Europa, no mesmo ano em que a Ford Motor Company foi fundada. A produção europeia iniciou-se em 1911

Tags:

Sobre nós

Representante da Marca Ford em Portugal.

Subscrever

Media

Media