Galp Energia informa sobre resultados do poço exploratório ao largo de Marrocos

A Galp Energia anuncia que foi concluída a perfuração do poço de exploração TAO-1, localizado na área Tarfaya Offshore, na margem atlântica no offshore de Marrocos, não tendo sido descobertos hidrocarbonetos.
O objetivo principal da perfuração do poço era testar o potencial de recursos do prospeto Trident, localizado no intervalo Jurássico Médio. O poço foi perfurado a uma profundidade total de 3.518 metros, e não encontrou fácies de reservatório naquele objetivo.
O poço testou também o prospeto Assaka, localizado no intervalo Jurássico Superior, que também não revelou presença de hidrocarbonetos.
O consórcio encontra-se atualmente a executar atividades de conclusão da operação e desmobilização da sonda.
A Galp Energia e os parceiros irão analisar os resultados deste poço, nomeadamente os dados geológicos recolhidos, e usar a informação obtida para avaliar a restante prospectividade da área de Tarfaya Offshore.
Este foi o primeiro poço offshore operado pela Galp Energia, tendo as atividades decorrido de acordo com o plano e sem quaisquer incidentes ao nível de Segurança, Saúde e Ambiente, fruto dos criteriosos procedimentos adotados.
A Galp Energia é operadora e tem uma participação de 50% no consórcio que detém oito licenças de exploração na área Tarfaya Offshore, conhecidas como Tarfaya Offshore I a VIII. O consórcio é ainda formado pela Tangiers Petroleum (25%) e pela ONHYM (25%).

Tags:

Sobre nós

Empresa de produção e distribuição de combustíveis e energia.

Subscrever