Sucesso do poço Coral-1 na bacia do Rovuma em Moçambique revela uma nova estrutura na Área 4 e aumenta o potencial do bloco

A Galp Energia, parceira do consórcio para a exploração da Área 4 na bacia de Rovuma, no offshore de Moçambique, anuncia uma nova descoberta de gás natural de grande dimensão no prospeto Coral-1.


Os resultados deste poço, perfurado na parte Sul da Área 4, são de especial importância, uma vez que aumentam os recursos desta área em 7 biliões de pés cúbicos (tcf) a 10 tcf.


Esta nova descoberta aumenta o potencial estimado de gás no complexo Mamba na Área 4 para um montante entre 47 tcf e 52 tcf de gás no jazigo, dos quais 15 tcf a 20 tcf encontram-se em reservatórios localizados exclusivamente na Área 4.

O poço Coral-1 está localizado a 65 quilómetros da costa de Cabo Delgado em lâmina de água de 2.261 metros, tendo atingido uma profundidade total de 4.869 metros. Este poço encontra-se a cerca de 26 quilómetros a sudeste da descoberta Mamba South-1.


O poço descobridor encontrou um total de 75 metros de reservatório de gás natural em areias eocénicas de elevada qualidade. Esta nova descoberta reveste-se de especial importância uma vez que provou a existência de uma nova estrutura, independente das estruturas que foram já perfuradas com os poços Mamba. O consórcio está atualmente a planear a realização de um teste de produção na descoberta Coral-1.


O consórcio pretende perfurar, pelo menos, cinco poços adicionais de modo a inferir o potencial adicional de recursos na Área 4.


A Galp Energia detém uma participação de 10% no consórcio que explora a Área 4, cabendo 70% à Eni (operadora), 10% à KOGAS e 10% à ENH.


Para mais informações contactar:

Media Relations

351 217 242 680

351 917 596 444 (24 horas)

http://press.galpenergia.com

galp.press@galpenergia.com

Tags:

Sobre nós

Empresa de produção e distribuição de combustíveis e energia.

Subscrever