Transgás testa capacidade de resposta a despiste de cisterna de transporte de gás natural liquefeito, em Coruche

Na próxima 4ª feira, dia 14, pelas 10.00, realiza-se um exercício de simulacro de despiste de um camião-cisterna carregado de gás natural liquefeito (GNL), com embate de dois veículos ligeiros, na Zona Industrial do Monte da Barca, em Coruche. Esta simulação ocorrerá durante o trajecto desde o terminal de GNL, em Sines, até à unidade autónoma de gás (UAG), em Coruche.

Pretende-se com este exercício testar o plano de emergência interno e a capacidade de intervenção das equipas de resposta a emergência da Transgás, empresa do grupo Galp Energia, que assegura a gestão integrada da logística do transporte rodoviário de GNL.

A operação, coordenada pela Proteção Civil de Coruche, envolverá as equipas da GNR e dos Bombeiros Municipais de Coruche e conta com o apoio da Câmara Municipal de Coruche, para além dos meios próprios do transportador de GNL. Marcam também presença os responsáveis da Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG), da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), e da Rede Energética Nacional – Gestor Técnico Global (REN-GTG), além de outras entidades envolvidas na resposta a situações de emergência decorrentes do transporte rodoviário de GNL.

O quadro deste exercício envolve o desencarceramento e prestação de assistência médica a dois feridos graves, na sequência do referido embate entre as viaturas, e a trasfega de GNL para um camião-cisterna vazio. No final, será aferido se todos os processos decorrem de forma eficaz e eficiente e serão identificadas oportunidades de melhoria.

Por ano são realizadas cerca de 2.500 viagens para abastecimento de UAG, unidades que permitem a distribuição deste combustível a localidades que não se encontram ligadas à rede nacional de transporte de gás natural. Estas redes autónomas distribuem anualmente cerca de 67 milhões de metros cúbicos de gás natural (correspondentes a 50 mil toneladas de GNL), o que traduz a dimensão do impacto da atividade da Transgás que, enquanto gestor logístico do transporte de GNL, garante a continuidade desse abastecimento em segurança. A gestão integrada da logística do transporte rodoviário de gás natural e das UAG é uma atividade regulada pela ERSE.

A segurança é um valor essencial para a Transgás, bem como para todas as empresas do grupo Galp Energia, as quais desenvolvem a sua atividade cumprindo com as mais rigorosas normas aplicáveis.

No dia anterior a este exercício de simulacro, às 20h00, irá ocorrer uma ação de formação, em Coruche, orientada pela Transgás sobre os riscos relacionados com o transporte rodoviário de GNL e sobre os procedimentos corretos de atuação por parte das forças de proteção e socorro e das empresas envolvidas em caso de acidente e/ou emergência.

Tags:

Sobre nós

Empresa de produção e distribuição de combustíveis e energia.

Subscrever