Office Flashpoint: Setembro duplica atividade de ocupação de escritórios

LISBOA , 17 outubro 2016 – A JLL acaba de divulgar os resultados da atividade ocupacional do mercado de escritórios de Lisboa relativos a setembro, revelando que neste mês foram arrendados 8.691 m 2 . A performance é bastante positiva na comparação com o mês anterior, mais que duplicando (+122%) a área arrendada em agosto (3.918 m 2 ). Já face ao período homólogo, setembro apresentou uma contração de 75%, desempenho que seria expetável, tendo em conta que no mesmo mês de 2015 foi arrendado um volume mensal recorde de 35.300 m 2 .
Mariana Rosa, Head of Office Agency e Corporate Solutions da JLL , explica que setembro de 2015 “ foi um mês perfeitamente atípico e muito influenciado pela mudança da EDP para a sua nova sede na 24 de julho e do Banco de Portugal para o centro da cidade. Estas duas operações, que concentraram cerca de 60% da ocupação naquele mês, acabam por não refletir a dinâmica real da procura, já que resultam da ocupação de espaços construídos à medida e que não são, por isso, colocados para arrendamento no mercado. A diferença de área colocada face ao mês homólogo não deve, por isso, ser interpretada como um abrandamento da atividade do mercado” , explica ainda Mariana Rosa .
Em setembro deste ano foram concretizadas 17 operações de arrendamento de escritórios em Lisboa, com uma área média de 511 m 2 . Apenas duas operações registaram a transação de áreas superiores a 1.000 m 2 , situadas no Parque das Nações e Corredor Oeste, que foram, aliás, as duas zonas mais ativas no mês, cada uma com 28% de ocupação. A Nova Zona de Escritórios concentrou 22% da área ocupada. Em termos de procura, foram as empresas prestadoras de “Serviços a Empresas” as mais ativas (29% do take up mensal), seguindo-se Outros Serviços (21%) e TMT’s e Utillities (19%).
Em termos acumulados, o mercado de escritórios termina setembro com uma ocupação em linha com o ano passado. Assim, nota o Office Flashpoint da JLL, nos primeiros nove meses de 2016, foram arrendados 99.801 m 2 de escritórios em Lisboa, volume que apresenta uma diferença de -5% face aos 105.164 m 2 tomados em igual período do ano passado. Nas contas anuais, a Nova Zona de Escritórios é a mais dinâmica (26% do take up anual), seguindo-se o CBD e o Prime CBD, com pesos semelhantes de respetivamente 21% e 20%. Também na análise anual, as empresas de “Serviços a Empresas” foram a franja de procura mais dinâmica (36% do arrendamento de escritórios), seguindo-se TMT’s e Utilities (23%). Nos primeiros nove meses do ano, a área média transacionada ascendeu a 679 m 2 , traduzindo a realização de 147 operações.
A entrada de novas empresas em Lisboa e a expansão de área motivaram em setembro mais de metade (53%) dos arrendamentos, enquanto que no acumulado do ano foi a mudança de instalações que continuou a predominar (com 56% das operações em termos de áreas).
Até setembro, a JLL foi responsável pela colocação de 22.435 m 2 da área de escritórios transacionada em Lisboa, traduzindo a realização de 70 transações. Esta atividade garante à consultora uma quota de 28% entre os agentes imobiliários ativos neste mercado de arrendamento de escritórios.


Sobre a JLL
A JLL (NYSE:JLL) é uma empresa de serviços financeiros e profissionais especializados em imobiliário para clientes que procuram obter valor acrescentado na promoção, na ocupação ou no investimento imobiliário. Uma empresa que integra o índice Fortune 500, com faturação bruta anual de $6,0 biliões, a JLL tem mais de 230 escritórios em todo o mundo e opera em 80 países, com uma equipa global de cerca de 60.000 colaboradores. Em representação dos seus clientes, a empresa presta serviços de gestão de propriedades e de instalações corporativas, com um portfólio de 372 milhões de m² geridos mundialmente e concluiu, em 2015, transações de vendas e aquisições no valor de $138 mil milhões. A LaSalle Investment Management, empresa da JLL a atuar na área de gestão de investimento, é responsável pela gestão de uma carteira de ativos imobiliários avaliada em mais de 56,4 mil milhões de dólares. JLL é a designação e a marca comercial registada da Jones Lang LaSalle Incorporated. Presente em Portugal desde 1997, a JLL conta com uma equipa pluridisciplinar composta por cerca de 200 profissionais, desenvolvendo a sua atividade nos mercados de escritórios, retalho, residencial e hotels & hospitality nas áreas de agência, investimento, corporate solutions, consultoria estratégica, avaliações, gestão de imóveis, arquitetura & construção e research. Para mais informações, visite www.jll.pt | Rua Braamcamp, nº 40, 8º - 1250-050 Lisboa

Tags:

Sobre nós

Empresa de serviços financeiros e profissionais especializada em serviços de imobiliário e gestão de investmento, desenvolvendo a sua atividade nos mercados de escritórios e retalho, nas áreas de agência, investimento, corporate solutions, consultoria e avaliações, gestão de imóveis, arquitectura/obras e research.

Subscrever