Volume de investimento em imobiliário comercial atinge €969 milhões até setembro, apura a JLL

Estrangeiros representam 92% das transações em valor
Escritórios e retalho são os ativos mais procurados no mercado nacional
Fundos de investimento são a classe de investidores mais dinâmica
 
LISBOA, 28 novembro 2016 – Entre janeiro e setembro, o imobiliário comercial em Portugal atraiu um investimento total de €969 milhões, dos quais 92% de origem internacional, revela a JLL no seu research Market Pulse referente ao 3º trimestre de 2016. Este volume confirma o elevado dinamismo sentido a partir de 2013, sendo mesmo superior ao valor registado no período homólogo dos últimos 10 anos, com exceção de 2007 e 2015, que foram anos recorde.
 
Para Fernando Ferreira, Head of Capital Markets da JLL, o imobiliário comercial nacional está bem posicionado para continuar a atrair investimento, com indicadores sólidos a nível da atividade ocupacional e retornos atrativos face a outras classes de ativos; baixa volatilidade e oportunidades bastante interessantes. Além disso, a economia nacional está a evoluir de forma mais favorável que o esperado e a própria conjuntura internacional está razoavelmente estabilizada, com o impacto do Brexit a mostrar-se controlado e não se esperando que os resultados das eleições americanas gerem grandes pressões. Por isso, perspetivamos, que o investimento aumente na reta final do ano, atingindo-se um valor total em 2016 perto dos 1.800 milhões de euros transacionados no ano passado ”.
 
JUNTO SE ENVIA PRESS RELEASE COMPLETO COM AS PRINCIPAIS CONCLUSÕES DO MARKET PULSE DO 3º TRIMESTRE DE 2016.

Tags:

Sobre nós

Empresa de serviços financeiros e profissionais especializada em serviços de imobiliário e gestão de investmento, desenvolvendo a sua atividade nos mercados de escritórios e retalho, nas áreas de agência, investimento, corporate solutions, consultoria e avaliações, gestão de imóveis, arquitectura/obras e research.

Subscrever