Novidades editoriais para fevereiro

Verbetes para Um Dicionário Afetivo , de Ana Paula Tavares, Manuel Jorge Marmelo, Ondjaki e Paulinho Assunção - (nas livrarias a 23 fevereiro)

Quatro autores já bem conhecidos do público português – Ana Paula Tavares, Manuel Jorge Marmelo, Ondjaki  e Paulinho Assunção (dois angolanos, um português e um brasileiro) – reúnem-se, ou melhor, encontram-se reunidos para nos dar um conjunto de textos que são outras tantas pérolas literárias, produzidas nesse vasto cadinho que é a língua portuguesa. Cada um com o seu estilo, oferecem ao leitor um objecto literário que proporciona enquanto arte literária, um verdadeiro e intenso prazer da leitura.

Como os autores (se) explicam no prefácio: “Este livrinho nasceu pelo e para o afeto das amizades… E é um livro da nossa língua, a nossa língua brasileira, angolana, portuguesa, diversa e única, cordas de muitos tons em um mesmo instrumento. Pela língua, a nossa língua, fotografamos as nossas memórias verdadeiras  e inventadas, porque recriam o que já ficou tão distante  e também não nos abandona”.
(infantil):

De Umas Coisas Nascem Outras , de João Pedro Mésseder e Rachel Caiano
(nas livrarias a 16 de fevereiro)

A dado momento, um pedacinho de tronco de árvore descobre-se lápis, um dedal de água do rio descobre-se floco de neve e, num ecrã ou teclado de telemóvel, um dedo polegar descobre-se instrumento de escrita. De umas coisas nascem ouras. A Lua afinal é um botão, a chama é uma bandeira e a pantufa, mesmo nova, tem sempre um ar de coisa velha. Este livro, que pode ser lido começando por qualquer página, fala destes e doutros assuntos. Ah, é verdade, e há prosa que parece poesia, poesia que parece prosa… Tudo continua a ser outra coisa. Este é o terceiro livro desta dupla de autores.

Uma Aventura na Madeira , de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada
(nas livrarias a 23 de fevereiro)

Os personagens já nossos conhecidos viajam até à ilha da Madeira a fim de participar nuns campeonatos desportivos. O certo é que, numa das visitas aos maravilhosos lugares da Madeira, os nossos amigos dão com uns papéis que caíram de uma mota que se deslocava a grande velocidade. Ora, nesses papéis, podia depreender-se que se tratava de um mapa para um tesouro algures  escondido. Se juntarmos a isso uns carteiristas e o Benjamim, que anda na ilha a procurar os ingredientes secretos para fazer o elixir do amor, logo pensamos que, por certo, vai haver uma Aventura na Madeira.

Tags:

Sobre nós

Grupo editorial de toda a área da língua portuguesa.

Subscrever