TEM ROUPA QUE JÁ NÃO USA? DEPOSITE NOS “ROUPÕES” DA MAIA E AJUDE AS INSTITUIÇÕES DO CONCELHO

No concelho da Maia, ao depositar os seus resíduos têxteis e calçado nos 42 “Roupões” existentes já está a ajudar as associações de solidariedade social locais. A iniciativa, promovida pela MAIAMBIENTE e pela Wippytex (empresa responsável pela recolha destes resíduos) permitiu angariar 7 mil euros de verba, no último semestre do ano, agora doados a sete instituições do concelho. Trata-se de um valor simbólico, mas que retrata o esforço da população e que é devolvido à comunidade através do apoio social. A cerimónia de entrega de donativos foi presidida pelo presidente do Conselho de Administração da MAIAMBIENTE e Vereador da Câmara Municipal da Maia, Paulo Ramalho, e pelo Administrador da Wippytex, Pedro Oliver.

Para o presidente do Conselho de Administração da MAIAMBIENTE, “estamos perante um projeto integrado na sociedade que muito nos orgulha. Um projeto que remonta a 2012 e que ao longo dos anos tem tido um papel fulcral nas instituições do nosso concelho.” Acrescentando, “são doados valores simbólicos, representativos da compensação por cada Kg de têxteis recolhido, mas que fazem toda a diferença na gestão destas associações.” Paulo Ramalho finaliza “queremos ser um exemplo para outras empresas, de maior dimensão, no nosso território. A responsabilidade social não deve ser imposta às empresas, mas é fundamental para aquelas que se preocupam com o bem-estar da sociedade onde estão inseridas.”

Na cerimónia marcaram ainda presença representantes das entidades beneficiaras deste apoio: Cruz Vermelha Portuguesa – Delegação da Maia, a Socialis – Associação de Solidariedade Social, o Centro Social e Paroquial da Maia – Lar Nazaré, a Fundação Lar Evangélico Português, a Associação Fraternidade Missionários do Sofrimento, o Centro Social e Paroquial de Águas Santas e a Conferência Vicentina, Conselho de Zona da Maia.

CADA PESSOA PRODUZ, EM MÉDIA,

8 A 10KG DE RESÍDUOS TÊXTEIS E CALÇADO POR ANO

Este tipo de resíduos, pela sua quantidade e pela sua relevância, assumem um papel importante na cadeia de recuperação e reciclagem. Após a utilização máxima destes materiais, estes devem ser depositados seletivamente nestes contentores para que possam ser encaminhados para recuperação/reciclagem. Caso o estado da roupa/calçado ainda o permita, poderão ser tratados, para posterior encaminhamento para aqueles que mais necessitam. Caso a qualidade não permita a sua reutilização, então estes materiais serão transformados em matéria-prima para a produção de produtos de limpeza de origem têxtil ou para a recuperação de fibras e obtenção de novos produtos têxteis. Com esta solução, reduz-se a incineração de resíduos/deposição em aterro e reduz-se a necessidade de extração de matérias-primas da natureza para as atividades industriais, preservando o ambiente.

MAIAMBIENTE… Naturalmente!

A MAIAMBIENTE é uma empresa pública municipal, autónoma jurídica e financeiramente, e tem como objeto principal, por delegação da Câmara Municipal da Maia, a remoção dos resíduos sólidos urbanos e equiparados a urbanos, a recolha seletiva de materiais recicláveis e a manutenção da higiene e limpeza dos locais públicos, no concelho da Maia. Na sua área de negócio, a MAIAMBIENTE demonstra a sua elevada experiência respondendo às solicitações com soluções adequadas a todas as solicitações nas suas diferentes áreas de atuação.  Age com total dedicação aos clientes, aos parceiros de negócio e à comunidade em geral, criando uma forte ligação através da disponibilização de instrumentos adequados às atuais exigências e expetativas.  O trabalho da MAIAMBIENTE orienta-se no sentido de garantir as melhores condições de vida à população que serve, num esforço continuo para prestar aos seus clientes o melhor serviço, com qualidade e eficiência. Em termos da qualidade do serviço público prestado, orienta-se pelas melhores práticas internacionais, sempre numa perspetiva de desenvolvimento sustentável.

Tags:

Sobre nós

Empresa pública municipal que tem como objeto principal, por delegação da Câmara Municipal da Maia, a remoção dos resíduos sólidos urbanos e equiparados a urbanos, a recolha selectiva de materiais recicláveis e a manutenção da higiene e limpeza dos locais públicos.

Subscrever

Media

Media