“ENCONTROS DA MATRIZ PORTUGUESA – ESFERA FEMINA NA LUSOFONIA”

O BJECTIVO -  Encontros destinados à discussão e reflexão sobre a Gestão e o Empreendedorismo na perspectiva feminina no contexto da Arte e da Estética, bem como o diálogo multicultural e a partilha de ideias e conhecimento. Pretendem criar e estimular uma rede na Esfera Lusófona de académicas, artistas, consultoras, empresárias, escritoras, gestoras e estudantes de nacionalidade e expressão Portuguesas, das Comunidades Portuguesas, luso-descendentes e lusófilas, envolvendo asna exploração e experimentação no mundo da Arte, no seu mais estrito sentido, para a compreensão da Gestão e do Empreendedorismo, dando origem a uma vibrante comunidade global, reunindo Notáveis Mulheres dos mundos académico, artístico e empresarial. Esta iniciativa deseja o debate sobre o papel e a postura da Mulher do novo milénio – os cargos que ocupa, as decisões que toma, os desafios, entre outros – com um painel de personalidades de notoriedade em várias áreas. Os Encontros da Matriz Portuguesa estão empenhados em proporcionar ambientes e oportunidades únicas, permitindo a criação de uma rede de contactos e de influências visando interesses e benefícios culturais, académicos e empresariais comuns. Visam a criação de relacionamentos estratégicos do meio Empresarial com o meio da Cultura, Arte, Poesia, Música, Escrita, Bailado, Fotografia, Filosofia, Ciência, Artes de Palco, Cinema, Televisão, entre outros.

A Instalação de Arte “Peregrinação”, da pintora Isabel Nunes dá o mote à discussão do mundo do empreendedorismo na perspectiva da Matriz Portuguesa no Mundo. Após o evento será elaborado um livro, em suporte digital, com o resumo das conclusões, argumentações e acontecimentos mais relevantes ocorridos durante o encontro. O evento será realizado em Língua Portuguesa.
 

D ATA  26 de Março de 2015

L OCAL  Centro Cultural de Cascais

Programa de trabalhos e exposição “Notáveis Mulheres Portuguesas”. Antigo Convento da Nossa Senhora da Piedade. Espaço multidisciplinar, especialmente vocacionado para as Artes Visuais.

P ROGRAMA/BROCHURA

| Índice, boas-vindas, destaques, agradecimentos, artigo de opinião, informações variadas sobre o evento e local, patrocínios e apoios, lista de presenças, serviços, sobre a matriz portuguesa, sobre a vila de cascais, programa do evento, detalhes do programa, publicidade, contactos, plantas do evento.
 

“PRÉMIO FEMINA - NOTÁVEIS MULHERES PORTUGUESAS E DA LUSOFONIA”
 

O BJECTIVO  Celebrar o quinto aniversário da fundação do Prémio Femina , com exibição das fotografias e biografias das agraciadas, desde a sua primeira edição até àactualidade, bem como o alargamento do âmbito do Prémio Femina , que agraciará a partir de então as “Notáveis Mulheres Portuguesas e da Lusofonia”; não só as Mulheres Portuguesas, mas também as dos países de expressão portuguesa, das Comunidades Portuguesas e as Luso-descendentes, pelas suas obras e pelo seu contributo para Lusofonia no Mundo, pelo Conhecimento e pelo seu relacionamento com outras Culturas.

I NSPIRAÇÃO  A Infanta Dona Maria de Portugal, patrona da Matriz Portuguesa - Sociedade Civil para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento, última descendente de Dom Manuel I; digna representante da Era de Ouro de Portugal, e extraordinária mecenas das Artes e Ciências.
 

PAINÉIS | ORADORES
Palestra “ Felicidade no Feminino: o contexto da gestão e do empreendedorismo
Oradora | Helena Águeda Marujo, Docente no ISCSP – Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas da Universidade de Lisboa, e Presidente da Associação Portuguesa de Estudos e Intervenção em Psicologia Positiva. Os últimos anos têm testemunhado uma gradual e lenta mudança na presença das mulheres em posições de liderança e gestão - apesar de estarmos bem longe de alguma paridade - mas ainda assim fazendo emergir o que alguns consideram uma forma inovadora de guiar pessoas e grupos, empreender e impactar culturas organizacionais. As tendências a ssociadas a essas “mudanças no feminino”, a que chamarei Liderança Feminina Transformativa, incluem as seguintes transformações, com claro impacto nas tomadas de decisão e melhoria na performance corporativa:
Da cultura do “Poder Sobre” à cultura do “Poder com…”;
Da cultura da opressão à cultura das intenções positivas;
Da cultura do lucro à cultura da justiça e equidade;
Da cultura do protagonismo à cultura dos bens relacionais;
Da cultura do Ego à cultura do Bem Comum;
Da cultura da liberdade à cultura complementar da igualdade e da fraternidade.

Estas tendências, ainda que não generalizadas a todas as mulheres que vão assumindo hoje cargos de poder corporativo, quando presentes parecem apontar para uma forma de liderar e empreender que se enquadra num modelo de Felicidade Eudaimonica, que molda as políticas e as práticas pelo desenvolvimento pessoal, pelos bens relacionais, pela busca da virtuosidade colectiva e pelo sentido e propósito.
 

Celebração do V Aniversário “Prémio Femina - Notáveis Mulheres Portuguesas e da Lusofonia”.
Memorabilia das edições do Prémio Femina desde a sua fundação em 2010. Anúncio da edição comemorativa do seu quinto aniversário.

Debate “Marcas e Empresas de Prestígio dirigidas por Mulheres”
Marcas lusófonas de prestígio nacional e internacional, com propriedade, gestão, ou criatividade feminina.
Moderação de Madalena Queirós, Editora Diário Económico
Convidadas: Maria Cândida Rocha e Silva, Presidente do Banco Carregosa , Portugal;
Maria Madalena Motta, Administradora do Chá Gorreana , Açores, Portugal;
Sónia Marçal, Administradora de Portela Cafés , Portugal;
Tânia Trevisan, Administradora da Ten - Trevisan Event Network, Brasil.

Palestra “Igualdade de género – um contributo para o crescimento do negócio”

Oradora | Nélia Câmara, Administradora na Mercer .

A importância da complementaridade na gestão. O papel da mulher em funções de liderança.

Palestra “O Empreendedorismo Feminino no Mundo I – Que Apoios?”

Oradora | Clara Braga da Costa, Gestora de Fundo da Capital Criativo Adding vision to investments

Debate “As Mulheres na Esfera Lusófona e no Mundo”

O biombo “Peregrinação” dá o mote ao debate – As Mulheres, lusófonas e falantes de outras línguas, empreendem uma viagem pelo Mundo, em busca da Mátria ideal, através da partilha do Conhecimento, do Saber e das Experiências, tão distintas como as suas Culturas ancestrais. Isabel Nunes, autora da Instalação de Arte “Peregrinação”, fará uma breve apresentação da obra. Moderação de Antonieta Lopes da Costa, directora da Rádio Nostalgia.
Convidadas | Representantes dos Países de língua oficial Portuguesa e de outros países: Embaixadora Johana Tablada de La Torre, Embaixada de Cuba ; Isabel de Jesus da Costa Godinho, Ministra Conselheira da Embaixada de Angola ; Rosa Isabel Campizes, Directora de Serviços de Emigração, Direcção-Geral dos Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas; Beatriz Lopes Marques, Presidente de Soroptimista International – Clube Lisboa Fundador .

Debate “O Empreendedorismo feminino no Mundo II – A Internacionalização”
Moderação de Madalena Queirós, Editora Diário Económico
Convidado | Pedro Ortigão Correia, Administrador da AICEP – Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal
 

Mesa redonda “Esfera Femina na Lusofonia”
Debate e reflexão sobre o novo protagonismo da Mulher Lusófona no espaço geolinguístico, e numa esfera de relações e de influências em crescente importância global assente na partilha histórica entre Culturas e Povos na Expansão Marítima dos Portugueses, fundada na multiculturalidade e numa língua comum – a Matriz Portuguesa.
Moderação de Antonieta Lopes da Costa, directora da Rádio Nostalgia. Convidadas: Ana Paula Laborinho, presidente de Camões Instituto da Língua e da Cooperação ; Lurdes Loureiro, directora pedagógica do Instituto de Odivelas ; Manuela Aguiar, presidente da Assembleia Geral da Associação Mulher Migrante , e antiga Secretária de Estado das Comunidades Portuguesas; Monica d’Orey Santiago, presidente da European Professional Women’s Network (EPWN), em Lisboa.

A PRESENTAÇÃO DA ACADEMIA DE PROTOCOLO
Assinatura de Protocolo de cooperação entre a Matriz Portuguesa – Sociedade Civil para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento e a Universidade Autónoma de Lisboa, para o desenvolvimento de programas pedagógicos e académicos. O acto solene será realizado pelos seus representantes, o director geral da Matriz Portuguesa , João Micael, e da Universidade Autónoma de Lisboa pelo seu presidente, José Augusto Perestrello de Alarcão Troni, e pelo seu director Reginaldo Rodrigues de Almeida. A Academia de Protocolo é um projecto inédito em Portugal, concebido para o estudo e ensino do Protocolo, para a formação e a consultadoria às Relações e Intercâmbios Culturais, Académicos e Empresariais para as entidades oficiais, institucionais e privadas da Esfera Lusófona e a todos os países com quem mantém importantes ligações.
 

O Biombo Peregrinação foi inspirado no Mapa de Cantino , uma das mais antigas cartas náuticas que representam os Descobrimentos Marítimos Portugueses, guardado actualmente na Biblioteca Estense, na cidade de Modena. Recebeu seu nome de Alberto Cantino, que o obteve clandestinamente em Portugal, no ano de 1502 e o enviou ao duque de Ferrara, na Itália. O Mapa de Cantino é considerado uma obra-prima da cartografia portuguesa e como carta geográfica é uma das mais importantes do mundo. É a primeira carta que representa o planisfério de forma mais completa, desde a Europa, América, Africa e a Ásia com os contornos tal como os conhecemos actualmente. Num imenso azul plano surgem quatro superfícies profusamente texturadas caracterizando os continentes, e as quatro etnias encontram-se representadas nas quatro máscaras. Uma observação mais atenta poderá identificar a "Alma Mater" do biombo na Mulher, contida na própria caracterização de cada máscara - a Mulher um tema recorrente na obra da pintora: "Há mulheres que trazem o mar nos olhos, Não pela cor, Mas pela vastidão da alma (...),Ficam para além do tempo, Como se a maré nunca as levasse...Da praia onde foram felizes, Há mulheres que trazem o mar nos olhos, pela grandeza da imensidão da alma, pelo infinito modo como abarcam as coisas e os Homens... " Sophia de Mello Breyner Andresen

Tags:

Sobre nós

Sociedade Civil para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento que visa promover a criação de vínculos culturais, científicos e artísticos, como mensagem da excelência de um Povo e do seu Desígnio e dinamizar e fomentar o debate e a apresentação de ideias e projetos nestas áreas.

Subscrever