MARCA PORTUGAL-A CULTURA DE MATRIZ PORTUGUESA É PATRIMÓNIO DA HUMANIDADE

O Património Cultural – material e imaterial, duradouro e efémero - constitui a derradeira mensagem da Excelência de um Povo e do seu Desígnio, sendo esse o seu Legado ao Mundo.
Portugal, país de surpreendentes contrastes e diversidade cultural, possui uma fonte inesgotável de riqueza, fruto da aventura ultramarina e da comunhão com outras terras, outras gentes e outros saberes. Estes são os genuínos Recursos Culturais para a construção de um Novo Futuro – o contributo lusófono no Mundo.
Com a valorização do seu ímpar acervo patrimonial, inicia um novo capítulo na sua História milenar O Ciclo do Conhecimento e da Cultura . A consciencialização do seu indelével valor na História Universal, e a dignificação da sua Memória Histórica e Cultural, projecta uma imagem de sofisticação de um Povo e de um País, que se elevam e cumprem o seu desígnio – partilhar o Testemunho de Portugal com a Humanidade.
Apoio institucional da Direcção Geral do Património cultural e do Museu Nacional de Arqueologia.
Como
Encontro de Especialistas, aberto ao público, para debate e reflexão sobre:
A percepção de Portugal internamente e no exterior;
A Marca Portugal na perspectiva da Esfera Lusófona existente no Mundo;
Os novos desafios de Portugal e da “Marca Portugal”.
Para quê
Produzir uma acta com conclusões e recomendações para entrega às entidades oficiais, institucionais, académicas, culturais e meios de comunicação social.
 
Tópicos para o debate e reflexão
A Cultura Portuguesa é Património da Humanidade
A Língua Portuguesa é Internacional e Pluricontinental
O espírito pioneiro e criativo dos Portugueses
A Esfera Lusófona - Comunidade Mundial Lusófona
Definição do papel de Portugal no Mundo
 
Membros do Concílio da Matriz Portuguesa
João Micael , fundador e presidente da Matriz Portuguesa e director da Academia de Protocolo.
Besma Kraiem , empresária e especialista em desenvolvimento de negócios internacionais, oradora e mentora.
Carlos Nunes , antigo administrador da REFER e do Metropolitano de Lisboa .
Clementina Paiva , presidente da mesa da Assembleia-Geral da Matriz Portuguesa .
Delmar Maia Gonçalves , membro da direcção do MIL: Movimento Internacional Lusófono. Membro do Concílio de Honra da Matriz Portuguesa . Membro da Comissão de Honra do Prémio Femina 2015.
Duarte Guedes , administrador do Grupo Hipogest.
Helena Águeda Marujo , professora auxiliar convidada no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, investigadora em Psicologia Positiva e nos subdomínios Nações positivas, Felicidade e aplicações a contextos organizacionais, comunitários e nacionais, entre outros.
Rosário Louro , directora-geral da Jervis Pereira, empresa de comunicação de Portugal sou Eu e Compro o que é nosso.
 

Sobre a Matriz Portuguesa

É uma instituição sem fins lucrativos, criada para o desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento. Trata-se de um conceito inédito cuja acção irá despertar consciências, iniciando um novo ciclo da Matriz Portuguesa no Mundo.

No dia 29 de Abril de 2014, realizou-se, no Salão Nobre do Mosteiro dos Jerónimos, a apresentação da sua missão e propósitos, contando com a presença de distintos oradores como o Prof. Doutor Adriano Moreira, presidente da Academia das Ciências de Lisboa; o Dr. António Ferreira de Carvalho, presidente da AERLIS – Associação empresarial da Região de Lisboa e vice-presidente da CIP – Confederação empresarial de Portugal; o Dr. José Arantes, director dos Canais Internacionais da Rádio e Televisão de Portugal; e a Doutora Helena Águeda Marujo, professora Auxiliar Convidada do ISCSP – Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas.

Tags:

Sobre nós

Sociedade Civil para o Desenvolvimento da Cultura e do Conhecimento que visa promover a criação de vínculos culturais, científicos e artísticos, como mensagem da excelência de um Povo e do seu Desígnio e dinamizar e fomentar o debate e a apresentação de ideias e projetos nestas áreas.

Subscrever

Media

Media