Microsoft apresenta catálogo de jogos para a Xbox One

Lisboa, 25 de junho de 2014 - A Microsoft anunciou hoje em conferência de imprensa as principais novidades de jogos e conteúdos exclusivos para Xbox One. Títulos como o “Forza Motorsport 5”, “Dead Rising 3”, “Ryse: Son of Rome”, “Killer Instinct” e as mais recentes novidades anunciadas na E3 traçam o futuro da Xbox One com um invejável catálogo de jogos dos criadores mais visionários do mundo. Todos os jogos estarão disponíveis nas principais cadeias de retalho do País, com preço até aos 69,99€.
Com propostas exclusivas para aqueles que procuram emoções fortes e velocidades incríveis mas não só, a Xbox One garante uma lista diversificada de jogos, entre os quais se destacam:
• “Assassin’s Creed Unity” (Ubisoft, Ubisoft) é a evolução da famosa franchise e conta com um novo motor de jogo. Aqui é possível jogar como Arno, um assassino de nova geração, numa trama épica de jogador único, ou juntar a personagem a outros três jogadores num modo de jogo cooperativo, para conhecer a vida de um assassino profissional e dos seus amigos. O jogador é convidado a embarcar numa viagem para expor os verdadeiros poderes por detrás da revolução francesa.
• “Call of Duty: Advanced Warfare” (Sledgehammer Games, Activision) é passado num mundo futurista, onde tanto a tecnologia como a tática evoluíram para marcar uma nova era de combate. Este jogo apresenta efeitos visuais de nova geração e uma jogabilidade inovadora, que muda a forma de diversão em todos os modos de jogo. Aproveitando o primeiro ciclo de desenvolvimento de três anos da história desta franchise, “Call of Duty: Advanced Warfare” representa uma nova era para a série.
• “Crackdown” (Dave Jones, Microsoft Studios) volta a estar disponível em primeira mão e em exclusivo na Xbox. “Crackdown” transporta-nos a um universo de caos e a um nível de destruição únicos. Quer se jogue no modo de campanha, com amigos, ou com a nova e revolucionária experiência multijogador pelo Xbox Live, o jogador nunca mais vai olhar para um jogo de mundo aberto da mesma forma.


• “D4: Dark Dreams Don’t Die” (Access Games, Microsoft Studios) é uma aventura sombria dos criadores de “Deadly Premonition”, lançada este ano em exclusivo para a Xbox One. Os jogadores acompanham a história do detetive David Young, que consegue mergulhar no passado, e usar o poder do Kinect ou do controlador para o ajudar a resolver o mistério que envolve o assassinato da sua mulher, de forma a impedir que aconteça na realidade.
• “Dance Central Spotlight” (Harmonix Music Systems, Microsoft Studios) é o mais recente jogo da premiada série de títulos “Dance Central”, que disponibiliza coregrafias, músicas no top de vendas e “personas” relevantes, em exclusivo para a Xbox One. Com uma nova banda sonora, mais de 50 canções como conteúdo adicional, mais passos de dança por música do que nunca e uma experiência de um ou dois jogadores atualizada para a Xbox One, o “Dance Central Spotlight” é a próxima geração de jogos de dança.
• “Dragon Age: Inquisition” (BioWare, Electronic Arts): um evento cataclísmico mergulha Thedas no caos e tem de ser o jogador e a sua equipa de heróis a restaurar a ordem, liderando a Inquisition e caçando os agentes do caos. Serão criados laços – e outros serão quebrados – à medida que a procura pela verdade impõe o seu preço.
• “Evolve” (Turtle Rock Studios, 2K), .é a nova aventura de “shooters” multijogador, onde quatro caçadores enfrentam um monstro controlado pelo jogador, em combates de quatro contra um. Os jogadores são convidados a travar combate com um caçador de uma de quatro classes (caçador, suporte, assalto e médico) e formar equipas para derrotar o vilão, ou jogar com o monstro e usar as habilidades selvagens para acabar com os inimigos humanos no planeta.
• “Fable Legends” (Lionhead Studios, Microsoft Studios) inova a franchise do fantástico mundo de magia, humor e aventura, garantindo uma experiência única já familiar dos fãs, mas com elementos novos. “Fable Legends” permite jogar em modo cooperativo, cada um com o seu estilo de jogo (numa equipa de até quatro heróis), ou ser o vilão e controlar a batalha. As inscrições já estão abertas para aceder à fase beta de multijogadores, que tem início no outono, em FableLegends.com.
• “Forza Horizon 2” (Playground Games, Turn 10 Studios, Microsoft Studios) permite ao jogador correr através de um mundo gigantesco, com condições climatéricas dramáticas e passando por ciclos de dia/noite. O jogador pode ligar-se de forma instantânea aos seus amigos numa absorvente celebração de velocidade, estilo e condução agressiva, enquanto explora as paisagens exóticas com um dos 200 carros disponíveis– tudo criado com uma série de detalhes em resolução 1080p para a Xbox One.



• “Forza Motorsport 5” (Turn 10 Studios, Microsoft Studios) é uma viagem cinematográfica ao mundo automóvel, na companhia dos melhores carros e pistas do mundo. Concebido de raiz para tirar proveito da Xbox One e das potencialidades da cloud, este é o jogo que melhor reproduz a sensação do desporto automóvel. Quem já tem ou adquirir o “Forza Motorsport 5” tem acesso gratuito ao último DLC, que inclui vários elementos como a pista de Nürburgring, digitalizada com uma precisão abaixo do centímetro.
• “Halo 5: Guardians” Multiplayer Beta (343 Industries, Microsoft Studios) está disponível no verão para os detentores de “Halo: The Master Chief Collection”. A beta para multijogadores de “Halo 5: Guardians” permite que os fãs sejam os primeiros a experimentar a nova geração do modo multijogador. Para tal, basta desbloquear o conteúdo exclusivo em “Halo: The Master Chief Collection” e em “Halo: Nightfall”, que será depois partilhado em “Halo 5: Guardians”, quando este for lançado em 2015.
• “Halo: The Master Chief Collection” (343 Industries, Microsoft Studios). Prestando homenagem ao icónico herói e à sua viagem épica, a história completa do Master Chief foi reunida em “Halo: The Master Chief Collection.” “Halo: Combat Evolved Anniversary”, “Halo 2 Anniversary”, “Halo 3” e “Halo 4” são os nomes a reter e que estão disponíveis em 60 fps na Xbox One, num total de 45 missões de campanha e mais de 100 mapas multijogador (incluíndo o “Halo: Combat Evolved” original) e mapas de Spartan Ops. Além das novas cenas de prólogo e epílogo que abrem caminho a “Halo 5: Guardians”, esta é a coleção pela qual todos os fãs de “Halo” aguardavam.
• “Happy Wars” para Xbox One (Toylogic, Microsoft Studios) é o popular jogo online de ação multijogadores free-to-play que chega à Xbox One no fim deste ano. Este jogo oferece um modo de campanha baseado numa história e modo multijogador cheios de ação para até 30 jogadores. Cada um pode entrar na luta usando uma personagem escolhida entre as seis classes disponíveis – Guerreiro, Mago, Clérigo, Berserker, Zephyr ou Engenheiro – cada uma com vantagens táticas específicas, devendo trabalhar em equipa para eliminar os adversários e conquistar o castelo.
• “Killer Instinct” (Iron Galaxy, Microsoft Studios). Depois de uma bem-sucedida primeira série, a Season 2 de “Killer Instinct” conta com uma nova lista de personagens redesenhadas, que os fãs vão reconhecer e com um sistema de combos melhorado, assim como uma boa jogabilidade, em exclusivo para a Xbox One.
• “Ori and the Blind Forest” (Moon Studios, Microsoft Studios). Neste desafio, o jogador pode aventurar-se como Ori, um jovem órfão destinado a atos heróicos, que pretende salvar a floresta moribunda de Nibel. Este jogo está disponível para a Xbox One, Xbox 360 e PC.



• “Phantom Dust” (Microsoft Studios), um dos jogos favoritos dos fãs da Xbox surge agora com melhor jogabilidade e gráficos redesenhados. Aqui é possível reviver a história de Espers – um grupo de humanos com a capacidade de controlar areia para criar poderosos arsenais de combate. Este é um jogo de estratégia e ação, disponível em exclusivo na Xbox One.
• “Project Spark” (Team Dakota, Microsoft Studios) dá largas à imaginação num jogo de mundo aberto, na altura em que faz a transição de beta aberta para release final na Xbox One e Windows 8, neste outono. Com um forte motor de criação, packs de conteúdo disponíveis para download e funcionalidades multiplataforma, “Project Spark” dá aos jogadores a possibilidade de criarem os seus próprios mundos, histórias e jogos. Depois, podem partilhá-los e jogar nas suas criações com uma comunidade global ou com amigos que sejam também criadores.
• “Rise of the Tomb Raider” (Crystal Dynamics, Square Enix) é o novo capítulo da viagem de Lara Croft, onde esta tem de usar as suas capacidades de sobrevivente e inteligência, aprender a confiar em novos amigos e aceitar o seu destino como Tomb Raider. Cheio de épicos momentos de ação, “Rise of the Tomb Raider” leva os jogadores a uma série de locais nos quatro cantos do mundo, explorando cenários que estão entre os mais bonitos e hostis do planeta. Além disso, e respondendo aos pedidos dos fãs, o jogo volta a colocar túmulos em “Tomb Raider”. Tudo com o reconhecido estilo de ação e sobrevivência que caracteriza esta franchise.
• “Scalebound” (Platinum Games, Microsoft Studios) transporta o jogador para um mundo distante e hostil, onde fica frente a frente com algumas criaturas terríveis, entre as quais um dragão. O laço que vai criar com este predador será crucial para que ambos os mundos sobrevivam.
• “Sunset Overdrive” (Insomniac Games, Microsoft Studios), tem o lançamento marcado para 28 de outubro nos EUA e em exclusivo para a Xbox One. Trata-se de um shooter de mundo aberto repleto de armass, mutantes enlouquecidos e uma cidade caraterizada por uma carnificina sem precedentes. É possível experimentar o modo de campanha, cheio de ação, ou saltar diretamente para o modo multijogadores com oito pessoas (Chaos Squad), suportado pelo Xbox Live.
• “Super Ultra Dead Rising 3 Arcade Remix Hyper Edition” (Capcom Vancouver, Microsoft) acrescenta um novo modo de colaboração para quatro jogadores, sendo possível jogar como um dos heróis de “Dead Rising” ou como uma das personagens da Capcom para usar os ataques ou movimentos especiais que são a sua assinatura. O objetivo é salvar a cidade das hordas de zombies, “bosses” e superzombies gigantes.
• “Tom Clancy’s The Division” (Massive Entertainment, Ubisoft). Uma pandemia devastadora assola Nova Iorque e os serviços básicos começam a falhar. A Division, uma unidade secreta de agentes táticos com autonomia de decisão, é




ativada. Lutando para impedir a queda da sociedade, os agentes vão encontrar-se no meio de uma conspiração épica, forçados a combater os efeitos de um vírus feito pelo homem, mas também a ameaça que se esconde por detrás de quem por ele é responsável.
• “The Witcher 3: Wild Hunt” (CD Projekt RED) é uma combinação de um enredo não linear com mundo aberto. Trata-se de um RPG de fantasia, focado nas escolhas do jogador, em combates táticos e num ambiente imersivo. Abordando o conto de Geralt de Rivia, um caçador de monstros profissional, pretende atrair jogadores com uma narrativa madura e convincente, com mais de 100 horas de jogabilidade aplicada em quests principais e secundárias, todas desenhadas à mão.

Para mais informação sobre a Xbox One, consulte:
http://news.xbox.com
http://news.xbox.com/media
https://www.facebook.com/xboxportugal
http://www.microsoft.pt


Sobre a Microsoft
Fundada em 1975, a Microsoft (Nasdaq "MSFT") é líder mundial em software, serviços, dispositivos e soluções para ajudar as pessoas e empresas a alcançarem todo o seu potencial.

Tags:

Sobre nós

Multinacional de informática e tecnologia.

Subscrever