Novo MSN reúne o melhor da informação produzida em Portugal

 

  •   Disponível a partir de hoje, o novo MSN agrega os melhores conteúdos informativos produzidos por mais de 40 meios de comunicação social e produtores de conteúdos portugueses;
  •   Cofina, Controlinveste Conteúdos, Público, RTP e Motorpress Lisboa são alguns dos parceiros do projeto;
  •   Para ser a porta de entrada da Internet em Portugal, o portal reúne conteúdos de meios generalistas, económicos, desportivos, de entretenimento e automóveis, mas também receitas, informação financeira ou de viagens; estes conteúdos estão disponíveis em todas as plataformas;
  •   Gerar mais tráfego e receitas para os parceiros é um dos objetivos.
 
Cofina, Controlinveste, Público, RTP e Motorpress Lisboa são alguns dos parceiros do novo MSN em Portugal, o portal de media da Microsoft que surge hoje com um novo visual mas também com novos conteúdos e muitas ferramentas que permitem ao utilizador ser mais informado, organizado e produtivo, em qualquer dispositivo.

Um dos objetivos é posicionar-se como a porta de entrada dos ecossistemas digitais em Portugal. O renovado MSN arranca com o melhor da informação produzida em Portugal por mais de 40 títulos nacionais – generalistas, económicos e de negócios, desportivos, de entretenimento e lifestyle, viagens e automóvel – todos eles credíveis, rigorosos e isentos. O objetivo é chegar aos 50 títulos no final deste mês e, ao fim do primeiro ano, ter todos os principais meios nacionais. O portal tem ainda parcerias com alguns dos principais órgãos de comunicação social internacionais, como é o caso da Reuters, Bloomberg, BBC, Deutsche Welle, France Press ou Forbes, que também disponibilizarão conteúdos em Português.

Criado para um mundo móvel e baseado na Cloud, além das principais notícias do dia atualizadas ao minuto, o MSN reúne vários conteúdos informativos para que o leitor esteja a par daquilo que mais lhe interessa. Entre estes contam-se uma série de ferramentas que o ajudam a completar tarefas do dia-a-dia, tudo num único sítio: verificar as cotações das ações, marcar voos e hotéis; consultar a programação dos vários canais de televisão; encontrar quase 10 mil receitas; ver os resultados, calendário e classificações das principais competições desportivas; ver vídeos de exercícios ou o corpo humano em 3D; saber a previsão meteorológica e muito mais. Pela primeira vez, é possível encontrar num mesmo portal um conjunto de dados estruturados e informações estatísticas de áreas distintas, sempre com a mesma experiência para o utilizador.

Com os objetivos de agregar a melhor informação em língua portuguesa e de a disponibilizar em todas as plataformas, a Microsoft abandona por completo a produção de conteúdos. “Queremos que todos os publishers, grupos de media e publicações nacionais relevantes façam parte do projeto com o objetivo claro e assumido de ajudar estas marcas e empresas a crescerem. Queremos contribuir para o sucesso dos media portugueses que são (e serão) nossos parceiros trabalhando por forma a gerar mais tráfego e receitas adicionais para os nossos parceiros. O modelo de negócio está assente nessas premissas de que o conteúdo é rei e as marcas dos nossos parceiros serão as estrelas do novo MSN, dando-lhes visibilidade, referenciação em motores de busca e redes sociais e partilhando receitas", explica Miguel Albuquerque e Castro, diretor do MSN Portugal.

A todos estes conteúdos informativos, o MSN acrescenta aplicações e serviços personalizáveis pelo utilizador como o Skype, Outlook.com, Facebook, OneNote ou One Drive para que possa ter num único local acesso às suas principais ferramentas do dia-a-dia. Desta forma oferece uma experiência única aos consumidores e às marcas, num ambiente multiplataforma personalizável, integrando assim a informação, o lazer e a produtividade.

Em Portugal o portal tem 20 a 25 milhões de visitas em média por mês, e mais de 160 milhões de page views geradas por cerca de 3 milhões de utilizadores únicos.

Mais informações:
Web Imprensa: www.microsoft.pt/imprensa
Novo MSN: www.msn.pt

Tags:

Sobre nós

Multinacional de informática e tecnologia.

Subscrever