MIT Portugal abre candidaturas para 18 projetos de investigação exploratória no valor de 1 milhão e 800 mil euros

Encontra-se aberta a fase de candidaturas para a apresentação de projetos de investigação exploratória no âmbito do Programa MIT Portugal (MPP). A iniciativa, financiada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), prevê o apoio a dezoito projetos exploratórios , que devem ser apresentados por instituições de investigação portuguesas e terem a duração máxima de um ano , com um  orçamento total disponível de 1 milhão e 800 mil euros . O prazo para submissão e candidaturas, através do site da FCT, termina no dia 8 de Março de 2017 às 17h.

As áreas científicas consideradas no concurso são: Investigação integrada baseada no contexto do centro Azores International Research Center (AIR), Sustentabilidade e gestão de dados em sistemas urbanos, novos conceitos industriais e fábricas inteligentes, Dispositivos Biológicos e Médicos, e Sistemas de Transportes Sustentáveis. Estas foram identificadas pelo Programa como áreas emergentes e com elevado potencial socioeconómico e resultam,  segundo o Diretor Nacional, Pedro Arezes “de uma análise do potencial de desenvolvimento das mesmas por parte dos parceiros nacionais em estreita colaboração com o Massachusetts Institute of Technology (MIT) e de uma tentativa de dar resposta a alguns dos mais recentes desafios de desenvolvimento da investigação e ciência em Portugal, como é o caso do esforço orientado para o desenvolvimento da iniciativa AIR nos Açores”.

As propostas a concurso devem assim integrar diferentes áreas de conhecimento e apostar no desenvolvimento de produtos e serviços inovadores, de elevado valor acrescentado e alcance global. Devem igualmente contribuir para a promoção da competitividade da economia portuguesa através de uma estreita colaboração entre parceiros privados, Instituições de Ensino Superior, instituições públicas sem fins lucrativos, entidades do Sistema Científico e Tecnológico Nacional e o MIT.

Esta fase de candidaturas arranca no ano em que o Programa MIT Portugal entra na reta final da sua 2ª fase, que teve início em 2013 e termina no final de 2017. Pedro Arezes refere que “um dos objetivos do concurso passa por identificar áreas de investigação que possam vir a ser integradas numa potencial 3ª fase do Programa, a qual está desde já a ser desenhada para incluir novas áreas científicas e iniciativas de internacionalização da investigação mais criativas e inovadoras”.

Ao longo destes 10 anos o MIT Portugal já apoiou, através da FCT, um total de 20 projetos de investigação durante a primeira fase do Programa e 3 projetos de larga-escala (test-bed) durante a segunda, estes últimos com co-financiamento privado a rondar 1,5 milhões de euros.

A apresentação das candidaturas é feita através da página de Concursos da FCT .  

Para mais informações visite o site MIT Portugal .

Tags:

MIT

Sobre nós

Programa financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia que visa o desenvolvimento da investigação e ciência em Portugal.

Subscrever