Morgado Golf Resort acolhe o regresso do histórico Open de Portugal

Depois de 7 anos de ausência, o Open de Portugal regressa em 2017 ao calendário do European Tour, a primeira divisão do golfe profissional europeu e ao Challenge Tour. O histórico torneio será jogado no Morgado Golf Resort, em Portimão, entre 11 e 14 de maio, com organização da NAU Hotels & Resorts, Federação Portuguesa de Golfe (FPG) e da PGA de Portugal, em parceria com o European Tour e o Challenge Tour.

O Open de Portugal @ Morgado Golf Resort marca o regresso ao Algarve de uma prova que visitou esta região pela última vez em 2006. Nesta 55ª edição da sua história, o torneio realiza-se em formato de “dual ranking”, contando simultaneamente para a Corrida para o Dubai (o ranking do European Tour) e para a Corrida para Omã (o ranking do Challenge Tour), atribuindo ainda pontos para o Ranking Mundial e para o ranking europeu da Ryder Cup.

Este será o único torneio do Challenge Tour em 2017 com a categoria de “Major”, em que o campeão é imediatamente promovido, ao oferecer uma isenção de um ano no circuito principal.

Para além da relevância desportiva deste grande evento há a ressalvar o impacto que a realização do Open de Portugal no Morgado Golf Resort terá ao nível do turismo nacional e regional.

Mário Azevedo Ferreira, CEO da NAU Hotels & Resorts, ressalva que “ o facto do Open de Portugal regressar em 2017, desta feita ao Morgado Golf Resort, irá contribuir de forma decisiva para a imagem de Portugal e do Algarve como destinos privilegiados para a prática do golfe, colocando o Morgado Golf Resort e Portimão no mapa dos grandes eventos internacionais da modalidade ”, e reforça que “ a este nível é também para a NAU Hotels & Resorts uma enorme satisfação e orgulho ter o privilégio de organizar este evento com a FPG e a PGA Portugal. É o reconhecimento do trabalho que temos vindo a desenvolver nos últimos anos para posicionar os campos de golfe e hotéis da NAU Hotels & Resorts no panorama nacional e internacional do golfe amador e profissional, com uma oferta de excelência de instalações e serviços. A NAU Hotels & Resorts oferece 8 unidades hoteleiras e 3 campos de golfe no Algarve, bem conhecidos de todos.

O European Tour nasceu em 1972, o Open de Portugal já existia e foi logo um dos eventos fundadores da primeira divisão europeia.

Os campos de golfe da NAU Hotels & Resorts

O grupo NAU Hotels & Resorts possui três campos de golfe no Algarve, integrados em resorts e apoiados por unidades hoteleiras de quatro e cinco estrelas que oferecem condições únicas de alojamento e atividades de lazer, incluindo um serviço personalizado, para os praticantes da modalidade e acompanhantes.

Situado num vale no interior do Algarve, entre Portimão e Monchique, o Morgado Golfe Resort integra dois campos de golfe: Morgado e Álamos. O campo de Golfe do Morgado é um desafio tanto para quem dá os primeiros passos na modalidade, como para o jogador com um handicap mais baixo que procura colocar à prova a sua técnica. Com fairways planos e bunkers de inspiração escocesa, este percurso está inserido numa zona de parkland e conta ainda com excelentes condições de prática e uma Academia de Golfe para que possa aprimorar as suas habilidades golfísticas.

No mesmo Resort o campo de Golfe dos Álamos constitui um impressionante teste de golfe. Apesar do comprimento do seu percurso ser relativamente curto, um golfista mais experiente conseguirá ver as suas expetativas superadas. Uma agradável surpresa a que se junta a paisagem menos conhecida da região algarvia. Este percurso tem vista para a Serra de Monchique e está rodeado de lagos e campos agrícolas.

O Campo de Golfe dos Salgados, o único campo na zona de Albufeira de 18 buracos, afirma-se como um verdadeiro desafio à técnica e precisão numa partida característica dos campos “links”. Os tees amarelos proporcionam um jogo ímpar a todos os jogadores. Os tees brancos, mais desafiantes, são aconselhados a jogadores com um handicap de um só dígito ou a profissionais.

www.nauhotels.com

Tags:

Sobre nós

Grupo Hoteleiro presente no Algarve, no Alentejo, no Douro e em Lisboa.

Subscrever

Media

Media