2ª edição da Pós-Graduação em Nutrição Pediátrica reúne 97 médicos portugueses

  • Dos mais de 5.000 pediatras inscritos a nível mundial na segunda edição da Pós-Graduação em Nutrição Pediátrica, 97 são portugueses.
  • O aumento de inscrições da primeira para a segunda edição reflete a importância do tema da nutrição para os pediatras, como forma de promover as melhores práticas de nutrição adequada nos primeiros 1.000 dias de vida do bebé.

Lisboa, 11 de abril de 2017 – A Nutrição adequada nos primeiros 1.000 dias de vida traduz a importância deste período de vida do bebé, com um impacto fundamental na sua capacidade de crescimento e aprendizagem. Deste modo, a Boston University School of Medicine (BUSM), instituição de referência no panorama internacional na área da medicina conta, uma vez mais, com o apoio do Nestlé Nutrition Institute para promover a 2ª edição da Pós-Graduação em Nutrição Pediátrica.

Depois do sucesso verificado na primeira edição, que reuniu cerca de 4.500 profissionais de saúde num total de 63 países e que formou 83 médicos portugueses, a segunda edição da Pós-Graduação em Nutrição Pediátrica conta com 5.000 formandos, dos quais 97 portugueses. O programa modular desta Pós-Graduação visa desenvolver competências nos profissionais de saúde que permitam um melhor enquadramento dos conhecimentos científicos necessários e fundamentais no exercício profissional, numa sociedade que valoriza cada vez mais a saúde das crianças e onde existe uma preocupação crescente com a sua alimentação.

Através de módulos de aprendizagem online , disponíveis em texto, vídeo e áudio, os alunos tomam contacto com orientações e recomendações baseadas em evidências científicas, usufruindo ainda do know-how e experiência dos formadores. À semelhança da anterior edição, a última etapa do curso será apresentada num conjunto de encontros ao vivo em vários pontos do globo.

“A nutrição adequada nos primeiros 1.000 dias de vida pode causar grande impacto na saúde dos bebés, a longo prazo. O nosso compromisso para apoiar a educação nutricional tem sido reforçado com o desenvolvimento deste programa, que para nós é fundamental. É mais um passo em frente na concretização da nossa visão de ajudar a criar gerações futuras mais saudáveis. Esta Pós-Graduação oferece uma oportunidade fantástica para os profissionais de saúde atualizarem os seus conhecimentos e práticas em nutrição pediátrica”, comenta Helena Canário representante do Nestlé Nutrition Institute em Portugal.

Esta edição terá o seu término em outubro e vai formar 97 médicos portugueses, com o objetivo de ajudar os profissionais de saúde a acompanharem os novos avanços científicos, que sucedem a um ritmo muito célere, e a obterem guidelines relevantes na área, ao mesmo tempo que criam em conjunto medidas de combate à problemática da nutrição infantil, para assegurar um ótimo crescimento e desenvolvimento.

Para Rudi Carvalho, formando da 1ª edição desta Pós-Graduação “foi muito importante esta formação, uma vez que me permitiu integrar a nutrição de uma forma mais transversal na pediatria. Está provado que a alimentação tem impacto na nossa saúde e bem-estar. Nos primeiros mil dias de vida, nos quais o nosso organismo está em formação, este impacto é ainda mais determinante. A nutrição pode ajudar a promover a saúde das populações e revela-se essencial no campo da prevenção. Os profissionais de saúde têm um papel fundamental na modificação de hábitos alimentares e de estilos de vida, sendo que a intervenção cada vez mais precoce permitirá que as crianças de hoje sejam adultos e pais mais conscientes amanhã. Recomendo esta formação a todos os colegas.

Os cerca de 5.000 profissionais de saúde inscritos na nova edição da Pós-graduação em Nutrição Pediátrica são provenientes de 72 países. Grande parte do número das candidaturas foi submetida por profissionais de África, Ásia e Médio Oriente onde o desafio nutricional é maior e o acesso à educação sobre nutrição mais limitado. O curso é desenvolvido pela Boston University School of Medicine e pela MedInscribe , responsável pela vertente logística.

Recorde-se que na edição anterior esta formação contou com a adesão 4.500 profissionais de saúde, provenientes de 63 países, sendo 83 médicos portugueses.

Sobre a Boston University School of Medicine

A Boston University School of Medicine, na sua procura de satisfazer reconhecidas necessidades e orientações neste setor pediátrico, orgulha-se de participar uma vez mais nesta iniciativa educacional de âmbito global, mantendo a aposta nas Ciências da Nutrição e Alimentação enquanto motores de promoção de saúde e bem-estar.

A Dra. Carine Lenders, Diretora da Divisão de Nutrição Pediátrica do Boston Medical Center e Professora Associada de Pediatria na BUSM, é uma vez mais a coordenadora desta Pós-Graduação. Em conjunto com a sua equipa multidisciplinar, Lenders garante uma visão de todos os conteúdos de modo a que informação mais atualizada e as melhores práticas estejam incluídas, dadas as constantes alterações no campo da nutrição e os requisitos únicos de um paciente de pediatria.

Tags:

Sobre nós

Companhia Mundial de Alimentação, Nutrição, Saúde e Bem-Estar.

Subscrever