NISSAN AUMENTA AS INFRAESTRUTURAS DE CARREGAMENTO COMO PARCEIRA OFICIAL DO PROJETO EUROPEU FAST-E

• O projeto planeia instalar 241 estações de carregamento na Alemanha e 37 na Bélgica até ao final de 2016

• O Fast-E é o mais recente de diversos projetos nos quais a Nissan investiu para ajudar a apoiar o desenvolvimento da infraestrutura de carregamento de Veículos Elétricos em toda a Europa

• Este anúncio representa mais um marco na luta da Nissan para criar um futuro sustentável, como parte da sua Visão de "Mobilidade Inteligente"


A Nissan anunciou o arranque do Fast-E, um projeto apoiado pela União Europeia (EU) e concebido para melhorar a infraestrutura de carregamento de veículos elétricos (VE) na Europa. 

A Nissan cofinanciou este projeto com a UE e oito outras empresas, num investimento total de cerca de 18 milhões de euros. O objetivo do Fast-E é instalar um total de 278 pontos de carregamento, a 80 km uns dos outros, ao longo das principais rodovias da Alemanha e Bélgica até ao final de 2016, dos quais 241 localizados na Alemanha e 37 na Bélgica. 

Um projeto semelhante na República Checa e na Eslováquia vai acrescentar outros 30 pontos de carregamento ao número total na Europa. Os carregadores rápidos possuem ligações CA e CC que podem "reabastecer" um VE, como os 100% elétricos Nissan LEAF ou e-NV200, até 80 porcento em 30 minutos.

Os carregadores rápidos vão permitir aos proprietários de VE nos quatro países aumentar a autonomia das suas viagens, fornecendo uma maior flexibilidade e paz de espírito. 

O Fast-E é o mais recente de diversos projetos nos quais a Nissan está envolvida para ajudar a apoiar e encorajar a instalação e o desenvolvimento da infraestrutura de carregamento de VE pela Europa. Apenas recentemente, a Nissan anunciou a sua parceria com a A2A para instalar 13 carregadores rápidos públicos em Milão antes da final da Liga dos Campeões da UEFA. 

Gareth Dunsmore, Diretor de Veículos Elétricos da Nissan na Europa, afirma: "O nosso investimento neste projeto é outra demonstração do compromisso da Nissan para com a criação de soluções inteligentes de mobilidade. Para além de trabalhar em vários veículos elétricos e inovadoras tecnologias de zero emissões, também investimos fortemente na infraestrutura, já que a vemos como um importante fator em garantir a acessibilidade e praticalidade dos veículos elétricos. É fantástico ter o apoio da UE neste projeto, para aumentar drasticamente o número de instalações de carregamento de VE pelas principais rodovias da Alemanha e Bélgica". 

A Nissan é a fabricante do Nissan LEAF – o VE mais vendido do mundo - e da Nissan e-NV200, um veículo comercial ligeiro 100% elétrico. Desde a introdução do Nissan LEAF em 2010, que a empresa vendeu mais de 224.000 em todo o mundo. Para obter mais informações acerca dos produtos, serviços e empenho da marca Nissan para uma mobilidade sustentável e tecnologia inovadora, visite www.nissan.pt/experience-nissan.html

###

Sobre a Nissan na Europa

 A Nissan tem uma das presenças mais abrangentes na Europa entre todos os fabricantes de raiz não europeia, empregando mais de 17.000 pessoas distribuídas pelas operações de conceção, pesquisa e desenvolvimento, produção, logística, vendas e marketing. Em 2015 as instalações fabris da Nissan no Reino Unido, Espanha e Rússia produziram mais de 635.000 veículos, desde automóveis compactos, a crossovers premiados, SUV’s, veículos comerciais e veículos elétricos; incluindo o Nissan LEAF, o veículo elétrico mais popular do mundo. Com o objetivo de alcançar zero emissões e zero mortes na estrada, a Nissan anunciou recentemente a sua visão de Mobilidade Inteligente. Concebida para orientar o desenvolvimento de produtos e tecnologias da Nissan, esta abordagem de 360 graus ao futuro da mobilidade guiará as decisões da companhia sobre como os automóveis se moverão, como serão conduzidos e como se integrarão na sociedade. A Nissan está posicionada para se tornar a marca asiática mais desejável na Europa.

Tags:

Subscrever

Media

Media