Crime + Investigation™ estreia em exclusivo série: O QUE A VERDADE ESCONDE: CASO ASUNTA e especial JUIZ POR UM DIA

A partir de 3 de novembro, pelas 23h

  •          A 22 de setembro de 2013 Asunta Basterra Porto, de origem chinesa e nome original Yong Fang, com 12 anos de idade, foi encontrada morta numa floresta perto de Santiago de Compostela. Depois de serem reunidas várias provas, os pais adotivos da menina foram os acusados de homicídio à filha. 
  • Quatro anos após a sua morte, canal Crime + Investigation™ recorda o caso, um dos mais mediáticos da história espanhola, através da minissérie documental de três episódios, com a participação de pessoas que viveram os acontecimentos em primeira mão: investigadores, juízes, advogados, testemunhas, familiares, amigos e os próprios pais da vítima. 
  • Como exercício prático, no especial “Juiz por um Dia”, sete estudantes e duas professoras da Faculdade de Direito da Universidade Complutense, de Madrid, demonstram como se chega ao veredito final, depois de estudarem o caso. Estarão preparados para julgar este crime mediático?

22 de setembro de 2013. 1h40 da manhã. Asunta Yong Fang, de 12 anos de idade, foi encontrada morta num pinhal, localizado no município de Teo, arredores da Santiago de Compostela (Espanha). Os principais suspeitos e mais tarde acusados pelo seu homicídio foram os seus pais adotivos, Alfonso Basterra Camporro e Rosario Porto Ortega. Nove pessoas formaram o júri que os declarou culpados. Nunca se conseguiu determinar o motivo que os levou a cometer o assassinato, mas o crime levou-os a uma pena de 18 anos de prisão.

Após quatro anos da morte de Asunta, o canal Crime + Investigation™ recorda o caso, um dos mais mediáticos da história espanhola, com a estreia da minissérie documental “O Que a Verdade Esconde: Caso Asunta” , a partir do dia 3 de novembro, pelas 23h.

Com um vincado estilo cinematográfico, na minissérie de três episódios, reconstrói-se o que se passou antes e depois, apresentando novas perspetivas na investigação e uma análise a determinados mitos sobre o caso, através do testemunho de pessoas que viveram o acontecimento em primeira mão: investigadores, juízes, advogados, testemunhas, familiares, amigos e os próprios pais da vítima.

Alfonso e Rosario comunicaram o desaparecimento da filha na noite de 21 de setembro de 2013 e, na madrugada seguinte, duas pessoas descobriram o seu cadáver numa floresta perto de Santiago de Compostela, alertando os serviços de emergência, que identificaram o corpo. Passados dois dias, a mãe da menina foi presa e investigada pela acusação ao homicídio da filha e, um dia depois, também o pai foi culpado pelo mesmo crime.

Todas as provas apontavam para que os acusados fossem Alfonso e Rosario: as cordas encontradas na propriedade da mãe eram semelhantes às usadas para estrangular Asunta; no sangue da vítima estavam presentes medicamentos ansiolíticos em quantidades tóxicas; o portátil e telefone do pai desapareceram no início da investigação.

“O Que a Verdade Esconde: Caso Asunta” foi produzida pela Atresmedia Televisión em colaboração com Bambú Producciones, e mostrará também aos telespetadores o papel dos meios de comunicação na cobertura do caso e as incoerências judiciais que ocorreram desde que se encontrou o corpo da menina.

Os espectadores poderão ainda assistir ao especial “O Que a Verdade Esconde: Juíz por um Dia”, no dia 24 de novembro, pelas 23h, que analisa questões em torno da (in)justiça levada a cabo neste caso. Quatro dias e meio foi o tempo que demoraram os jurados a emitir o seu veredito sobre o assassinato de Asunta. Cinco homens e quatro mulheres declararam culpados, por unanimidade, os pais da menina. Na forma de exercício prático, sete estudantes e duas professoras da Faculdade de Direito da Universidade Complutense, em Madrid, demonstram como se chega à solução do caso, depois de o estudarem e de assistirem às sessões do julgamento.

Pode o júri ser independente? A sua opinião é formada com base nas provas? Está livre da contaminação mediática? Que dinâmicas de grupo são produzidas entre 9 pessoas isoladas? Está toda a gente preparada para julgar crimes de sangue? Estas são algumas questões que se procurará responder neste especial.

Acompanhe toda a história de “O Que a Verdade Esconde: Caso Asunta”, nos dias 3, 10 e 17 de novembro, pelas 23h , e o especial “O Que a Verdade Esconde: Juiz por um Dia”, dia 24 de novembro, à mesma hora.

 

Sobre o Crime + Investigation 

Crime + Investigation é o único canal de TV dedicado à investigação de crimes reais.

Produzido pelo The History Channel Iberia, uma joint-venture entre a AMC Networks International – Iberia e A+E Networks, o Crime + Investigation convida os espectadores a mergulhar na apaixonante busca pela verdade através da investigação criminal. Na sua ampla programação, o canal conta impactantes histórias que transportam o espectador até ao mais profundo mundo do crime e leva-o para além do ‘quê’ e ‘como’ para entender o ‘porquê’ e aumentar o seu conhecimento sobre a natureza humana e sua tenacidade na procura da verdade.

O Crime + Investigation é uma marca de referência no género da investigação criminal. O CI está presente em mais de 85 países, tendo sido traduzido em 13 línguas e chega a mais de 61 milhões de famílias. Em Portugal, é distribuído na NOS.

Para descarregar as imagens com resolução, aceda ao seguinte link:

http://informedia.com.pt/

user: CI
pass: atrevia

Tags:

Sobre nós

Grupo empresarial que oferece soluções fixas e móveis de última geração, de televisão, internet, voz e dados para todos os segmentos de mercado.

Subscrever

Media

Media