NOS e CIP promovem economia digital

A NOS e a CIP - Confederação Empresarial de Portugal formalizaram hoje uma parceria de colaboração com o objetivo de promover a economia digital em Portugal e a utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC).

O protocolo assinado por Miguel Almeida, CEO da NOS, e António Saraiva, Presidente da CIP, tem como objetivo a promoção de um conjunto de atividades de cooperação, no sentido de contribuir ativamente para a adoção das TIC como ferramenta de inovação e competitividade.

A promoção de conhecimento sobre o futuro da Economia Digital, o desenvolvimento de atividades que promovam a melhoria da competitividade e a redução de custos das empresas ou a identificação de oportunidades de crescimento económico através da utilização das novas tecnologias de informação, são outros dos objetivos evidenciados nesta parceria.

A parceria prevê ainda o desenvolvimento de projetos conjuntos que permitam às empresas associadas da CIP capacitar-se com tecnologias mais avançadas de informação e comunicação, visando a sua modernização e maior eficiência.

Para o Presidente da CIP, António Saraiva, “o papel das TIC é fundamental para o desenvolvimento das empresas, para que reforcem a sua capacidade e se tornem mais eficientes e competitivas e esta parceria vai criar oportunidades de modernização que os associados da CIP vão poder aproveitar”, sublinhou.

Miguel Almeida, CEO da NOS, mostrou-se muito satisfeito com a concretização desta parceria que considera ser “muito relevante para a NOS. Enquanto empresa líder no mercado das telecomunicações, e em linha com o posicionamento que temos assumido nomeadamente na área da Inovação, temos agora a possibilidade de desenvolver uma colaboração ainda mais próxima e mais focada junto do tecido empresarial nacional.”

“Acreditamos que desta forma será possível consolidar o nosso contributo económico, dar mais às nossas empresas e, acima de tudo, estimular a sua participação no contexto europeu, em particular no que diz respeito à Economia Digital, que é um cenário incontornável no mercado global, e que se irá concretizar num futuro cada vez mais próximo” acrescentou.
 
A aposta no desenvolvimento desta área assume-se como uma decisão estratégica para a NOS, destacando não só a relevância de promover as TIC no universo empresarial nacional, mas também o contributo que advém do reforço da presença das empresas portuguesas nos programas europeus da Economia Digital e do Mercado Único Digital.
  
Sobre a NOS
A NOS é o maior grupo de comunicações e entretenimento em Portugal. Oferece soluções fixas e móveis de última geração, televisão, internet, voz e dados para todos os segmentos de mercado. É líder na TV por subscrição, em serviços de banda larga de nova geração e na distribuição e exibição cinematográfica em Portugal.
No mercado empresarial posiciona-se como uma alternativa sustentada nos segmentos Corporate e Mass Business, oferecendo um portefólio alargado de produtos e serviços, com soluções à medida de cada setor e de negócios de diferentes dimensões, complementando a sua oferta com serviços ICT e Cloud.
A NOS está no principal índice bolsista nacional (PSI-20), com uma capitalização superior a 3,8 mil milhões de euros e conta com mais de 4 milhões de clientes móveis, 1,5 milhões de clientes de televisão, 1,5 milhões de clientes de telefone fixo e 1,1 milhões clientes de internet de banda larga fixa.

Sobre a CIP
A CIP – Confederação Empresarial de Portugal representa, através da sua rede associativa, 114.566 empresas, que empregam 1.541.539 trabalhadores e têm um volume de negócios de € 105.208 milhões.
Fundada em 1974, tem como visão ser a confederação empresarial mais representativa a nível nacional, uma estrutura associativa patronal forte, homogénea e abrangente que possa defender mais eficazmente os interesses das empresas portuguesas e representa, de uma forma transversal e equilibrada, entidades associativas sectoriais e regionais, bem como todas as Câmaras de Comércio e Indústria de Portugal.
Faz parte, a nível nacional, do Conselho Económico e Social e da Comissão Permanente de Concertação Social, entre muitos outros órgãos consultivos e comissões especializadas, e, a nível internacional, da BUSINESSEUROPE, OIE e OIT.
Tem a sua sede em Lisboa e delegações no Porto e em Bruxelas.

Tags:

Sobre nós

Grupo empresarial que oferece soluções fixas e móveis de última geração, de televisão, internet, voz e dados para todos os segmentos de mercado.

Subscrever

Media

Media