PAN contacta OLX sobre a polémica troca de animais na Plataforma

Lisboa, 24 de Fevereiro de 2016 - No seguimento das va´rias e recentes noti´cias sobre a troca e venda de animais na plataforma OLX, o PAN enviou uma carta dirigida ao CEO da plataforma, Miguel Monteiro, mostrando a disponibilidade para colaborar na garantia de que estes animais deixara~o de ser tratados como objectos, contribuindo tambe´m para que cada vez mais empresas desta a´rea sejam vistas como exemplo do acompanhamento da evoluc¸a~o civilizacional e e´tica que o pai´s esta´ a pedir no que respeita a` protecc¸a~o dos direitos dos animais.
 
Para o partido, a preocupac¸a~o com aspectos sociais e ambientais ja´ faz, ha´ algum tempo, parte do mundo dos nego´cios. A monitorizac¸a~o dos impactos que uma actividade comercial tem na sociedade e´ fundamental para assegurar a continuidade da sua “licenc¸a para operar” que, em u´ltima ana´lise, e´ sempre validada pelos cidada~os que utilizam determinado servic¸o.
 
“Uma das medidas a tomar poderia passar pela adverte^ncia expli´cita de proibic¸a~o de trocas de animais no momento em que se cria um novo anu´ncio, complementando com a monitorizac¸a~o mais activa das transac¸o~es realizadas”, sugeriu o Deputado e Porta-Voz do PAN, André Silva.
 
O PAN reforça assim a sua vontade de contribuir para um dia´logo aberto e construtivo sobre este tema, que possa gerar formas alternativas e eficazes de avanc¸ar para uma sensibilizac¸a~o e consciencializac¸a~o mais realista em relac¸a~o a` protecc¸a~o e bem-estar animal. A alteração do Estatuto Jurídico do Animal é uma das medidas mais urgentes e também uma das bandeiras do partido, que pretende assim assegurar que os animais deixam de ser vistos como objetos e de ser tratados como mercadorias perante a lei.

Tags:

Sobre nós

Partido pelos Animais e pela Natureza.

Subscrever