Exposição e Concurso "Camélias em Sintra" aumenta de dimensão na 4ª edição

Expositores nacionais e espanhóis
Entrada gratuita (Terreiro do Palácio de Sintra)
Workshop de desenho técnico de Camélias
Visita guiada ao Jardim das Camélias no Parque da Pena
Venda de Camélias ao público
Imagens: http://62.28.132.233/1392653191.zip (referência a créditos obrigatória)

A 1 e 2 de março regressa ao Palácio Nacional de Sintra a Exposição e Concurso “Camélias em Sintra”, promovida pela Parques de Sintra, e agora na sua quarta edição. O evento, organizado em parceria com a Associação Portuguesa de Camélias, vê agora a sua dimensão alargada. Conta não só com camélias das Quintas Históricas de Sintra, camélias dos parques sob gestão da Parques de Sintra e de sócios da Associação Portuguesa de Camélias, mas tendo também este ano atraído a participação de expositores espanhóis, membros da Sociedad Española de la Camelia.

As Cameleiras em flor, que todos os anos abrilhantam os jardins e quintas de Sintra, tornaram-se o ex-libris do inverno sintrense, sendo motivo de bailes e festas.

Assim, no Terreiro em frente ao Palácio de Sintra, e com entrada gratuita, será possível observar os melhores exemplares de Camélias de cada um dos participantes, bem como as cultivares vencedoras, identificadas por um júri especialista na matéria. Adicionalmente, os visitantes podem também inscrever-se nas atividades paralelas: workshop de desenho técnico de camélias, orientado pelo Professor João Catarino; e visita guiada ao Jardim das Camélias do Parque da Pena, com os técnicos da Parques de Sintra.

Em simultâneo com a exposição decorre o concurso para distinguir a “Melhor Camélia” e a “Melhor Cultivar Histórica”. Os vencedores são anunciados na abertura da exposição, 1 de março (sábado), às 14h00.

Junto à exposição, tem também lugar a venda de camélias ao público.

Ainda a 1 de março (sábado), às 15h, decorre o Workshop de Desenho técnico de Camélias, no qual o Professor João Catarino orienta os participantes no aprofundar da relação entre o observador e os objetos observados (que, neste caso, se tratam das flores expostas), aplicando técnicas de desenho específicas para retratar o que se observa.

No dia 2 (domingo) às 15h00, no Parque da Pena, tem lugar uma visita guiada ao Jardim das Camélias, que os participantes irão percorrer sob orientação da Arquiteta Paisagista Elsa Isidro e o Engenheiro Florestal Nuno Oliveira, ambos da equipa da Parques de Sintra que trabalha diariamente na recuperação e manutenção do património natural. O Jardim das Camélias está a ser alvo de um projeto de restauro que inclui um conjunto alargado de intervenções com vista à recuperação de estruturas construídas e vegetação em avançado estado de degradação, de modo a solucionar situações de risco de perda patrimonial. Com esta visita, será possível conhecer uma das mais importantes coleções camélias de Portuguesas, com cerca de 200 cultivares, introduzidas no Parque pelo rei D. Fernando II no séc. XIX.

Desde 2009, a Parques de Sintra tem vindo a desenvolver o estudo, classificação e recuperação da extensa coleção de camélias do Parque da Pena, que inclui mais de 2.250 exemplares, concentrados principalmente em quatro locais: Jardim das Camélias, Jardim Rainha D. Amélia, Jardim da Condessa d’Edla e Alto do Chá. Este inventário incluiu o mapeamento em sistemas de informação geográfica, a identificação botânica das espécies e, por fim, a identificação das variedades representadas na coleção. Atualmente estão identificadas 285 variedades pertencentes a 5 espécies diferentes: Camellia japonica, Camellia reticulata, Camellia sasanqua, Camellia sinensis e Camellia rusticana.

A IV Exposição e Concurso “Camélias em Sintra” tem entrada gratuita e está aberta ao público no sábado (dia 1) das 14h00 às 19h00 e no domingo (dia 2) das 9h30 às 19h, no Terreiro do Palácio Nacional de Sintra.

PROGRAMA:
Camélias em Sintra – IV Concurso e Exposição (Palácio Nacional de Sintra)

Exposição (entrada livre):
1 de março, 14h00 – 19h00
2 de março, 9h30 – 19h00

Anúncio dos vencedores: 1 de março, 14h

Workshop de Desenho de Campo (das camélias em exposição):
1 de março, 15h00 – 19h00
Palácio de Sintra
Orientador: Professor João Catarino
Tarifário: 35€ (não inclui materiais)
Mínimo de participantes: 5
Inscrição prévia (até 27 de fevereiro): comercial@parquesdesintra.pt; 351 21 923 73 00

Visita Guiada ao Jardim das Camélias do Parque da Pena
2 de março, 15h00 – 17h00
Ponto de Encontro: Portão dos Lagos do Parque da Pena
Guias: Arquiteta Paisagista Elsa Isidro e Engenheiro Florestal Nuno Oliveira
Tarifário: Bilhete para o Parque da Pena (7,5€ adulto) Suplemento Visita Guiada (5€)
Mínimo de participantes: 4
Inscrição prévia (até 27 de fevereiro): comercial@parquesdesintra.pt; 351 21 923 73 00

INFORMAÇÕES: comercial@parquesdesintra.pt / 351 21 923 73 00
-----
Sobre a Parques de Sintra - Monte da Lua

A Parques de Sintra - Monte da Lua, S.A. (PSML) é uma empresa de capitais exclusivamente públicos, criada em 2000, no seguimento da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade. A sua criação teve como objetivo reunir as instituições com responsabilidade na salvaguarda e valorização da Paisagem Cultural de Sintra, e o Estado Português entregou-lhe a gestão das suas principais propriedades na zona. Não recorre ao Orçamento do Estado, pelo que a recuperação e manutenção do património que gere são asseguradas pelas receitas de bilheteiras, lojas, cafetarias e aluguer de espaços para eventos.

Em 2013, os valores naturais e culturais que a PSML gere (Parque e Palácio da Pena, Palácios Nacionais de Sintra e de Queluz, Chalet da Condessa d’Edla, Castelo dos Mouros, Palácio e Jardins de Monserrate, Convento dos Capuchos, e Escola Portuguesa de Arte Equestre) receberam aproximadamente 1.700.000 visitas, mais de 90% das quais por parte de estrangeiros.

São acionistas da PSML o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, a Direção Geral do Tesouro e Finanças (que representa o Estado), o Turismo de Portugal e a Câmara Municipal de Sintra.
www.parquesdesintra.pt ou www.facebook.com/parquesdesintra

Tags:

Sobre nós

Empresa de capitais exclusivamente públicos criada em 2000 (decreto-lei nº 215/2000, de 2 de Setembro), na sequência da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade e dos compromissos assumidos com a sua recuperação, conservação e divulgação.

Subscrever

Media

Media