"Palácio Nacional de Sintra transforma-se numa "Incrível Fábrica de Natal"

- OCUBO e Parques de Sintra trazem espetáculo de video mapping à fachada do Palácio

- O Pai Natal, os duendes e os brinquedos tradicionais são os protagonistas desta viagem encantada

- Além deste espetáculo, a vila de Sintra acolhe também o “Reino de Natal”

- Evento com entrada livre

Sintra, 5 de dezembro de 2016 – O Palácio Nacional de Sintra irá receber, de 16 a 23 de dezembro, “A Incrível Fábrica de Natal”, um espetáculo de video mapping promovido pela Parques de Sintra e pela Câmara Municipal de Sintra, com autoria e produção do ateliê OCUBO. Durante estes dias, o mais antigo Paço real do país transforma-se numa enorme fábrica do Natal, na qual o Pai Natal coordena a sua imensa equipa de duendes, responsável por satisfazer os sonhos das crianças.

Como é esta fábrica? Como são construídos todos os brinquedos? Como se organizam os duendes? Nesta viagem encantada até à fria Lapónia, projetada na totalidade da fachada do Palácio Nacional de Sintra, conhecemos as respostas a estas perguntas, enquanto assistimos à frenética agitação da equipa do Pai Natal que nos mostra, passo a passo, como fabrica com dedicação os presentes de Natal, para tornar perfeita a noite mais esperada do ano.

Nesta “Incrível Fábrica de Natal”, em que as personagens virtuais interagem com a fachada do Palácio, os brinquedos tradicionais estão em destaque. Comboios de madeira, bailarinas, robôs ou bonecos de pano despertam o imaginário de miúdos e graúdos, num espetáculo revestido de múltiplas e garridas cores, ao ritmo de músicas natalícias e coreografias a preceito da quadra.

Das 18h às 22h, de hora a hora, e com duração de 15 minutos cada projeção de video mapping, os OCUBO – os mesmos autores e produtores dos espetáculos “Circo de Luz” e “O Fabuloso Desejo de Natal”, que passaram pelo Terreiro do Paço noutras quadras natalícias – prometem espalhar, juntos das crianças, a magia do Natal. Magia essa vivida também em toda a vila de Sintra, com o “Reino de Natal” que invade o centro histórico e o Parque da Liberdade até 23 de dezembro. Durante estes dias, o Terreiro da Rainha Dona Amélia do Palácio Nacional de Sintra recebe também o “Mercado de Natal”, das 10h às 18h, com a comercialização de artigos alusivos à quadra.

 

Sobre a Parques de Sintra - Monte da Lua

A Parques de Sintra - Monte da Lua, S.A. (PSML) é uma empresa de capitais exclusivamente públicos, criada em 2000, no seguimento da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade. Não recorre ao Orçamento do Estado, pelo que a recuperação e manutenção do património que gere são asseguradas pelas receitas de bilheteiras, lojas, cafetarias e aluguer de espaços para eventos.

Em 2015, as áreas sob gestão da PSML (Parque e Palácio Nacional da Pena, Palácios Nacionais de Sintra e de Queluz, Chalet da Condessa d’Edla, Castelo dos Mouros, Palácio e Jardins de Monserrate, Convento dos Capuchos e Escola Portuguesa de Arte Equestre) receberam aproximadamente 2.234.000 visitas, cerca de 87% das quais por parte de estrangeiros. Recebeu, em 2013, 2014, 2015 e 2016, o World Travel Award para Melhor Empresa em Conservação.

São acionistas da PSML a Direção Geral do Tesouro e Finanças (que representa o Estado), o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, o Turismo de Portugal e a Câmara Municipal de Sintra.

www.parquesdesintra.pt ou www.facebook.com/parquesdesintra

Tags:

Sobre nós

Empresa de capitais exclusivamente públicos criada em 2000 (decreto-lei nº 215/2000, de 2 de Setembro), na sequência da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade e dos compromissos assumidos com a sua recuperação, conservação e divulgação.

Subscrever