Visitas noturnas ao Parque e Palácio da Pena com entrada livre

- Abertura das 20h às 00h
- Entrada mediante entrega de bem alimentar
- Visitas guiadas ao Parque da Pena
- Donativos a entregar à Santa Casa da Misericórdia de Sintra e União das Freguesias de Sintra
 
Sintra, 15 de junho de 2015 – O Parque e Palácio da Pena estarão abertos na noite de 4 de julho, com entrada livre, num evento único e que se associa à solidariedade pedindo aos visitantes que entreguem um bem alimentar. A iniciativa inclui a possibilidade de participar em visitas guiadas ao Parque que conduzem ao ponto mais alto da Serra: a Cruz Alta, e o restaurante e cafetarias estarão abertos para quem pretender aproveitar a noite de verão e petiscar com vista para a Serra de Sintra. O transporte gratuito de autocarro estará também assegurado, de e para a estação de comboios de Sintra.
 
A Parques de Sintra abre estes espaços à noite (das 20h00 às 00h00) respondendo a inúmeros pedidos regulares nesse sentido mas, também, aliando a ocasião à recolha de alimentos e fundos para instituições de solidariedade. A visita ao Palácio e seus terraços será livre (mediante entrega de um bem alimentar à Santa Casa da Misericórdia de Sintra, ou aquisição de um voucher Santa Casa), e a receita das visitas guiadas ao Parque (5€) será inteiramente entregue à União das Freguesias de Sintra.
 
De acordo com o Diretor do Palácio da Pena, Arq. António Nunes Pereira, “ esta é uma oportunidade rara para visitar a Pena à noite e desfrutar não só das incríveis vistas a partir do topo da Serra, como também da singular atmosfera da Serra e Palácio depois do anoitecer. Somos constantemente destinatários de pedidos para abrirmos este espaço à noite, dada a sua importância do ambiente noturno e misterioso na estética do romantismo do século XIX, mas não nos é possível fazê-lo com frequência, de forma que esperamos um forte aumento relativamente aos 3.000 visitantes que recebemos há dois anos numa ocasião semelhante ”.
 
As visitas guiadas percorrem o Parque a partir dos Lagos e até ao ponto icónico mais alto da Serra de Sintra, a Cruz Alta. No final, os participantes poderão regressar ao ponto de partida ou optar por visitar, ainda, o interior do Palácio, bem como tirar fotografias de uma vista privilegiada sobre a Serra e a sua envolvente, de Mafra a Lisboa.
 
Também os colaboradores da Parques de Sintra e guias que habitualmente trabalham com a empresa se associam à causa solidária e estarão a trabalhar voluntariamente durante todo o evento.
O transporte gratuito de e para a Pena, a partir da estação de comboios de Sintra, é disponibilizado graciosamente pela Scotturb (parceira do evento), de forma a garantir o fácil e rápido acesso ao local; e a segurança no local será também garantida sem custos pela Securitas, igualmente parceira do evento. 
 

  • : 20h00 – 00h00
  • : entrega de um bem alimentar (em alternativa, aquisição de voucher Santa Casa da Misericórdia de Sintra: 3€)
Visita ao Palácio : sem guia
Visita ao Parque :
- Apenas em visita guiada
- Preço: 5€ (entregues inteiramente à União de Freguesias de Sintra)
- Inscrição prévia obrigatória em www.parquesdesintra.pt .
- Duração: aproximadamente 1h30
- Máximo 15 pessoas por grupo
- Pontos-chave do percurso: Vale dos Lagos, Fonte dos Passarinhos, Feteira da Rainha, Lago da Concha / Gruta das Serpentes / Gruta do Monge, Cruz Alta, Templo das Colunas / Mesa da Rainha / Guerreiro, Nora, Jardim das Camélias
- Recomenda-se o uso de agasalho e calçado confortável, bem como de lanterna
 
- fim -
 
Sobre a Parques de Sintra - Monte da Lua
A Parques de Sintra - Monte da Lua, S.A. (PSML) é uma empresa de capitais exclusivamente públicos, criada em 2000, no seguimento da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade. Não recorre ao Orçamento do Estado, pelo que a recuperação e manutenção do património que gere são asseguradas pelas receitas de bilheteiras, lojas, cafetarias e aluguer de espaços para eventos.
Em 2014, as áreas sob gestão da PSML (Parque e Palácio Nacional da Pena, Palácios Nacionais de Sintra e de Queluz, Chalet da Condessa d’Edla, Castelo dos Mouros, Palácio e Jardins de Monserrate, Convento dos Capuchos e Escola Portuguesa de Arte Equestre) receberam aproximadamente 1.928.000 visitas, cerca de 86% das quais por parte de estrangeiros. Recebeu, em 2013 e 2014, o World Travel Award para Melhor Empresa em Conservação.
São acionistas da PSML a Direção Geral do Tesouro e Finanças (que representa o Estado), o Instituto da Conservação da Natureza e Florestas, o Turismo de Portugal e a Câmara Municipal de Sintra.
www.parquesdesintra.pt ou www.facebook.com/parquesdesintra
 

Tags:

Sobre nós

Empresa de capitais exclusivamente públicos criada em 2000 (decreto-lei nº 215/2000, de 2 de Setembro), na sequência da classificação pela UNESCO da Paisagem Cultural de Sintra como Património da Humanidade e dos compromissos assumidos com a sua recuperação, conservação e divulgação.

Subscrever