Clientes MEO doam cerca de 140 mil euros a 13 instituições sociais através de programas sociais

 

  • Em 2014, clientes MEO doaram cerca de 140 mil euros através dos programas sociais Pontos Telemóvel e Leilões de Solidariedade;
  • Desde o seu arranque, o programa de pontos já permitiu aos clientes PT doar aproximadamente 1.230 milhões de euros revertíveis a favor de instituições sociais;
  • Investimento da PT Portugal na área de responsabilidade social cresce em 2014, com enfoque em vertentes de atuação prioritárias, como a educação e o voluntariado.    
 
Assumindo a estratégia de responsabilidade social enquanto eixo fundamental da promoção do bem-estar e do desenvolvimento socioeconómico, o MEO entrega a 13 instituições sociais cerca de 140 mil euros , resultantes dos pontos trocados ou licitados em 2014 por clientes MEO, membros do programa Pontos Telemóvel e aderentes da iniciativa Leilões de Solidariedade. Desde 2005, o MEO já viabilizou através da troca de pontos a entrega de mais de 1.230 milhões de euros .       
 
AMI , APPT21 , Associação de Mulheres Contra a Violência, Associação Portuguesa Contra a Leucemia, Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil, Associação Salvador, Instituto de Apoio à Criança , Federação das Associações Portuguesas de Paralisia Cerebral, Liga Portuguesa Contra o Cancro , Make a Wish, Novo Futuro , Refúgio Aboim Ascensão e Unicef são as 13 instituições a favor das quais os clientes MEO puderam trocar pontos em 2014 e contribuir para aumentar a qualidade de vida de quem se encontra em situações de vulnerabilidade.         
O donativo de cerca de 140 mil euros agora entregue assinala a oportunidade dada pelo MEO aos seus clientes de, com pontos obtidos no âmbito da utilização de serviços nele agregados, abraçar causas com um profundo significado humano.


Troca ou licitação de pontos

O programa Pontos Telemóvel possibilita aos clientes MEO trocar pontos por um conjunto alargado de serviços, produtos e experiências e, ainda, por donativos a reverter a favor de causas de responsabilidade social. Só nesta vertente já foram desde o arranque do programa, em 2005, canalizados aproximadamente 1.230 milhões de euros para dezenas de entidades. 

O valor apurado em 2014, cerca de 140 mil euros, resulta ainda da iniciativa Leilões de Solidariedade , no âmbito da qual atletas apoiados pelo MEO disponibilizaram adereços e equipamentos desportivos para efeitos de um leilão dinamizado no site do MEO, em meo.pt/pontos . Aqui foi possível aos clientes do programa Pontos Telemóvel licitar os seus pontos e, dessa forma, convertê-los em donativos endereçados às instituições sociais.  
 
 
Estratégia de responsabilidade social da PT Portugal vai ainda mais longe…

As 13 instituições sociais incluídas em 2014 no programa Pontos Telemóvel têm vindo ainda a contar com a intervenção da PT Portugal, no quadro da sua estratégia de responsabilidade social levada a cabo através da Fundação PT, a níveis muito diversificados:
 
 
  • sessões de formação, quer a gestores das instituições, quer aos seus públicos-alvo;
  • ações de voluntariado, nas quais os colaboradores PT são incentivados a participar;
  • acesso a tecnologias e soluções de acessibilidade, num investimento contínuo na info-inclusão;
  • reabilitação de espaços, com vista à melhoria das condições logísticas das instituições;
  • apoios em comunicações;
  • cedência de espaços em edifícios PT para diversas ações das instituições. 
 
Esta estratégia tem vindo a materializar-se, também, na concretização de sonhos de crianças com necessidades especiais, linha de atuação que dá às equipas da Fundação PT envolvidas uma ainda maior satisfação. 
 
Tendo em 2014 aumentado o seu investimento na área de responsabilidade social com enfoque nas áreas de atuação prioritárias, a PT Portugal orgulha-se, deste modo, de poder contribuir para criar valor numa perspetiva transversal e agregadora dos seus clientes, colaboradores e parceiros, com o objetivo maior de investir numa sociedade cada vez mais igual.  
 
 

Tags:

Sobre nós

Operador global de telecomunicações.

Subscrever

Media

Media