Fundação PT lança Comunicar em Segurança pela primeira vez alargado à comunidade sénior

Fundação PT lança nova edição do Comunicar em Segurança, programa vocacionado para preparar crianças e, este ano, também seniores, para a correta e segura utilização das TIC; 
São parceiras da Fundação PT, na edição deste ano do Comunicar em Segurança, a PSP e a Rutis; 
Principais temas abordados junto da comunidade sénior visam abordar a utilização de passwords, a privacidade na internet, esquemas de fraude e segurança no telemóvel; 
Lançado em 2008, o projeto já alcançou 266 mil jovens e envolveu 600 voluntários.

Colocando ao serviço da educação o seu know-how tecnológico, a Fundação Portugal Telecom (Fundação PT) lança mais uma edição do Comunicar em Segurança, programa de voluntariado que visa preparar alunos e professores para a utilização correta e segura das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), este ano alargado pela primeira vez à comunidade sénior.

A integração do segmento sénior no Comunicar em Segurança é materializada através de uma parceria com a Rede de Universidades da Terceira Idade (RUTIS), entidade com a qual a Fundação PT atua em conjunto em projetos transversais de formação da população sénior e que, neste programa, permitirá atuar na abordagem sobre como utilizar passwords , a privacidade na internet, esquemas de fraude e segurança no telemóvel. De notar que a RUTIS abrange 250 Universidades Seniores, frequentadas por cerca de 40 mil alunos e 4550 professores voluntários.

Este ano simultaneamente vocacionado para alunos em idade escolar e seniores, o Comunicar em Segurança prevê assim a proteção de crianças e idosos face aos riscos e perigos da utilização da internet, nomeadamente ao nível da partilha de dados pessoais, situações fraudulentas (como phishing e spam ) e de cyberbullying , em benefício da sociedade em geral. Na atual edição do Comunicar em Segurança, a Fundação PT conta também com a parceria da Polícia de Segurança Pública (PSP), autoridade nacional na área da segurança que permitirá endereçar com propriedade o tema.

Comunicado de Imprensa
www.fundacao.telecom.pt
O Comunicar em Segurança, programa de voluntariado da Fundação PT - lançado em 2008 e que já alcançou 266 mil jovens e envolveu 600 voluntários - consiste em dotar alunos e professores do Ensino Básico e do Ensino Secundário, pais e encarregados de educação, de conhecimentos de TIC necessários à utilização correta e segura, designadamente, da internet e do telemóvel. Todas as sessões de formação do Comunicar em Segurança são conduzidas por colaboradores PT, no âmbito das iniciativas de voluntariado empresarial da Fundação PT, que visam não só promover a utilização segura dos serviços e produtos da PT, como partilhar conhecimentos com a comunidade e reforçar as políticas de responsabilidade empresarial.

Tendo em conta que, de acordo com dados reunidos pelo Observatório Europeu do Jornalismo em junho de 2015, há 90% de pessoas a navegar todos os dias na internet, canalizando para o afeito 253 minutos por dia, a Fundação PT investe estratégica e continuamente na formação e integração tecnológica da sociedade como um todo e em particular de comunidades mais vulneráveis.

Sobre a Fundação PT

A Fundação PT, instituição privada sem fins lucrativos e com estatuto de utilidade pública, tem por objeto exprimir e concretizar o compromisso de intervenção social e apoio ao desenvolvimento da PT Portugal, promovendo e apoiando projetos, iniciativas e atividades que contribuam para o desenvolvimento da sociedade de informação e o combate à infoexclusão, bem como para o desenvolvimento dos usos sociais das tecnologias de informação e comunicação e a promoção da inovação e do desenvolvimento.

Tags:

Sobre nós

Operador global de telecomunicações.

Subscrever