Prémio PT de Literatura anuncia os 60 nomeados

• Divulgados os 60 nomeados que concorrem ao Prémio em três categorias: Romance, Conto/Crônica e Poesia;


• Estão nomeados os portugueses António Cabrita, Valter Hugo Mãe, Alberto Xavier, Gastão Cruz e João Rasteiro e a santomense Olinda Beja;


• Também foram revelados os nomes dos seis jurados que selecionarão os 12 finalistas da etapa intermediária e os grandes vencedores que serão conhecidos em novembro.


Rio de Janeiro, 31 de maio de 2012 – Foram anunciados ontem à noite no Rio de Janeiro os 60 finalistas que concorrem ao Prémio Portugal Telecom de Literatura em Língua Portuguesa 2012, dos quais 54 são autores brasileiros, cinco portugueses e uma santomense. Pela primeira vez, o Prémio conta com três categorias: Poesia; Romance e Conto/Crônica. Esta edição teve na primeira etapa 502 livros inscritos: 165 obras na categoria Poesia, 139 em Conto/Crônica e 198 em Romance. Todas foram publicadas no Brasil, no ano de 2011.


A reformulação do Prémio e a separação por categorias privilegia e promove a diversidade dos géneros literários, valorizando as características singulares de cada género literário e amplia a visão comum a respeito da literatura lusófona.


Nem por isso, deixa de distinguir um grande vencedor, com a escolha, simultânea e entre os três vencedores de cada categoria, do Grande Prémio de 2012.

Nesta fase estão nomeados os autores portugueses António Cabrita, “A maldição de Ondina” e Valter Hugo Mãe, “A máquina de fazer espanhois” na categoria Romace; Alberto Xavier, “O escandinavo deslumbrado” na categoria Conto/Crónica; Gastão Cruz, “Escarpas” e João Rasteiro, “Triptico da súplica” na categoria Poesia. A santomense Olinda Beja está nomeada com “Histórias da gravana” na categoria Conto/Crónica.


A lista completa com os 60 nomeados poderá ser encontrada no site www.premioportugaltelecom.com.br


A edição de 2012 conta com uma curadoria formada pela curadora-coordenadora Selma Caetano, pelos especialistas José Castello (literatura brasileira) e Madalena Vaz Pinto (literatura portuguesa), além da perita em literatura africana Tania Celestino de Macedo. A curadoria responde pelos resultados de todas as etapas do Prémio e participa da composição de todos os júris.


Os 274 jurados que selecionaram os 60 nomeados também definiram o júri intermediário e final que escolherá os autores nas próximas etapas do Prémio onde serão anunciados 12 finalistas e em novembro, os vencedores. Este Júri será formado por: Alcides Villaça, Antonio Carlos Secchin, Benjamin Abdala Júnior, Leyla Perrone Moisés, Manuel da Costa Pinto e Maria Esther Maciel.


Sobre o Prémio


O valor atribuido aos vencedores de cada categoria é de 50 mil reais cada um, assim como para o Grande Prémio Portugal Telecom 2012.

Na 9ª edição do Prémio, realizada em 2011, “Passageiro do fim do dia”, de Rubens Figueiredo foi a obra vencedora, seguindo-se da obra do autor português Gonçalo M. Tavares, “Uma viagem à India” e de “Minha Guerra Alheia” de Marina Colasanti.


Informações para imprensa:

Margarida Morais | 215 000 157

margarida.a.morais@telecom.pt

Siga-nos no Facebook e no Twitter

Tags:

Sobre nós

Operador global de telecomunicações.

Subscrever