Grupo Renault vai adquirir 40% do grupo Challenges

Os grupos Renault e Challenges estão a combinar esforços no sentido de desenvolver serviços editoriais para os automóveis conectados, autónomos e para responder a inovadoras oportunidades de disponibilizar conteúdos.

Assim, o Grupo Renault vai adquirir 40% do capital do Grupo Challenges, que compreende cinco revistas: Challenges, Sciences & Avenir, La Recherche, L’Histoire and Historia.

Após a conclusão da operação, Claude Perdriel vai ser o acionista maioritário (60% das ações) e também o CEO do grupo, reforçando a capacidade do Grupo Challenges de produzir conteúdos de elevada qualidade editorial.

Hoje em dia, os passageiros de automóveis europeus passam, em média, duas horas por dia em automóveis. Claude Perdriel e o CEO da Renault Carlos Ghosn partilham a mesma convicção: com o desenvolvimento dos automóveis equipados com tecnologias de condução autónoma conectados, os utilizadores vão dispor de mais tempo para outras atividades, enquanto estiverem a bordo. Em conjunto, o Grupo Challenges e o Grupo Renault têm tudo o que é necessário para criar um “laboratório para testar inovações”, para desenvolver novos conteúdos editoriais e tecnologias relevantes.

Nas nossas deslocações diárias – sozinhos, com família ou amigos – nós ouvimos, olhamos e tomamos atenção ao mundo que nos rodeia. Já assim é nas viagens de automóvel nos dias de hoje, e será ainda mais com os automóveis de condução autónoma do futuro. Cada pessoa, no seu automóvel ou de terceiros, vai poder selecionar e aceder a informação e conteúdos totalmente dedicados ao conhecimento e informação.

O Grupo Renault vai adquirir as suas ações através de um aumento do capital social, que vai permitir o financiar o desenvolvimento de novas ferramentas, em particular, no domínio digital do Grupo Challenges.

 “Este projeto está completamente alinhado com a estratégia do Grupo Renault, que deseja disponibilizar novos serviços conectados de grande qualidade e melhorar a experiência dos nossos clientes”, afirma Carlos Ghosn, Presidente e CEO da Renault.

“Estamos encantados por dar as boas vindas ao Grupo Renault. Este processo corresponde à nossa estratégia: de desenvolver novas atividades, não somente na imprensa, mas também no digital e no sector dos eventos. Com o Grupo Renault, vamos ter a possibilidade de alargar a nossa oferta e oferecer serviços e conteúdos de alta qualidade a todos os nossos leitores”, declarou Claude Perdriel, CEO do Grupo Challenges.

 

Tags:

Sobre nós

Comércio automóvel.

Subscrever