Produção do Audi A1 começa na SEAT em Martorell

/         Audi A1 passa a ser o segundo automóvel premium fabricado em Espanha depois do Audi Q3
/         O novo Audi A1 potenciará as sinergias e as eficiências com os SEAT Ibiza e Arona
 
A produção do Audi A1 já arrancou em Martorell. O novo modelo compacto desportivo é fabricado exclusivamente na fábrica da SEAT e é distribuído para todos os mercados onde se comercializa, o que contribui positivamente para o aumento do volume de exportação da fábrica, que já é superior a 80%.
 
A Audi atribuiu o A1 a Martorell depois do sucesso de produção do Audi Q3. A produção do Audi Q3 iniciou-se em meados de 2011 e, desde então, e até o passado mês de julho, foram fabricadas quase 800.000 unidades em Martorell, valor que superou as expetativas iniciais. A geração anterior do Audi A1 era fabricada em Bruxelas, enquanto o novo Audi Q3 é agora construído na fábrica de Györ, na Hungría.
 
O vice-presidente da Produção e Logística da SEAT, Dr. Christian Vollmer, explicou que “ter o fabrico do Audi A1 atribuído a Martorell é um reconhecimento do excelente trabalho realizado pela equipa da SEAT de Martorell na produção do Audi Q3 durante os últimos anos. O Audi A1 será fabricado sob os mais elevados padrões de qualidade, o que confirma o compromisso do Grupo Audi com a fábrica de Martorell como um lugar de produção estratégico para a rede mundial do Grupo Volkswagen”.
 
Peter Kössler, membro do Conselho de Administração de Produção e Logística da Audi AG: “Nos últimos anos, a fábrica de Martorell, com os seus empregados altamente qualificados, produziu o nosso Audi Q3 e fez deste modelo um enorme sucesso. A fábrica ganhou muita experiência com o nosso sistema de produção Audi, orientado para a qualidade. Portanto, Martorell é para nós o lugar ideal para fabricar o nosso novo Audi A1, um dos nossos pilares estratégicos neste segmento”.
 
O novo Audi A1, o segundo modelo premium fabricado em Espanha depois do Audi Q3, será fabricado em dois turnos na renovada Linha 3 utilizando a plataforma MBQ A0. Foi com esta plataforma que o Ibiza se estreou em 2017. O Audi A1 contribui para manter o elevado volume de produção nas instalações de Martorell, a fábrica que mais automóveis produz em Espanha.
 
Além disso, o A1 potenciará as sinergias e as eficiências com os modelos com os quais partilha a plataforma em Martorell, o Ibiza e o Arona. Além de produzir o novo Audi A1, a SEAT também participou no seu desenvolvimento, o que permitiu a criação de emprego altamente qualificado.
 
Martorell, uma nova gama de modelos
Com a chegada do Audi A1, a fábrica de Martorell ganhou três novos modelos nos últimos 18 meses, começando com a quinta geração do Ibiza no início de 2017, ao qual se juntou uns meses mais tarde o novo crossover urbano SEAT Arona. Estes lançamentos permitem prever um elevado volume de produção para os próximos anos.
 
Apenas em 2018, entraram na empresa mais de 500 trabalhadores com contratos sem termo. O crescimento da força de trabalho da SEAT responde ao aumento de produção e de modelos na fábrica de Martorell e nos projetos estratégicos relacionados com a conetividade do automóvel e para a digitalização da empresa, bem como para o desafio e lançamento do Tarraco.
 
SEAT é a única companhia no seu setor com capacidade total para desenhar, desenvolver, fabricar e comercializar automóveis em Espanha. Membro do Grupo Volkswagen, a multinacional tem a sua sede em Martorell (Barcelona), exportando 80% dos seus veículos, estando presente em mais de 80 países dos cinco continentes. Em 2017, a SEAT obteve 281 milhões de euros de lucros depois de impostos, vendeu perto de 470.000 veículos e alcançou um volume de negócios recorde superior a 9.500 milhões.
 
O Grupo SEAT emprega mais de 15.000 profissionais nos seus três centros de produção: Barcelona, El Prat de Llobregat e Martorell, onde fabrica o Ibiza, o Leon e o Arona. Adicionalmente, a companhia produz o modelo Ateca e o Toledo na República Checa, o Alhambra em Portugal e o Mii na Eslováquia.
 
A multinacional espanhola tem um Centro Técnico que se configura um “núcleo de conhecimento” que integra cerca de 1.000 engenheiros que têm como objetivo impulsionarem a inovação do maior investidor industrial I&D em Espanha. A SEAT disponibiliza a mais recente tecnologia de conetividade na sua gama de veículos e está empenhada num processo de digitalização global da empresa para impulsionar a mobilidade do futuro.

Tags:

Sobre nós

Empresa automóvel.

Subscrever

Media

Media