SEAT poupa 13,8 milhões de euros graças à campanha interna “Ideias para Melhorar”

/      A iniciativa, que contempla um espaço de opinião para os trabalhadores, alcançou um novo recorde de poupança em 2016
/      Durante o ano foram recebidas 13.693 ideias e, dessas, cerca de metade foi premiada com um valor de quase dois milhões de euros
/      Nos primeiros seis meses de 2017 foram recebidas 6.000 propostas
/      A empresa dá mais um passo no seu compromisso com os empregados estreando uma nova secção na app mundoSEAT, denominada Área Empregado
 
Martorell, 16/08/2017. - O programa “Ideias para melhorar” lançado pela SEAT, que fomenta a participação dos seus colaboradores na melhoria dos processos e na poupança, resultou no ano passado num valor recorde de poupança para a empresa. Em 2016, a companhia conseguiu poupar quase 13,8 milhões de euros graças às propostas dos empregados, que entregaram um total de 13.693 ideias de melhoria.
 
Os empregados SEAT propuseram as suas ideias, contribuindo para melhorar os processos e, assim, partilhar a sua visão de como a companhia pode ficar mais eficiente. Cerca de metade das sugestões foram premiadas pela sua originalidade, capacidade de aplicação ou benefício para a companhia. No total, a SEAT distribuiu pelos seus empregados quase dois milhões de euros em prémios, repartidos em nove categorias: Produto, Instalações, Ergonomia, Poupança Energética, Easy, Melhoria de Processos, Qualidade, Meio Ambiente e Inovação.
 
Uma das ideias mais originais baseia-se num robot de condução que controla a direção e a velocidade do automóvel durante os testes de desenvolvimento dos sistemas de assistência à condução. Usando recursos internos, foi criado um sistema que define com grande precisão a velocidade e a trajetória que cada veículo deve realizar de forma repetitiva. Com esta ideia, evita-se a utilização de sistemas comerciais que representam elevados custos de aquisição, de manutenção e de adaptação aos veículos SEAT.
 
Ao longo dos primeiros seis meses de 2017, o programa Ideias para Melhorar, que incentiva a participação dos empregados na poupança económica, de energia e nas melhorias globais no ambiente laboral, incitando à criatividade como ponto chave de competência, recebeu um total de 6.000 ideias. O vice-presidente de Recursos Humanos da SEAT, Xavier Ros, destacou o índice de participação e “os efeitos positivos que este tipo de iniciativas tem nos trabalhadores, ao incrementar o sentimento de integração na organização e no incentivo à participação ativa”.
 
Compromisso da SEAT para com os seus trabalhadores
Além de contar a opinião dos seus empregados, a SEAT desenvolve diferentes atividades para melhorar as condições laborais e facilitar o dia-a-dia dos seus trabalhadores. Exemplo disso é a recente atualização efetuada na app mundoSEAT, que estreia a Área Empregado, uma nova secção pensada para os trabalhadores na qual são facultados todos os tipos de informação fundamental sobre a compra de automóvel, o sistema de remuneração ou a partilha de transporte para o trabalho, entre outras. Com esta aplicação, os empregados podem aceder a toda a informação relativa à relação laboral com a SEAT, consultar informação prática de telefones, horários de transporte coletivo ou até os menus dos refeitórios, entre outras opções.
 
Uma das funcionalidades que mais se destaca na app é a do novo SEAT Card, um cartão exclusivo que permite o acesso direto a descontos e a ofertas especiais a que só os empregados da empresa têm acesso.
 
Este tipo de iniciativas também se reflete no certificado Top Employer, atribuído à empresa pelo terceiro ano consecutivo. O Top Employers Institute, organização que certifica a nível mundial, desde 1991, as empresas que oferecem condições de trabalho excecionais aos seus empregados, reconheceu novamente por mais um ano o excelente ambiente de trabalho proporcionado pela SEAT aos seus trabalhadores.
 
 
SEAT é a única companhia no seu setor com capacidade total para desenhar, desenvolver, fabricar e comercializar automóveis em Espanha. Membro do Grupo Volkswagen, a multinacional tem a sua sede em Martorell, Barcelona, exportando mais de 81% dos seus veículos, estando presente em mais de 80 países, através de uma rede de 1.700 concessionários. Em 2016, a SEAT teve um lucro operacional de 143 milhões de euros, o valor mais elevado da história da marca, e vendeu cerca de 410.000 unidades.
 
O Grupo SEAT emprega 14.500 profissionais nos seus três centros de produção: Barcelona, El Prat de Llobregat e Martorell, onde fabrica, entre outros, os tão bem-sucedidos modelos Ibiza e Leon. Adicionalmente, a companhia produz o modelo Ateca e o Toledo na República Checa, o Alhambra em Portugal e o Mii na Eslováquia.
 
A multinacional espanhola tem um Centro Técnico que se configura um “núcleo de conhecimento” que integra cerca de 1.000 engenheiros que têm como objetivo contribuírem como força impulsionadora de inovação, do maior investidor industrial I&D em Espanha. A SEAT disponibiliza a mais recente tecnologia de conetividade na sua gama de veículos e está empenhada num processo de digitalização global da empresa para impulsionar a mobilidade do futuro.

Tags:

Sobre nós

Empresa automóvel.

Subscrever

Media

Media