SGS, Neopop e Sustentabilidade – Muito mais que um festival

Se lhe pedirmos para imaginar um festival de música, o que lhe vem imediatamente à mente? Muito provavelmente a imagem de uma multidão em constante animação será um dos primeiros registos. Este exercício imaginativo levanta, todavia, questões bem reais e de impacto social. Em que condições de segurança e sustentabilidade são realizados este tipo de eventos?

O 12º festival Neopop, em Viana do Castelo, decidiu mostrar sensibilidade apurada para a temática, tendo recorrido à SGS para aplicar a certificação “Evento Mais Sustentável” ao certame.

“Evento Mais Sustentável” – Afinal, em que consiste?

A SGS desenvolveu a certificação “Evento Mais Sustentável” visando a demonstração e reconhecimento de um compromisso sustentável em todo o ciclo de vida de um evento. Para alcançar a certificação, o certame deve atender aos mais altos pilares da sustentabilidade. Assim, os mais de trinta mil participantes no 12º festival Neopop, puderam comprovar a implementação de ações de preocupação sustentável e que fizeram do evento muito mais que um simples festival musical.

Tendo por base uma auditoria prévia realizada no terreno por uma equipa SGS, foi possível à organização avaliar os requisitos de sustentabilidade basilares do festival:

Montagens: Permitiram auditar a segurança dos trabalhadores – safety – , as medidas previstas de security, gestão local de resíduos e impacto na comunidade local.

Visita aos locais (durante o evento) e respetiva verificação da implementação das atividades planeadas.

Já no final do evento, a equipa SGS verificou condições de desmontagem e de reestabelecimento da normal atividade no local e redondezas.

 

A organização promotora do festival passou com distinção pelas fases referidas, tendo sido condecorada pelo cumprimento da Especificação Técnica, destacando-se pela implementação das seguintes ações mais sustentáveis:

  • Colocação de barreiras sonoras para mitigação do impacto na comunidade local
  • Adoção de medidas para racionalização de consumos energéticos: Aluguer de geradores eficientes e contratualização de viaturas Euro6 para transporte dos participantes;
  • Realização de um estudo económico onde foi revelado um impacto de aproximadamente 3,5 milhões de euros na comunidade local;
  • Adoção de medidas de promoção do bem-estar dos participantes: Utilização de aspersores para refresco nos picos de calor bem como disponibilização de cinco pontos de água gratuitos;
  • Acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida: WC para participantes em cadeira de rodas, balcões mais baixos e disponibilização de zonas de permanência.

 

Neopop Festival – “Em boa hora criámos a parceira com a SGS. Muito Obrigado!”

A aplicação das medidas acima descritas, proporcionaram à organização do Festival Neopop uma realidade há muito ambicionada: “Ao longo das suas 12 edições foi-se tornando preocupação crescente, tornar o Neopop Festival um evento cada vez mais sustentável e que deixasse uma pegada ecológica progressivamente menor. Apesar de algumas medidas avulsas tomadas ao longo dos anos, sentíamos a necessidade de uma orientação profissional, de uma parceria que nos ajudasse a descortinar problemas e encontrar soluções, com vista à persecução dos nosso objectivos de sustentabilidade. É aqui que em boa hora entra a SGS!” destacou Pedro Rebelo, Project Manager do Neopop Festival.

O responsável garante ainda que a parceria com a SGS permitiu elevar os padrões qualitativos do evento: A implementação das medidas descritas assim como a criação de instrumentos que permitem apurar da sua eficácia, fazem-nos crer que conseguimos tornar o Neopop Festival um evento de maior qualidade, focado na segurança e sustentabilidade e mais aprazível para todo o seu público.  Neste momento possuímos uma série de ferramentas que nos permitem melhorar a cada ano com vista a uma maior sustentabilidade, muito graças a todo o apoio e orientação da SGS. O nosso muito obrigado!”.

Com a confirmação oficial da 13ª edição do festival de música Neopop, as expectativas de todos os participantes estão agora mais elevadas e de desperta consciencialização sustentável. 

A SGS, por seu turno, continuará a ter nas pessoas o principal foco estratégico de toda a organização.

 

Sobre nós

A SGS é líder mundial em inspeção, verificação, testes e certificação. Presente em 140 países, a SGS opera em mais de 1650 escritórios e laboratórios, contando com 80.000 colaboradores em todo o mundo. Fundada em França, em 1878, pelo lituano Henri Goldstück, a SGS está sedeada na Suíça. Em Portugal desde 1922, hoje tem total cobertura nacional através de 8 escritórios, que incluem Açores e Madeira.

Subscrever

Media

Media