Siemens constrói unidade de produção para energia eólica offshore no Reino Unido

• Fabrico de pás de aerogeradores na costa leste do Reino Unido
• Novo centro de logística e serviços em Green Port Hull
• Criação de 1.000 novos postos de trabalho
• Investimento de mais de 190 milhões de euros em novas unidades de produção

A Siemens está a investir mais de 190 milhões de euros em novas unidades de produção no Reino Unido. Este investimento prevê o fabrico de pás de rotor destinadas a aerogeradores offshore de 6 MW de capacidade e inclui um novo centro de logística e serviços para a cidade de Hull. Recentemente, o primeiro-ministro britânico David Cameron e Michael Suess, membro do Conselho de Administração da Siemens AG e CEO do Setor Energy voltaram a afirmar, na cidade de Hull, o compromisso comum para estes projetos.

"A nossa decisão de construir uma unidade de produção de aerogeradores offshore em Inglaterra faz parte integrante da nossa estratégia global, ou seja, investir em mercados de condições fiáveis que assegurem que as fábricas possam trabalhar em pleno. A política energética britânica oferece um quadro favorável para a expansão da energia eólica offshore, porque reconhece concretamente o potencial desta energia no portefólio global da produção de energia", afirmou Michael Suess, membro do Conselho de Administração da Siemens AG e CEO do Setor Energy. O mercado de energia eólica offshore na Grã-Bretanha carateriza-se por elevadas taxas de crescimento, revelando um potencial ainda maior para o futuro. Em apenas 2 anos, a potência instalada de energia eólica duplicou para aproximadamente 10 gigawatts. Prevê-se a instalação, só no mar, de uma capacidade de 14 GW até 2020, para cumprir os objetivos ambientais do país em termos de energia limpa e segura. Atualmente, já estão em fase de planeamento projetos de longo prazo para alcançar uma capacidade instalada de cerca de 40 GW.

Enviamos mais informação em anexo.

Tags:

Sobre nós

Comercializacao de electrodomesticos, tecnologia e gadgets.

Subscrever

Media

Media