Siemens vai aumentar percentagem de mulheres na gestão de topo

Percentagem de mulheres nos dois primeiros níveis de gestão da empresa vai aumentar
Manutenção do número de mulheres no Conselho de Administração da Siemens — atualmente 2 dos 7 membros
Já foi atingida a cota de 30% de membros femininos no Conselho Fiscal
Em Portugal, a Siemens tinha, no final de 2014, 14,9% de mulheres a ocupar cargos de chefia
 
A Siemens pretende aumentar a percentagem de mulheres nas posições de gestão de topo da empresa. Até ao final de Junho de 2017, a percentagem em cada um dos dois níveis da gestão de topo da empresa, na Alemanha, deverá aumentar para 10%. Para o Conselho de Administração da empresa, o Conselho Fiscal da Siemens, fixou, como objetivo mínimo, manter o nível existente, até 30 de Junho de 2017. Lisa Davis e Janina Kugel fazem neste momento parte do Conselho de Administração da empresa, composto por sete membros. Com seis membros femininos, o Conselho Fiscal da Siemens AG já cumpre a quota de 30% de mulheres.

"Nos últimos anos, a Siemens tem estado empenhada em promover mais mulheres para cargos de topo. Os resultados são impressionantes, mas não devemos abrandar. Como empresa de tecnologia global, temos uma responsabilidade especial de promover a participação das mulheres em cargos de liderança. A mulher em posições de topo deve ser a regra e não a exceção", disse Janina Kugel, Chief Human Resources Officer da Siemens.

A Siemens Healthcare, por exemplo, tinha como meta que 25% dos membros do seu Conselho Fiscal fossem mulheres. Também esta meta foi cumprida. O objetivo da Healthcare é aumentar, até finais de Junho de 2017, a percentagem de mulheres no primeiro e segundo nível de gestão de topo para 5 e 18 porcento, respetivamente.

Em Portugal, a Siemens tinha, no final de 2014, 14,9% de mulheres a ocupar cargos de chefia. Um dos projetos da empresa, no sentido de potenciar o crescimento das mulheres na Siemens, é a rede GLOW for Diversity (Global Leadership Organization of Women), que se foca na promoção da igualdade de género, entre outras importantes temáticas. Esta plataforma pretende potenciar o crescimento das mulheres na empresa, através da criação de oportunidades de networking, entre outros , e contribuir para o desenvolvimento pessoal e profissional dos seus membros. A rede GLOW for Diversity tem cerca de 100 membros oriundos de todas as áreas da empresa.

Enviamos mais informação em anexo.

Tags:

Sobre nós

Comercializacao de electrodomesticos, tecnologia e gadgets.

Subscrever

Media

Media