FRAUNHOFER PORTUGAL, SONAE MC E SANTA CASA UNEM-SE NO COMBATE À MALNUTRIÇÃO NA POPULAÇÃO SÉNIOR

A Fraunhofer Portugal está a desenvolver, em parceria com a SONAE MC e a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, o projeto CordonGris, que tem como objetivo combater a malnutrição na população sénior através da disponibilização de novas soluções tecnológicas e serviços especializados. A iniciativa promove a qualidade de vida das gerações mais antigas e o envelhecimento ativo, aproveitando o potencial da Internet para garantir a autonomia desta faixa da população.

O software em desenvolvimento tem o objetivo de criar recomendações nutricionais e de promoção de um estilo de vida saudável, assim como soluções de assistência para compras. Esta iniciativa inovadora prevê também um serviço de entrega de alimentos e refeições, adequadas ao utilizador, e a oferta de descontos em compras, facilitando a gestão do orçamento associado à alimentação.

Ana Correia de Barros, investigadora da Fraunhofer Portugal, afirma: “Este será um serviço de equilíbrio entre procura e oferta e, por isso, um serviço que contribui para a redução de desperdício alimentar, podendo responder de forma específica às necessidades nutritivas de cada pessoa com entrega de alimentos que precisam de ser escoados pelos produtores.” 

Pedro Santos, Head of E-commerce da Sonae MC, afirma: “Estamos empenhados em desenvolver novas soluções que permitam antecipar e responder às necessidades dos clientes, ao mesmo tempo que procuramos promover a adoção de uma alimentação equilibrada e estilos de vida saudáveis. O projeto Cordon Gris enquadra-se também na nossa política da inovação aberta, permitindo-nos colocar ao serviço da comunidade as nossas valências em áreas como a tecnologia, logística e e-commerce, entre outras.”

Filomena Gerardo, coordenadora da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa de projetos nacionais e internacionais na área do envelhecimento, afirma: “Este é mais um projeto inovador no qual a SCML participa, com vista a colaborar na procura de soluções que melhorem a qualidade de vida da população sénior, recorrendo a tecnologias facilitadoras do dia-a-dia dos seniores e cuidadores”.

O projeto CordonGris, cujo nome resulta de uma alusão entre a famosa receita de cordon bleu e os cabelos grisalhos típicos da população sénior, tem a duração de dois anos e está a ser implementado em Portugal, no Reino Unido e nos Países Baixos. Para além dos parceiros nacionais, o projeto conta ainda com uma rede de empresas multinacional, da qual fazem parte a Red Ninja Studios e a Can Cook, do Reino Unido, assim como a Unie KBO, dos Países Baixos, para a implementação do software e distribuição de alimentos nos respetivos países.

(Comunicado integral em anexo)

Tags:

Sobre nós

Empresa de retalho.

Contactos

Subscrever