Sonae integra plataforma europeia de fomento do empreendedorismo

As principais empresas europeias juntaram-se para promover o empreendedorismo entre os alunos do ensino secundário. Em comum partilham a visão de que o empreendedorismo é chave para o futuro da Europa e para a capacidade de competir num ambiente global.


A Sonae é uma das 19 empresas fundadoras do “The Global Entreprise Project”, uma iniciativa que tem como objectivo fomentar o empreendedorismo entre os jovens do ensino secundário em toda a Europa. O “Global Entreprise Project” envolve a Junior Achievement-Young Enterprise Europe, associação especializada na formação em empreendedorismo, a European Round Table of Industrialists, organização que reúne os principais líderes empresariais europeus (entre os quais o CEO da Sonae, Paulo Azevedo, que é o único representante de uma empresa Portuguesa e a European Schoolnet, rede que junta os Ministérios de Educação de 30 países europeus com o objectivo de inovar no ensino e formação.


A Sonae é a única empresa portuguesa entre as 19 companhias que participam na fundação do “Global Entreprise Project”, que conta com o apoio de grandes empresas europeias, de que são exemplo a Shell, Siemens, GDF Suez, STMicroelectronics, Nokia, Repsol, Deustch Telekom, Heineken, Philips, Solvay, Telefónica e Total.


Catarina Oliveira Fernandes, directora de Comunicação, Marca e Responsabilidade Corporativa da Sonae, afirma que “A Sonae tem um compromisso com a educação dos mais jovens e o desenvolvimento de uma sociedade empreendedora, capaz de gerar riqueza. O fomento do empreendedorismo é, por isso, uma das prioridades que estabelecemos no âmbito da nossa política de responsabilidade corporativa e que nos tem levado a fomentar o voluntariado dos nossos colaboradores na promoção da inovação, da criatividade e do empreendedorismo”.


Programa prevê acções de formação e iniciativas de competição na área do empreendedorismo


Durante os três anos da iniciativa, 40 mil jovens europeus entre os 15 e 18 anos vão ter a oportunidade de criar e gerir uma empresa real, discutir a globalização, desenvolver parcerias com colegas de outros países aprender competências de empreendedor e aplicar os conhecimentos adquiridos.


Com o apoio dos professores e dos voluntários, os jovens serão desafiados a “aprender fazendo” e a trabalhar com diferentes profissionais.


O “Global Entreprise Project” contempla diferentes tipos de iniciativas de forma a promover o empreendedorismo entre os jovens. Além dos momentos de formação em sala de aula, o projecto inclui o “Interactive Web Space”, um portal na internet onde os jovens têm ao seu dispor vários casos de estudo e e-learning, questionários e jogos sobre empreendedorismo, ferramentas colaborativas, networking e actividades para professores e voluntários.


Outra das faces do projecto são as “Mini-Enterprise Partnerships”, uma iniciativa em que os jovens são estimulados à criação de mini-empresas, efectuando análises de mercado, estabelecendo estrutura de capital, definindo a oferta, etc.


Os jovens serão estimulados a desenvolverem joint-ventures com mini-empresas de outros países e no final existirá um concurso internacional onde serão eleitas as melhores mini-empresas.


O projecto prevê ainda a realização dos “Global Enterprise Camps”, onde os jovens enfrentam desafios com o objectivo de estimular a sua criatividade e inovação. Nos “National Camps” os alunos aceitam um desafio das empresas por 1 dia, propondo a melhor solução para o desafio, com o acompanhamento de voluntários das empresas. Nos “International Camps” os alunos agrupam-se em equipas internacionais de 5 para encontrar a melhor solução para um desafio e contam também com o acompanhamento de voluntários das empresas.


Catarina Oliveira Fernandes salienta que “no mundo actual, onde a competição se faz à escala global, os jovens precisam de desenvolver competências que os ajudem a triunfar. Ao fomentarmos a partilha de experiências de profissionais inseridos no mercado laboral com os jovens e ao estimular o seu espírito de iniciativa e de inovação, estamos a contribuir para o futuro do País e da Europa”.


Para mais informações contactar:

Diogo Simão

Director

M 351 93 652 86 39

T 351 21 319 56 43

F. 351 21 315 62 91

ds@ban.pt

Avª João Crisóstomo, 30 - 6º Esq

1050-127 Lisboa

PORTUGAL

www.ban.pt

Tags:

Sobre nós

Empresa de retalho.

Contactos

Subscrever

Media

Media